Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Pregões xuxas

por João-Afonso Machado, em 11.10.20

PUEBLA DE SANABRIA.JPG

Conheço bem Puebla de Sanabria. Conheço melhor Bragança. De uma a outra, a viagem não é longa: sobe-se o Montesinho, passa-se Rio de Onor, e são mais uns quilómetros, poucos, um lindíssimo passeio. 

Ponto final e um parágrafo descarado: tanto quanto este título do JN - "Bragança vai ser a próxima cidade servida pelo TGV"! - Resultante da excelsa e propagandeada Cimeira Ibérica que decorreu na Guarda. Entre a malta socialista, espanhola e nuestra.

Extraordinária comunicação, esta desbocada de Costa! Digna dos mais descarados vendilhões de Nova Deli.

Porque a verdade é que a servil parangona jornalística depende da abertura (???) de uma nova (auto?) estrada ligando Bragança a Puebla de Sanabria. A qual - abertura - ainda só  existirá nos seus sonhos.

Vamos à realidade: o português que quisesse utilizar o TGV teria de se deslocar a Sanabria. (E então, duas horas volvidas, consumados todos os "ses", chegaria a Madrid!...)

  Mas... Bragança em essa vida de negócios? Virá a tê-los? Ora bolas! O Norte ri de Costa, por cognome O Magano. Até porque do Porto, através da A4, a pagar as SCUT's dos xuxas, para apanhar o TGV... - é só uma questão de contas.

Madrid via Bragança? Valha-nos Deus!

 

 

 



5 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 12.10.2020 às 09:50

El País
não referiu a cimeira
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 12.10.2020 às 11:29

Para dizer tais dislates e propagandas, é preciso não conhecer absolutamente nada de nada das singularidades do país, como esse ACosta.  
Porque nós, os nordestinos, desde sempre, temos uma especificidade que ele desconhece. Trata-se de uma relação quase inexistente entre "nós" e "Lisboa". Isso significa, na prática (e sob todos os aspetos), que somos quase uns desconhecidos para esses "poderes centrais", centralizadores  e que têm o exclusivo dos "consumidores da nossa Fazenda". Não temos interesse para essa malta, nem grande utilidade, pois feitas as contas, somos poucos e isso quantos votos lhes dá? Mas convivemos bem com o facto de sermos ignorados, até porque o sentimento é recíproco. Está enraizado e não se trata nem de orgulho nem de ressentimento, mas apenas de uma escolha voluntária de viver num salutar distanciamento desses "vendilhões" a quem, por educação, condescendemos em cumprimentá-los, de longe a longe (quando aqui vêm expor as suas barracas de vendedores ambulantes de pechisbeques, de 4 em 4 anos ou quando lhes "calha bem"). 
Vivemos tranquilamente desligados e afastados. Somos bravios : e Lisboa é muito pequena para nós, é apenas uma notícia, uma ausência, uma inexistência. Lisboa é um eco distante. Há tanto tempo que a nossa Realidade é outra e bem próxima de nós, desde que cindiram o país:  temos o Norte e Espanha aqui tão perto! Soubemos superar a nossa "interioridade". "Incentivos" para nos aproximarmos de Espanha? Para rir. Dispensamos. Gastem melhor o nosso dinheiro! Ou tenham a decência de nos perguntarem e de nos deixarem ter, pelo menos, uma palavra sobre as nossas reais necessidades e sobre os nossos interesses. Se não fossem uns ignorantes (coitados!) os governantes saberiam de que fibra somos feitos e como fomos construindo a nossa sobrevivência no dia-a-dia, aqui no Norte transmontano, entre os dois povos e com a gente do Norte também ela esquecida. Abastecemo-nos por vezes em Espanha (e no Norte), passeamos muitas vezes nas cidades de Espanha (e no Norte), visitamos vezes sem conta as catedrais e museus em Espanha (e do Norte).  
O Sul é muito a sul!
MLP
Sem imagem de perfil

De Vasco Silveira a 12.10.2020 às 12:59

caro Senhor


Peço desculpa da insistência, mas "O Magano" é um belíssimo restaurante de Campo de Ourique: não "lhe" poderiam aí por cima dar outro nome?
_  "Vivaço do Martim Moniz" ?


Abraço


Vasco Silveira
Imagem de perfil

De João-Afonso Machado a 12.10.2020 às 13:23

Está bem, Vasco.
Vou propor «O Falinhas da Alm. Reis».


Abraço
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 12.10.2020 às 13:47

"Falinhas" calha muito bem, até porque já tínhamos uma "picareta falante"!

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2008
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2007
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2006
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D