Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Se a direita não tivesse ganho a direita tinha perdido

por José Mendonça da Cruz, em 10.06.24

Pedro Nuno Santos festeja a grande noite da vitória, e, evidentemente os nossos media esquerdizados festejam-na com ele, confirmando uma vez mais e ainda que não são orgãos de informação, são orgãos de outra coisa qualquer. «Sem contar com o Chega, a esquerda é maioritária», proclamava ontem PNS, como conclusão de umas eleições para o Parlamento Europeu, com mais de 60% de abstenção. Com brilho ímpar PNS determina, pois, que a esquerda seria maioritária se não fosse minoritária.


15 comentários

Sem imagem de perfil

De cela.e.sela a 10.06.2024 às 14:01

democracia muito representativa com 64% de 'abstinência'
Imagem de perfil

De O apartidário a 10.06.2024 às 14:31

No mar tanta tormenta e tanto dano,
Tantas vezes a morte apercebida!
Na terra tanta guerra,tanto engano,
Tanta necessidade aborrecida! 
Onde pode acolher-se um fraco humano,
Onde terá segura a curta vida,
Que não se arme e se indigne o Céu sereno
Contra um bicho da terra tão pequeno? 
 Canto I , 106
Sem imagem de perfil

De Anonimus a 10.06.2024 às 15:04

Sem contar com o Sporting o Benfica ficou à frente no campeonato!
Imagem de perfil

De Vagueando a 10.06.2024 às 15:06

Quando Passos Coelho ganhou (porque teve mais votos) as eleições e se formou a geringonça, caiu o Carmo e Trindade, agora que o PS ganhou (porque teve mais votos), afinal não ganhou. 
Afinal quem ganhou, sem margem para dúvidas foi a abstenção, percebe-se porquê.
Sem imagem de perfil

De Manuel da Rocha a 10.06.2024 às 15:36

Entre as 19:00 e as 22:02, 95% (contagem por baixo) dos 8 canais televisivos portugueses e mais de 60 comentadores, não deixaram passar 1 minutos em que, algum dos comentadores ou jornalista, não referisse "A AD poderá ganhar as eleições até por mais de 4%, pois isto são projecções e há um intervalo de erro nos 3,75%" (Bernardo Ferrão, SIC ás 21:15). 
Quando a CNE revelou os resultados reais, todos os media portugueses (já incluo as redes sociais, que estiveram muito calmas, até essa hora) vieram anunciar: "A direita vai eleger 14 deputados, a esquerda 7." (segundo as actualizações das sondagens, a essa hora, PSD iria eleger 8, Chega 3 e IL 3.)
Ao passar dos minutos, a "vitória esmagadora" do Bugalho, passou a ser "vitória esmagadora da direita mesmo com a pequena descida do Chega e a gigantesca subida da IL". 
E você diz que os media são de esquerda?????? Até ao apuramento da antepenúltima freguesia os canais de tv, jornais e rádios, mantiveram que a AD iria ganhar, que o Chega iria eleger 3 deputados, assim como a IL e que o BE e CDU não tinham hipótese. 
Mesmo quando o eleito da CDU fez a festa, TODOS OS CANAIS E TODOS OS JORNALISTA, disseram que era provável que não fosse eleito pois a AD teria, "mais de 80000 votos" nas 2 freguesias que faltavam apurar. Quando entrou a penúltima, foi o descalabro nos 8 canais televisivos, jornais e redes sociais. Afinal a AD até ficou em 4 lugar, nas mesas de uma freguesia de Setúbal, onde o PS venceu e a CDU ficou em 2, seguida da IL. Só nesse momento TODOS OS JORNALISTAS E COMENTADORES aceitaram que estavam a levantar FALSAS SUSPEIÇÕES sobre a eleição dos líderes de listas do BE e CDU. E você diz que os media são de esquerda? Se fossem, como afirma saber que são, porque é que estiveram até ao último milésimo de segundo do apuramento da última mesa, a dizer que a AD, Chega e IL iriam eleger mais deputados? É que os 4 deputados que sobravam, PS levou 2, AD 1, BE 1 e CDU 1. 
Anda a mentir e inventar apoiantes, que são seus, como não dando 5000 milhões de votos à AD, Chega e IL, como você quer que façam. 
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 10.06.2024 às 18:29

Obviamente que não foi uma grande vitória tal como a de março também não, embora só a de ontem seja apontada como pequena.
Sem imagem de perfil

De passante a 10.06.2024 às 21:45

Nem sei como é que gente que só conseguiu convencer 11.7% do eleitorado (0.32 x 0.365) tem lata de abrir a boca.


Ninguém faz pouco deles, a ver se ganham noção?
Sem imagem de perfil

De Anonimus a 11.06.2024 às 10:44

Foi por poucochinho, citando um conhecido comentador futuro presidente
Sem imagem de perfil

De separatista-50-50 a 11.06.2024 às 10:51

A  Europa do regresso da LIBERDADE ao planeta
... versus...
a Europa dos 500 anos de parasitismo&pilhagem (p&p)
.
.
.
Os europeus dos 500 anos de parasitismo&pilhagem estão perfeitamente identificados no planeta:
1- «a nossa economia precisa de outros como fornecedores de abundância de mão-de-obra servil».
2- «a nossa economia precisa da exploração das matérias-primas de outros».
Consequência: coligação/vassalagem aos «construtores de caravelas».
.
--->>> Os boys/girls do parasitismo&pilhagem (p&p), em coligação /vassalagem aos «construtores de caravelas», apresentam um currículo de 500 anos:
- roubos/pilhagens na América do Sul, na América do Norte, na América do Norte, na América Central, África, Austrália.
- mais: implementação de caos... para depois roubar/pilhar matérias-primas no Iraque, Síria, Líbia,...
.
.
Os Identitários reivindicam:
---> O REGRESSO DA LIBERDADE AO PLANETA!
- isto é: povos autóctones dotados da LIBERDADE de trabalhar para a sustentabilidade,  explorar as suas riquezas naturais, prosperar ao seu ritmo.
- isto é: os parasitas que não gostam de trabalhar para a sustentabilidade, os tiques-dos-impérios lovers, os globalization-lovers, os UE-lovers, etc, que fiquem na sua/deles... respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa.
- isto é: SEPARATISMO IDENTITÁRIO:
--» blog http://separatismo--50--50.blogspot.com
.
SIM: a História não começou à 500 anos!
Sem imagem de perfil

De balio a 11.06.2024 às 14:46


Não é para mim claro que a esquerda seja minoritária.
Nestas eleições, a direita elegeu nove eurodeputados (7 da AD e 2 do CHEGA) e a esquerda dez (8 do PS, 1 do BE e 1 da CDU). Os restantes 2 eurodeputados são da IL, e não é para mim claro que a IL deva ser classificada como sendo de direita (nem de esquerda).

Comentar post


Pág. 1/2



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com



Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes


Links

Muito nossos

  •  
  • Outros blogs

  •  
  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2024
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2023
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2022
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2021
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2020
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2019
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2018
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2017
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2016
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2015
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2014
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2013
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2012
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2011
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2010
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D
    196. 2009
    197. J
    198. F
    199. M
    200. A
    201. M
    202. J
    203. J
    204. A
    205. S
    206. O
    207. N
    208. D
    209. 2008
    210. J
    211. F
    212. M
    213. A
    214. M
    215. J
    216. J
    217. A
    218. S
    219. O
    220. N
    221. D
    222. 2007
    223. J
    224. F
    225. M
    226. A
    227. M
    228. J
    229. J
    230. A
    231. S
    232. O
    233. N
    234. D
    235. 2006
    236. J
    237. F
    238. M
    239. A
    240. M
    241. J
    242. J
    243. A
    244. S
    245. O
    246. N
    247. D