Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A minha sondagem *

por José Mendonça da Cruz, em 01.06.11

 com mais do que

 

(* Tendo em conta os mais de 20% de indecisos que, no entanto, dizem que têm quase a certeza de como vão votar)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Curioso, não é?

por Pedro Quartin Graça, em 01.11.10

Um blog conotado com aquilo que, alguns, chamam de esquerda (confesso que nos tempos que correm tenho imensa dificuldade em perceber o que isso é) está a fazer um inquérito/sondagem sobre quem os leitores vão votar nas eleições presidenciais. Curiosamente nele foi colocado o nome de S.A.R. o Duque de Bragança. Resultado? D. Duarte lidera a sondagem...Pois é...

Confira a votação aqui.

 

Como vai votar nas Presidenciais?

  • Cavaco Silva (3%, 92 Votes)
  • Manuel Alegre (1%, 41 Votes)
  • Fernando Nobre (7%, 198 Votes)
  • Duarte Pio (40%, 1.180 Votes)
  • Francisco Lopes (1%, 16 Votes)
  • Defensor Moura (0%, 3 Votes)
  • Candidato Vieira (4%, 131 Votes)
  • António Pedro Ribeiro (0%, 9 Votes)
  • Não voto (41%, 1.226 Votes)
  • Em branco (2%, 50 Votes)
  • José Pinto-Coelho (1%, 10 Votes)
  • Total Votantes: 2.956

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sondagem da Universidade Católica

por Pedro Quartin Graça, em 29.10.10

PSD com 40% nas intenções de voto

O resultado do PSD implica a sua subida, em 3 pontos, face a anterior estudo desta Universidade de Junho passado e resulta também da enorme queda do PS, em 8 pontos. Confira tudo aqui.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Hecatombe rosa

por Pedro Quartin Graça, em 29.10.10

O desastroso mandato de José Sócrates à frente do Governo do PS foi, finalmente, "percebido" pelos portugueses. E estes ainda não começaram a sentir "no bolso" os efeitos do consulado socialista em sede de ordenados e de IRS. Quando assim for o caminho para a "razia eleitoral" rosa pode ser uma realidade. Daí o recuo estratégico de Sócrates numa tentativa de recuperar fôlego. Mas o tempo está contra ele.

Autoria e outros dados (tags, etc)

E a conclusão é...?

por Pedro Quartin Graça, em 17.10.10

sondagem expresso
Luís Paixão Martins sintetizou no seu blog em gráfico a sondagem publicada no Expresso de ontem que, com a devida vénia, aqui reproduzimos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Empate total!

por Pedro Quartin Graça, em 15.10.10

Estudo de opinião efetuado pela Eurosondagem, S.A. para o Expresso, SIC e Rádio Renascença, de 06 a 12 de Outubro de 2010 publicado aqui.

Autoria e outros dados (tags, etc)

A última sondagem - Legislativas

por Pedro Quartin Graça, em 28.06.10

PSD ultrapassa PS ao fim de oito anos

 

PSD ultrapassa PS ao fim de oito anos

 

A cor verde dos "Outros" foi muito bem escolhida.

 

Fonte: Jornal de Notícias

Autoria e outros dados (tags, etc)

O óbvio ululante

por Pedro Correia, em 20.12.08

O PSD obtém o pior resultado dos últimos dois anos em sondagens. Com Manuela Ferreira Leite claramente atrás de todos os os outros líderes políticos. Digam o que disserem alguns yes boys laranjinhas, especialistas em negar o óbvio ululante, a ex-ministra das Finanças de Durão Barroso está a conduzir o partido rumo ao desastre. Eu se fosse a José Sócrates rezava a todos os santinhos para que a caridosa senhora se mantivesse à frente do PSD. Mais uns meses e dá cabo daquilo. É só disso que Sócrates precisa: mais uns meses.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Breves reflexões sobre a última sondagem

por Pedro Correia, em 16.07.08

 

 

 

 

 

1. Vitória? Que vitória? O PSD vê o PS fugir mais ainda em comparação com a anterior sondagem da Universidade Católica, realizada em Fevereiro - no auge da liderança de Luís Filipe Menezes.

2. Crise? Que crise? O PS de Sócrates, que há cinco meses obtivera 39% das intenções de voto, recupera um ponto percentual. Longe da maioria absoluta, é certo. Mas oito pontos acima do "novo" PSD, que não descola.

3. Oposição? Que oposição? À esquerda do PS consolida-se um conjunto de intenções de voto que ronda os 20 pontos percentuais: o PCP sobe aos 10% (tinha 9% em Fevereiro) e o BE aguenta 7% (tinha 8%).

4. CDS? Que CDS? O putsch de Paulo Portas contra José Ribeiro e Castro enterrou de vez o partido que já foi de Diogo Freitas do Amaral, Francisco Lucas Pires e Adriano Moreira. Três por cento - eis quanto vale hoje o PP de Paulo Portas. Daqui a um ano arrisca-se a desaparecer do mapa parlamentar, como já desapareceu do mapa autárquico.

5. Futuro? Que futuro? Com Sócrates, estes resultados só permitem antever uma solução governativa: uma coligação PS-PSD, inspirada na actual "grande coligação" alemã. Ainda havemos de ver Manuela Ferreira Leite voltar a dar a bênção ao TGV. Em nome daquilo a que José Pacheco Pereira, com o ar grave de sempre, não hesitará em definir como "interesse nacional".

Autoria e outros dados (tags, etc)



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Parabéns pelo texto. Excelente.Esta mulher, Clara,...

  • Branca de neve

    Pensa mal. A geringonça já providenciou a ditadura...

  • Anónimo

    1974, Setembro, LM:Antes de seguir para a cidade, ...

  • Anónimo

    Muito bem escrito.Devemos ter sido amigos e vizinh...

  • Sarin

    Porque nem sempre discordamos, permita-me partilha...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D