Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Viva Paiva Couceiro!

por João-Afonso Machado, em 05.10.21

BANDEIRA PAIVA COUCEIRO.jpg

Pessoa amiga ofereceu-me cópia de um extraordinário postal dos tempos da breve Monarquia de 1911. Estão lá os sêlos de correio então emitidos; mas estão lá, sobretudo, as duas bandeiras - a do Constitucionalismo e a do Legitimismo. E no cruzamento de ambas, a palavra "PAZ".

Quem não esteja inteirado do problema e o quiser averiguar, faça o favor de ler a História da época e do acontecimento. Para os restantes, uma citação do Prof. Doutor Jorge Borges de Macedo:

«Tudo continuou mais ou menos na mesma... O Rei foi o grande prejudicado, teve de sair para nunca mais voltar. A Nobreza, aparte uns sobressaltos urbanos, ficou sempre com a consideração do bairro e o crédito dos merceeiros».

Cruel, mas verdadeiro. O monarca em apreço é D. Manuel II. Poucos anos volvidos, o Conde de Vila Flor, presidindo à Causa Monárquica, escreve-Lhe: «A união de todos os monárquicos é uma quimera. (...) lavra o espírito de divisão, que afinal é o morbo que mais convulsiva as sociedades tradicionais».

Não vale a pena auto-flagerarmo-nos. O apelo de Paiva Couceiro à união em volta do Rei reinante, século e meio volvido sobre a Guerra Civil, caiu em muito pouco. O que é nada, comparado com a actualidade. Há quem já tenha descoberto uma bandeira azul-vermelha (parece que simbolizando as cores das tropas miguelistas...); há loucos a proclamarem, restaurar-se a "monarquia" e escolher-se o rei depois. As redes socias, escusado será dizer, cobrem todos estes dislates...

Permanecem os de sempre, desinteressados do mais além da Nação...

Monárquicos: quantos somos? Unidos em Portugal e no representante da nossa Casa Real?

Monárquicos: o que queremos? Aqui posso falar por mim - reunir, manter a crença dos monárquicos da minha terra. E só.

Se for assim, Província fora...



3 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 05.10.2021 às 17:54

me cago nestes políticos de merda
Sem imagem de perfil

De pitosga a 06.10.2021 às 13:52


Relendo e relendo [e creio que não treslendo] quer Jorge Borges de Macedo quer o então Conde de Vila Flor, traduziram a realidade naquela época.

Eu não aprecio a política nem os políticos. Aprecio quem, tendo o Poder, ajuda os necessitados — o que nunca será uma marca de se ser político.



Dávila, Nicolás Gómez: La liberad es el derecho a ser diferente; y la igualdad es la prohibición de ser-lo.

Camilo José Cela y Trulock: El que resiste, gana.

Friedrich Nietzsche: A politician divides mankind into two classes: tools and enemies.


Um abraço, com imensa tristeza.

Imagem de perfil

De João-Afonso Machado a 06.10.2021 às 15:07

Caro Pitosga: as pessoas devem ter inteira liberdade de serem (ou não serem) o que quiserem. Julgo até - politicamente, a avaliar pela abstenção eleitoral - as pessoas abdicaram de tudo, até de ir à urna dizer, pelo voto em branco, que não gostam de nenhum.
Mas quando as pessoas prosseguem um objectivo comum, têm de se organizar em torno de ideias comuns.
Falando na monarquia em Portugal: como poderá ela ser restaurada se há para aí mais «Casas dinásticas» do que sardinha no mercado?
Sempre fui monárquico. Mas hoje a Monarquia é para mimum belíssimo Ideal impossivel de concretizar, pelos apontados motivos. Uma lástima!
Abraço.

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Compete ao Estado zelar por nós, dizem. Mas, e se ...

  • Anónimo

    Tempos difíceis se aproximam e o Costa põe o corpi...

  • Anónimo

    https://blasfemias.net/2021/10/26/vai-se-a-ver-a-c...

  • Anónimo

    Subscrevo. Um período de má memória que vai deixar...

  • Carlos Sousa

    Pois, a reposição do imposto extraordinário não co...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2020
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2019
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2018
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2017
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2016
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2015
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2014
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2013
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2012
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2011
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2010
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2009
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2008
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2007
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D
    196. 2006
    197. J
    198. F
    199. M
    200. A
    201. M
    202. J
    203. J
    204. A
    205. S
    206. O
    207. N
    208. D