Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Os inteligentes e os pobres de espírito

por Jose Miguel Roque Martins, em 13.04.21

Em 6,8 milhões de vacinas da Jansen administradas nos EUA, uma pessoa morreu, outra está em estado grave e outras 4 tiveram uma trombose menos maligna. Todas os casos foram em senhoras jovens. Suspeita-se que estas tromboses, tenham acontecido como consequência da vacina.

Tanto basta para que a suspensão da vacina tenha sido declarada, pelo menos por uns dias, nos EUA. E no actual concurso internacional para apurar quem é mais prudente e responsável, não admirará que o mesmo venha a acontecer na Europa, apesar do seu atraso brutal na vacinação.

Se vacinássemos 6,8 milhões de pessoas em Portugal e morressem, em consequência da vacina, 30 pessoas, muito mais do que aconteceu nos EUA, não seria melhor do que não as vacinar?

Se continuássemos a vacinar homens com esta vacina, desviando as Senhoras para outras vacinas, não seria um caminho menos drástico mas igualmente prudente ?

A resposta para mim é evidente. Os custos têm que ser comparados com os benefícios. Mas nada disto é o meu ponto com este Post.

A minha irritação é porque não são os cidadãos, devidamente informados das estatísticas e possíveis consequências, chamados a tomar a sua própria decisão, quanto a tomarem ou não a vacina?

Assim como vacinar grupos e grupinhos prioritários tira a vacina aos mais idosos, o que faz com que mais morram, não aproveitar vacinas que não podem ser substituídas por outras, implicará  um maior risco de mortes. Como não dar a liberdade de escolha aos cidadãos a quem não é oferecida nenhuma alternativa?

Como sempre, os “inteligentes” decidem pelos pobres de espírito, aquilo que lhes é mais conveniente. Lamentável.



9 comentários

Imagem de perfil

De Isaurinda baltazar a 13.04.2021 às 21:16

À sempre alguém a decidir por nós.
Sem imagem de perfil

De Elvimonte a 13.04.2021 às 22:14

"Se vacinássemos 6,8 milhões de pessoas em Portugal e morressem, em consequência da vacina, 30 pessoas, muito mais do que aconteceu nos EUA, não seria melhor do que não as vacinar?" (JMRM)


Depende. Se entre os 30 óbitos unicamente se encontrarem pessoas que colocam a mesma questão que coloca e que transcrevi acima, assim de repente não vejo qualquer problema. Como escreve, até é capaz de ser "melhor do que não as vacinar". 
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 14.04.2021 às 08:23

O atraso na vacinação não vai causar mais mortes? 
Imagem de perfil

De Jose Miguel Roque Martins a 14.04.2021 às 16:20

Enquanto a sua revisão está em curso, a EMA continua a considerar que os benefícios da vacina na prevenção da Covid-19 superam os riscos de efeitos secundários”, declara o regulador europeu em comunicado de imprensa divulgado esta quarta-feira.


Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.04.2021 às 23:18

A cultura Ocidental está cada vez mais Totalitária.
Sem imagem de perfil

De balio a 14.04.2021 às 09:59


Não entendo porque é que por duas vezes neste post se usa a palavra "senhoras" (numa das vezes, ainda por cima, com maiúscula) em vez da palavra normal "mulheres".
Parece que há vergonha em tratar uma mulher por mulher!
Sem imagem de perfil

De balio a 14.04.2021 às 10:02


porque não são os cidadãos, chamados a tomar a sua própria decisão, quanto a tomarem ou não a vacina?



Há duas razões para isso, que devem ser consideradas:


(1) Porque (não) tomarem a vacina pode ter consequências sobre a expansão de uma epidemia que não os afete somente a eles. Se esse princípio de que cada cidadão só toma a vacina se e quando quer fosse aplicado no caso de outras vacinas (sarampo, etc), as consequência poderiam ser graves.


(2) Porque não são os cidadãos quem paga a vacina. Se pagassem, teriam o direito de escolher, mas como não pagam...
Imagem de perfil

De Jose Miguel Roque Martins a 14.04.2021 às 10:47

Caro Luis 
Aqui o ponto não é a escolha da vacina ou de não se ser vacinado. È de se preferir tomar uma vacina mesmo que apresente alguns riscos ao invés de não ser vacinado porque não há vacina alternativa. 
Sem imagem de perfil

De Obrigado ao benemérito que no-las paga! a 14.04.2021 às 15:59

« Porque não são os cidadãos quem paga a vacina. Se pagassem, teriam o direito de escolher, mas como não pagam...»


COMO NÃO!?!? Não me diga que são as farmacêuticas que as vão oferecer gratuitamente!!!




Aliás, tocamos aqui num ponto que vejo muito pouco discutido (para não dizer "nada") e que me incomoda muitíssimo: é que pelo bem maior da saúde pública pode exigir-se a gente que trabalhou a vida toda empreendendo o seu negócio que o tenha fechado há vai para um ano; já exigir-se que as farmacêuticas não possam lucrar com vacinas cujo desenvolvimento já foi patrocinado pelos Estados (leia-se, os tais cidadãos que não pagam as vacinas), isso não se pode, ia lá agora poder-se tal coisa... Porque aí, chegados aos biliões de lucro a fazer por meia dúzia de pessoas, aí já "que sa foda o bem comum e a saúde pública e a emergência mundial que tudo justifica menos um par de coisas.....


Como para mandar fechar negócios às pessoas, obrigá-las a não sair do concelho de residência, etc., podemos suspender a constituição, a democracia e o estado de direito, muito justificadamente face à calamidade que parece que vai matar a humanidade inteira. Já para distribuir apoios financeiros a quem se vê afectado (financeiramente e não só) por tudo isto, ai Jesus que a constituição é sagrada e não pode ser suspensa...


Entretanto, o suposto Estado de Direito, mui democrático, em que nos dizem que vivemos, cada vez age de forma mais totalitária e paternalista e parece cada vez mais policial que de direito...

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    sonham com o regresso de che e de dani vermelho nu...

  • ICH

    Dei-lhe três exemplos, mas há vários outros de esc...

  • Anónimo

    O crime de assédio sexual é assunto de natureza pr...

  • Telmo

    Isso não se diz o valor diz-se a percentagem, são ...

  • Jose Miguel Roque Martins

    pelos vistos, não pressupunha que a patente ficass...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2020
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2019
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2018
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2017
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2016
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2015
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2014
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2013
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2012
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2011
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2010
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2009
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2008
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2007
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D
    196. 2006
    197. J
    198. F
    199. M
    200. A
    201. M
    202. J
    203. J
    204. A
    205. S
    206. O
    207. N
    208. D