Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Portugal dos pequeninos

por Pedro Picoito, em 16.10.19

Não acompanho o entusiasmo generalizado com a multiplicação de pequenos partidos em São Bento. Sim, há muitos eleitores que de outra forma não se sentiriam representados, mas também há um maior tribalismo. Em geral, os pequenos partidos querem ser a voz de uma parte da sociedade contra a outra. Não têm um programa: têm inimigos. São partidos identitários, de causas ou mesmo single issue,  que dispensam a chatice de falar para a maioria e governar para o bem comum (um conceito, de resto, desprezado pelo pós-modernismo reinante, à esquerda e à direita).  Isto é muito claro no caso do PAN ou do Chega, mas também está presente no Livre e na Iniciativa Liberal. Para a IL, todos os outros partidos, do CDS para lá, são "socialistas", o que revela a amplitude da sua visão do mundo. O mesmo se diga do Livre, que invoca como mérito da sua deputada o facto (alheio a qualquer escolha e, portanto, a qualquer mérito) de ser mulher, negra e gaga, sugerindo assim que finalmente estas minorias têm quem as represente no Parlamento. O potencial de tal ideia é infinito, mas adivinho os protestos dos manetas albinos de Sacavém porque o Livre se esqueceu deles. 



4 comentários

Imagem de perfil

De Flávio Gonçalves a 17.10.2019 às 07:52

A maior parte dos pequenos partidos, incluindo estes que agora entram na AR, bem podiam ser correntes de opiniões dos 'grandes' que já lá se encontram. Diferem destes meramente em pormenor, com excepção dos loucos do PAN que na prática só servem para abafar Os Verdes sem serem sequer ecologistas, mas mais um fenómeno de alienação urbana, vegan e animalista fundada por budistas e anticomunistas derivados das espiritualidades Nova Era.

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    https://observador.pt/opiniao/o-povo-merece-a-arro...

  • Anónimo

    Acho que está enganado: os portugueses são uns pap...

  • Anónimo

    “With COVID-19, the inflammation goes haywire, and...

  • Anónimo

    A história analizará o desempenho de Centeno como ...

  • Anónimo

    Neste caso, de esta pandemia, óbviamente que não s...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2008
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2007
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2006
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D