Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




São até condições muito interessantes...:

por Vasco Lobo Xavier, em 08.10.15

 

Lê-se na primeira página do Público que “PCP não põe condições radicais” e garante a viabilização de um governo de Costa.

Este apresenta-se bem contente com o PCP, com quem teria tido uma “reunião franca” e um “diálogo sério”. E que vão continuar a falar e a trabalhar para encontrarem pontos de “pontos de convergência” e não de divergência. Tudo numa paz total, o PCP não coloca “condições radicais”.

Vamos então ver que condições nada radicais coloca o PCP a António Costa.

Segundo o Observador (o Público esqueceu-se de desenvolver o tema),

“António Costa não saiu da sede do PCP sem um caderno de encargos – que entraria no programa de Governo e, seguramente, no Orçamento de esquerda. São as seguintes as condições de Jerónimo:

  • Valorização dos salários, nomeadamente o aumento do salário mínimo para 600 euros no início de 2016;
  • Combate à precariedade – alteração à legislação laboral
  • Reforço da contratação colectiva
  • Reposição dos salários, pensões e feriados e outros direitos cortados nomeadamente os complementos de reforma;
  • Política fiscal justa;
  • Eliminação das taxas moderadoras
  • Reposição do transporte de doentes não urgentes
  • Reversão dos processos de concessão, sub-concessão e privatização das empresas de transporte;
  • Revogação da alteração à lei da interrupção voluntária da gravidez;
  • Retomar o controlo público de empresas estratégicas
  • Renegociação da dívida»

Belas condições. Nada radicais. Nada radicais mesmo.



13 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 08.10.2015 às 21:02

Então e o Campo Pequeno?
Sem imagem de perfil

De Não está completo a 08.10.2015 às 22:44

E a renacionalização das grandes empresas mai-la dos bancos e saída do euro
e da nato e da ue e no fim ceder-lhes o poder porque é isso que está determinado nos astros do marxismo leninismo.
Sem imagem de perfil

De zazie a 08.10.2015 às 22:53

Mas eu ainda nem percebi


Esta gente está louca? Logo das raras vezes que voto e que até perdem aqueles contra quem votei é que vêm agora dizer que o voto não serviu para nada?


Desde quando as pessoas votam em "esquerda" ou "direita"? Só falta agora fazer referendo para se saber quanto povo de esquerda e de direita existe para depois também terem direitos diferentes de voto.
Sem imagem de perfil

De Lufra a 08.10.2015 às 23:48

E a adesão ao Pacto de Varsóvia, Não?
Sem imagem de perfil

De MaoZéDong a 09.10.2015 às 09:38

Daquele elenco todo não há uma medida que potencie (bem pelo contrário) o crescimento económico, crescimento esse que é necessário para sustentar todas aquelas reivindicações ideológicas. Mas isso claro, também não interessa assim como há quem continue a acreditar, seja por ignorância, infantilidade, fanatismo ideológico ou tudo junto que basta votar numas eleições para acabar com a austeridade. 
Sem imagem de perfil

De Afonso Azevedo a 09.10.2015 às 10:00

O demissionário (finalmente) AJTeixeira, no Expresso, até vai mais longe: "O líder do PCP foi claro e, desta vez, não colocou condições para viabilizar um Governo socialista. "


Não acredita? Eu também não acreditava até ler preto no branco


Para quando uma plataforma que se encarregue de denunciar estes malabarismos da C Social?


E a questão do IMI da CMLisboa? Há 15 dias a redução para famílias com filhos, vinda do PSD, foi rejeitada. Hoje vem em todo o lado que o grande Medina vai reduzir o IMI para famílias com filhos.
Sem imagem de perfil

De campus a 09.10.2015 às 12:34

COMUNISMO NUNCA MAIS
Em memória dos muitos milhões de pessoas que morrereram por causa dessa ideologia.
Sem imagem de perfil

De Joaquim Amado Lopes a 09.10.2015 às 12:44


"Combate à precaridade"
Ilegalização dos contratos a prazo e da prestação de serviços?
Ilegalização dos despedimentos?


"Política fiscal justa"
IRS com 2 escalões, taxa de 0% até ao salário mínimo e de 100% acima do salário mínimo?
Taxa única de IRC de 100%?
Sem imagem de perfil

De carneiro a 09.10.2015 às 13:02

Pelo sim,pelo não,já comecei a guardar debaixo do colchão  10% dos meus levantamentos nas ATM's e comecei a guardar na garagem embalagens jumbo de papel higiénico.
Sem imagem de perfil

De campus a 09.10.2015 às 13:18

COMUNISMO NUNCA MAIS
Em memória dos muitos milhões de pessoas que morrereram por causa dessa ideologia.

Comentar post


Pág. 1/2



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    https://observador.pt/opiniao/o-povo-merece-a-arro...

  • Anónimo

    Acho que está enganado: os portugueses são uns pap...

  • Anónimo

    “With COVID-19, the inflammation goes haywire, and...

  • Anónimo

    A história analizará o desempenho de Centeno como ...

  • Anónimo

    Neste caso, de esta pandemia, óbviamente que não s...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2008
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2007
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2006
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D