Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




"Vai trabalhar, Sócrates!"

por Vasco Lobo Xavier, em 26.10.15

Sobre José Sócrates e os factos que ele admite, de tão estranhos, e de mais uns quantos que têm vindo a público sem serem desmentidos, só podemos concluir uma de duas coisas quanto à inacreditável quantidade de dinheiro que ele gastou na sua vida mais recente: ou obteve essa dinheirama de forma ilegal, seja por corrupção ou outra qualquer, ou a gastava porque estranhamente tinha um amigo que lhe atirava pacotes de dinheiro, aos milhões, para as suas despesas de luxo.

 

Para as suas despesas, mas também para as despesas da sua família, para as da antiga família, para as despesas da nova família da antiga família, e ainda para um filho de um antigo ministro do seu governo e aparentemente ainda amigo actual, e por fim para as férias com uma amiga ou ex-amiga, namorada ou ex-namorada, confidente ou ex-confidente, conselheira de transacções imobiliárias ou não, enfim…., uma pessoa que não sei como pretenderá que seja tratada ou referida pelo que nada direi que possa ser prejudicial. Dinheiro para tudo isso. Pelo menos. Pelo menos mas mesmo assim já são muitos milhões. Montes de milhões e milhões para montes.

 

Ora bem. Como disse, só há duas hipóteses: ou o dinheiro é obtido de forma ilegal ou é oriundo de empréstimos bizarros e pouco comuns, feitos por quem nem sequer sabia quanto emprestou, tudo para que Sócrates mantivesse um nível de vida pouco usual para quem não faz pevide. Não há terceira via: ou é um vigarista, um criminoso, ou é um desgraçado que vive luxuosamente à custa de um amigo. De uma forma ou de outra, é pessoa pouco recomendável em qualquer lado do mundo. E esqueçamos por ora a bancarrota em que deixou Portugal.

 

Mesmo assim, neste estranho país, o homem é convidado para fazer uma conferência em Vila Velha de Ródão, sobre justiça e política, e é aplaudido de pé. Que seja. Poder-se-ia sempre pensar que é gente amiga da família, antigos conhecidos, gente arrecadada para ali como se fez nas livrarias aos livros dele ou coisa do género. Até aí tudo bem, ainda se compreenderia.

 

O que não se compreende é que as televisões nacionais, que sabem e conhecem toda e cada uma das palavras que este pequeno texto contém, dêem cobertura a tudo isto e passem em directo quase toda aquela colecção de banalidades que ele proferiu para se tentar defender. Num país decente, uma pessoa destas nem deveria sair à rua sem correr o risco de ser insultado. Aqui é como se nada fosse e ainda leva os jornalistas atrás.

 

E parece que agora ainda se queixa de viver com dificuldades. Dificuldades?!?... Ele não tem vergonha na cara! Dificuldades?!?... Vá mas é aprender um ofício e faça-se à vida! O único conselho que me ocorre dar-lhe é “vai trabalhar, Sócrates!”


93 comentários

Sem imagem de perfil

De comunista a 27.10.2015 às 09:40

É espantoso como vocês são tão extremistas, como atacam, insultam, e depois enchem a boca a chamar golpista a António Costa e extremistas ao PCP e ao BE.
Se há extremismo é da direita aristocrática e burguesa que você representam.
Sem imagem de perfil

De Burguês a 27.10.2015 às 15:58

falar em aristocracia e burguesia em pleno século XXI denota desde já uma visão ultrapassada da realidade...
Sem imagem de perfil

De António lapa a 27.10.2015 às 17:49

 Depende, se estiveres a falar de uma monarquia ou de uma democracia popular, por ex. Espanha ou Cuba, Percebes? Burguesia é o antónimo de proletariado(grande massa de assalariados), burguesia uns tantos quantos que vivem da mais valia do trabalho dos assalariados.
Sem imagem de perfil

De comunista a 27.10.2015 às 18:56

É atualíssimo!


Podia dar tantos nomes, mas as pessoas não têm culpa de nascerem nesta família ou naqueloutra, e é evidente que quase sempre nestes casos se tornam conservadores de direita, é praticamente hereditário..


Isso é o que é, é o determinismo social, por mais que se tente negar...o grave é que depois tentam governar ou estão ao serviço da governação, de modo informal, mesmo, tentando lançar o medo do segundo resgate na população que está exausta da austeridade bovina com que tem sido esmagada....mas quem é privilegiado e não sabe o que é a miséria não tem a noção.


Ouçam a Maria Filomena Mónica: "Quando vi o que era a miséria tornou-se-me impossível ser de direita" 
Sem imagem de perfil

De Abacca a 27.10.2015 às 23:37

oiçam o que um jornalista ex- comunista disse  depois de ter passado uns tempos na Uniao Soviética dos anos nos anos da ditadura comunista: depois de viver num pais comunista , foi-me impossivel continuar a ser esquerdista!! Eles gostam tanto dos pobres que os conseguem multiplicar !!!
Sem imagem de perfil

De tonimanager a 28.10.2015 às 08:08

Vejamos o que diz Jorge Amado um comunista


"A esquerda em geral não é democrata. Posso dizer porque fui comunista. Lutávamos confessadamente pela ditadura do proletariado, que resultou em ditaduras pessoais e violentas. Democracia não tem nada a ver com ideologia. Ou se é ou não é".
Sem imagem de perfil

De Henrique a 27.10.2015 às 21:43

A burguesia é composta por pessoas sem herança que criam a sua própria prosperidade através do trabalho (não tinham capital)
É incompreensível que os comunistas odeiem os burgueses mais do que odeiem a aristocracia (que detinha o capital).
Sem imagem de perfil

De Henrique a 27.10.2015 às 21:44

A burguesia é composta por pessoas sem herança que criam a sua própria prosperidade através do trabalho (não tinham capital)
É inaceitável que os comunistas odeiem os burgueses mais do que odeiem a aristocracia (que detinha o capital).

A existencia de burgueses é a demonstração que o capital muda de mãos e marx estava errado.
Sem imagem de perfil

De comunista a 27.10.2015 às 23:50

Viva José Saramago!


Quem está bem na vida, grandes empresários como Azevedo (a tal burguesia) têm que ser taxados para que as pequenas empresas e os indivíduos possam sair da asfixia fiscal e livrar-se da política de baixos salários
Imagem de perfil

De Vasco Lobo Xavier a 27.10.2015 às 20:55

Escolho o primeiro comentário (de momento estão 38) para dizer que acho engraçado que nenhum dos inúmeros comentários que critica o meu texto (ou me insulta) consegue fazê-lo recorrendo a algum argumento sério.

 

Repito o que disse no texto: quem gasta aquele dinheiro todo (que o próprio assume que gastou) sem que o tivesse ganho é porque o obteve de forma ilícita (e então é um criminoso) ou através de empréstimos pouco usuais (versão do próprio), para fazer uma vida tão faustosa quão preguiçosa, e assim é um desgraçado que não merece respeito de ninguém. Isto são evidências.

 

De qualquer das formas, pessoa que assim age é pouco recomendável, não é exemplo para ninguém. Não me compete dizer qual das situações é a verdadeira, mas não há terceira via. E nenhuma pessoa decente consegue argumentar contra estas evidências. Pode insultar-me por lhe fazer ver o óbvio, aquilo que não quer ver, mas não consegue contrariar o que eu escrevi.

 

Segundo ponto: não percebo a razão pela qual as televisões andam atrás dele a fazer propaganda a pessoa que, no mínimo, e mesmo que sigamos apenas a versão por si apresentada, é pouco recomendável: vive à grande à custa do outro, do amigo. Toda a gente pode pedir dinheiro emprestado aos amigos, nenhuma mais existe nesta situação que o próprio admite. Outra evidência inquestionável.   

 

Terceiro ponto: queixa-se o homem de viver com dificuldades (o que é um insulto para a população portuguesa que ele deixou na bancarrota, mas enfim...). Tem boa solução: aprenda um ofício e vá trabalhar, em vez desta coisa de ir viver para casa da ex-mulher com o actual companheiro. Mais uma evidência.

 

Ofereço assim aos críticos nova oportunidade para tentarem argumentar contra estas evidências. Ou podem só continuar a insultar, à míngua de argumentos.

 

Cumprimentos de quem trabalha para pagar as suas contas,

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.10.2015 às 22:39

Vasco tenha paciência se ninguém o leva a sério. Na verdade se não fosse o amigo Santos Silva como viveria JS se não tem qualquer rendimento? Como sabe abdicou do subsídio de integração e não solicitou a passagem à reforma. Já agora JS também não pertence a nenhuma administração, ou a várias em simultâneo, quer como administrador executivo ou não executivo. Isso é só para alguns "escolhidos" com "capacidades" que o comum dos seres humanos não "tem" ao seu dispor... Aceito que já tenha feito o seu julgamento pessoal mesmo antes do julgamento ter tido lugar. Mad, apesar de tufo, esperava de si um comportamento civico melhor do que o Correio da Manhã... Afinal enganei-me profundamente.  Estamos sempre a aprender. Passe bem.
Sem imagem de perfil

De Abacca a 27.10.2015 às 23:55

Concordo plenamente com Lobo Xavier! Nao percebo como há ainda quem acredite no Sócrates!! E já me irrita essa teoria de que criticá-lo  é julgamento em praça publica!! era o que me faltava nao poder  pôr em causa um ex primeiro ministro que vive nesta opulencia, de emprestimos generosos dum amigo, poe motorista, ex-mulher, empregada domestica, namorado da ex etc..etc..a comprar livros que escreveu, paga contas astronomicas de hoteis e restaurantes com maços de notas, compra fatos das marcas mais caras do mundo etc..etc.. e ainda tem a lata de dizer que vive na penuria!! ah, e nao esquecer tambem como quadros valiozissimos foram aparecer na casa da empregada domestica! este homem é exemplo para alguem???
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 28.10.2015 às 10:00

É claro que ele não pediu subsidio de integração. Precisava ? Com os milhões que tinha empochado e com a vida megalómana que levava, para que precisava o grande Sócrates dessa "ninharia".
E já agora, que administração séria, pretendia um vigarista lá a trabalhar ? Mas, lá arranjou um semi emprego, que o Guterres denominou de "um grande tacho ". 
Sem imagem de perfil

De Abacca a 27.10.2015 às 23:32

gostava que alguem da esquerda me explicasse o seguinte: Porque existem ex- esquerdistas , mas não existem ex- direitistas? Porque cubanos fogem para Miami , mas não vemos americanos fugirem para Havana? Porque motivo os norte coreanos tentam desesperadamente fugir para a Coreia do sul , mas o reverso não é visto? Porque no passado , alemães orientais tentavam pular o muro de Berlim para o lado capitalista, mas o contrário nunca se viu? 
Imagem de perfil

De Vasco Lobo Xavier a 28.10.2015 às 23:09

Não ataco nem insultei, limitei-me a constatar factos que você não consegue contestar. E, nos textos que escrevo, só me represento a mim próprio.
Sem imagem de perfil

De Maria a 27.10.2015 às 10:25

O seu texto é mesmo pobrezinho! Pobre de ideias e de estilo. Um  horror!
Sem imagem de perfil

De berto a 27.10.2015 às 11:06


Muito bem escrito ..parabéns
Sem imagem de perfil

De jj a 27.10.2015 às 15:04

Os seg.da col. Tao col ao tacho com sup. Cola toc.toc?acorddem acabou o sonho
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.10.2015 às 11:19

Coitados de voces que tanto defendem a falta de principios....
Imagem de perfil

De Vasco Lobo Xavier a 28.10.2015 às 23:09

Pois será. Conteste-o, se puder.
Sem imagem de perfil

De maya a 27.10.2015 às 11:27

Os dois comentários anteriores só podem vir de alguém que também comprou uns livritos e obteve alguns créditos nalguma universidade privada
Sem imagem de perfil

De berto a 27.10.2015 às 15:20

Apoiado..
Sem imagem de perfil

De jj a 27.10.2015 às 19:39

es algum simio de imitacao ou o que tens em cima dos ombros e algum algum apartahotel de piolhagem
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.10.2015 às 18:57

VAI TRABALHAR PÁ!
Sem imagem de perfil

De jjj a 27.10.2015 às 11:35

calado dizias tudo ..........parece que estas com inveja.....sera que se fosses tu  nao serias igual ou pior?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.10.2015 às 12:56


Não estarás também comprometido?
Quem comenta desta forma
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.10.2015 às 11:39

Caro Vasco Xavier,


Muito bom texto fez bem em não dizer mais nada senão será certamente processado!


Quantos aos restantes comentários que já por aqui li apenas digo se um pobre rouba para comer é um ladrão se um rico rouba Milhões é visto como um lider enfim Portugal no seu melhor!
Sem imagem de perfil

De Josephvs a 27.10.2015 às 15:41

"um rico rouba milhoes".... man vc canta esquerdoide, talvez nem saiba Q o é :)
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 28.10.2015 às 00:28

Subscrevo. Tal como a Lobo Xavier, causa-me espanto (para não dizer nojo) esta corrida dos jornalistas atrás de Sócrates, um sujeito que foi PM e tem o desplante de dizer que não sabe de onde lhe vem o dinheiro.  E diz isto porque já não pode continuar a dizer que não tinha e não gastava, face à vida que levava. Da proveniência da massa, só sabe que há um amigo (e que amigo!) que ao mínimo piscar de olhos ou estalar de dedos lhe punha na conta uns milhões. E como bem diz, pelos vistos a coisa estendia-se à ex-família, à atual família e, quiçã, à futura família. Cabe perguntar onde diabo o amigo arranjava tanto guito. E a Comunicação Social dá-se ao trabalho de nos impingir as declarações do senhor sobre a Justiça (ainda por cima advogado em causa própria). Será que pode haver direito ao contraditório? Confesso que gostava de ouvir os senhores do Ministério Público e os juízes  a perorarem sobre o assunto.
Imagem de perfil

De Vasco Lobo Xavier a 28.10.2015 às 23:11

Eu sei exactamente o que escrevo. Mas agradeço o conselho. Cumprimentos.
Sem imagem de perfil

De Makiavel a 27.10.2015 às 11:47

O discurso daqueles que acordam, respiram, mastigam, deitam-se e voltam a acordar com Sócrates passou da inequívoca condenação por corrupção para uma mais prudente condenação do seu estilo de vida.
Faltou referir os ténis Prada.
Esta croniqueta devia estar na coluna da última página do correio da manha.
Imagem de perfil

De Vasco Lobo Xavier a 28.10.2015 às 23:11

Conteste-a, se puder.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.10.2015 às 11:51

É tristes ver o eleitorado português ser tão fraco ao ponto de continuar a dar crédito a este tipo de políticos (populistas, vendedores da banha da cobra) que fazem o que fazem e continuam a usar o método da psicologia do coitadinho e da vitimização (como ó gato das botas da serie shrek) porque eles sabem que ainda há margem para isso (até lançam livros etc.). Quando esse individuo foi preso eu perguntei a mim mesmo "ok  e os outros", independentemente se são da direita, da esquerda, meio direita, meio esquerda + ao centro e por aí fora.
Eu fico triste é que povo critica a justiça, a mesma não é apara todos blá blá blá, quando a mesma faz ou tenta fazer alguma coisa de repente aparece umas forças passam para o lado do acusado (apoio popular, personalidades publicas etc.). Apanhar tubarões não é fácil, por isso mesmo porque eles são tubarões, mas lá por não conseguir apanhar todos não que dizer que se não possa apanhar alguns ou tentar. Do Sócrates como de muitos outros quer da direita ou da esquerda, não tenho pena nenhuma deles, antes pelo contrário tenho nojo.
Sem imagem de perfil

De Mario a 27.10.2015 às 12:19

Que o Zé desfrutou, abusou do sistema ninguém tem dúvidas, agora pergunto eu á inteligência lisboeta, política, financeira, jornalística  aquele que não beneficiou do tal sistema que levante a mão, recordo que o simpático, e limpinho Marcelo Rebelo de Sousa no passado gozou  férias na casa de amigo na quinta do lago, recordo também os amigos banqueiros do presidente facebook é assim que o chamo porque está sempre on-line.
Não advogado de ninguém e não  gosto destes julgamentos em praça pública e apesar das acusações penso que Sócrates não será condenado, isto é a minha opinião porque como todos os portugueses estou à espera das provas.

Sem imagem de perfil

De Abacca a 28.10.2015 às 01:32

Ó Mario  , penso q não percebeu bem o conteúdo do artigo. Não se trata de alguém que beneficiou um pouco com o cargo de 1 ministro, como diz que todos o fazem( tenho a certeza que há mtos honestos ). Estamos a falar de abusos e roubos ao mais alto niveil, com esquemas bem engendrados, com rede de colaboradores , com empresa do maior amigo a quem foram adjudicadas várias obras chorudas, esse mesmo que lhe pagava tudo, emprestava andares de luxo, comprava todos os exemplares dos seus (?) livros e um sem número de histórias confirmadas plo próprio e que a
Pretende q nós achemos tudo isto normal. A maior parte das pessoas não precisam de provas e julgamentos  para condenar estes actos já por ele confessados..,, para mim chega, bastam estes comportamentos para eu ter vergonha do nosso ex 1 ministro e achar q ele não serve de exemplo para ninguém .... 
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 28.10.2015 às 10:39

Pois eu, caro Mário,
Espero vê-lo no "xelindró" o mais rápido possível. O incrível é haver gente que defende esta estirpe de gente. É preciso não ter amor próprio!
Deixa-nos com as calças na mão e foi "ser feliz" (palavras dele) para Paris. Miserável de carácter!
Sem imagem de perfil

De PPal a 27.10.2015 às 12:29

Da esquerda á direita é tudo uma cambada de intrujas. O ano passado foram todos aumentados no vencimento e a ver se algum partido foi contra?
Nenhum!! ninguém disse nada.


300 e tal deputados para quê?é só ilimunados nestes Portugaleco , devia era tudo viver com os 505€ de ordenado mínimo nacional... 
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.10.2015 às 21:40

São 230!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 28.10.2015 às 09:06

+ madeira e açores!
Sem imagem de perfil

De marta a 27.10.2015 às 12:39

q post tão descabido..apague..sem jeito nenhum!
Imagem de perfil

De Vasco Lobo Xavier a 28.10.2015 às 23:13

Consegue contrariar alguma coisa que eu tenha escrito? Ou só não gosta da realidade? Temos pena.

Comentar post


Pág. 1/5



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com



Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • lucklucky

    Com o jornalismo que existe no ocidente é inevitáv...

  • lucklucky

    Break even é zona depressão.

  • Anonimo

    Não dá para sair com break even?

  • Anonimo

    Esquerda e direita. Os extremos woke. Os que dizem...

  • Anonimo

    Ou se calhar era uma questão de tecnologia. Não de...


Links

Muito nossos

  •  
  • Outros blogs

  •  
  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2024
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2023
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2022
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2021
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2020
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2019
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2018
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2017
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2016
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2015
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2014
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2013
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2012
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2011
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2010
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D
    196. 2009
    197. J
    198. F
    199. M
    200. A
    201. M
    202. J
    203. J
    204. A
    205. S
    206. O
    207. N
    208. D
    209. 2008
    210. J
    211. F
    212. M
    213. A
    214. M
    215. J
    216. J
    217. A
    218. S
    219. O
    220. N
    221. D
    222. 2007
    223. J
    224. F
    225. M
    226. A
    227. M
    228. J
    229. J
    230. A
    231. S
    232. O
    233. N
    234. D
    235. 2006
    236. J
    237. F
    238. M
    239. A
    240. M
    241. J
    242. J
    243. A
    244. S
    245. O
    246. N
    247. D