Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Este país não é para velhos

por Pedro Correia, em 10.04.08

De acordo com o que o Pedro Soares Lourenço escreve aqui. Prometo voltar ao assunto.

Uma loura muito inteligente

por Pedro Correia, em 31.03.08

Loura e burra são sinónimos? Nada disso. Vejam Sienna Miller em Entrevista, o melhor filme que está por aí em cartaz. Dirigido (e também interpretado) por Steve Buscemi - um dos Sopranos. Há muito tempo que não via um desempenho feminino tão bom. Em todos os sentidos que esta palavra encerra.

 

P. S. (sem conotações) - A "crítica" portuguesa deu poucas estrelas ou ignorou por completo esta película. Não façam caso, como eu não fiz.

Ei-las que regressam

por João Villalobos, em 27.02.08

 Um filme onde Jesus enfrenta vampiras lésbicas. Existirá uma obra capaz de alcançar um nível de tão esmagadora transcendência pop? Oh, sim, se existe! Chama-se Jesus Christ Vampire Hunter e, na fita, o messias mostra o que vale combatendo ao lado de El Santo, um lutador de wrestling mexicano e de Mary Magnum, mulher fatal vestida de vermelho com paixão por canhangulos. "In the new millennium, vampires no longer fear the sun. Now they're going to learn it's time to fear the Son of God", anuncia com um trocadilho bem engendrado o trailer desta produção canadiana de baixo orçamento. Já estou a imaginar o nosso Távora com os pelos do braço todos arrepiados. Mas, no fundo, a mensagem não merece críticas: O Bem vence, a Luz derrota a sombra e as lésbicas deixam de ser atacadas por quem lhes quer mal. Final feliz, portanto.

Adorava ter escrito isto

por Pedro Correia, em 16.10.07
É uma das melhores “falas” que descobri desde sempre em filmes. Escutei-a num western com Marlon Brando no principal papel: Um Homem Sem Medo (no original, The Appaloosa, realizado por Sidney Furie em 1966).
Nos momentos iniciais, um Brando fatigado e barbudo chega a uma cidade fronteiriça, no sul dos Estados Unidos, e a primeira coisa que faz é dirigir-se a uma igreja para se confessar. E o que confessa ele? “Pequei, padre. Matei muitos homens e amei muitas mulheres. Mas os homens mereciam morrer e as mulheres queriam pecar. E discutir nunca foi o meu forte...”
Confesso agora eu: adorava ter escrito isto.

Mas que pouca vergonha é esta?!

por Corta-fitas, em 28.03.07

Quem é este Zelito Viana? Insinuações torpes, charutos fálicos
e olharzinhos matreiros? Eu já lhes conto!

Este país dava um filme

por Corta-fitas, em 26.03.07
«Cavaco foi ao cinema». Ou melhor, à igreja. Igreja essa que «foi minuciosamente vistoriada pela segurança do Presidente». O filme chama-se «Dot.com» e a má da fita é uma multinacional sediada em Madrid. Tudo isto é tão tuguich zeitgeist que até causa impressão. Imperdível, como escrevia o crítico.

Ainda o momento transformista

por Corta-fitas, em 13.03.07

It's just a jump to the left (and a step to the right)

Venha o próximo

por Corta-fitas, em 13.02.07

«E elas? Para quando um referendo que extermine a longa noite obscurantista em que vivem, clandestinas? Não terão também direito a viver no Século XXI? A frequentar às claras estabelecimentos hoteleiros legalmente autorizados?»



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    José Mendonça da Cruz,Sabujo é meiguice para esta ...

  • Anónimo

    Caro SenhorEu não me preocuparia tanto com as cons...

  • Anónimo

    Uma forma de prostituição, mas mais hipócrita.Aind...

  • Sínico

    O que escreveu está certo e os dois exemplos (as d...

  • Anónimo

    https://www.youtube.com/watch?time_continue=21&...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2008
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2007
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2006
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D