Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O diagnóstico

por João Távora, em 07.11.20

(...) O problema, parece-me, é que boa parte dos jornalistas e comentadores não quer observar a realidade; as pessoas deste meio falam e escrevem para outras pessoas do meio num circuito fechado e de esquerda. Ora, esta falta de honestidade intelectual era um problema em si mesmo, mas agora também é a causa de dois fogos políticos bastante graves. Primeiro, esta bolha elitista coloca em causa a autoridade dos media, porque é claro que as redações não conseguem ou não querem ver a realidade e, nesse sentido, deixam de ser a ponte entre o público e a tal realidade. Segundo, este jornalismo tão encostado à esquerda é ironicamente a maior arma da ascensão da extrema-direita, porque cria os ângulos cegos aproveitados por Trump e Le Pen. (...)

Henrique Raposo - Aqui no Expresso



4 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 07.11.2020 às 16:08


Não é fácil compreender as eleições nos EUA, vistas na óptica eleitoral portuguesa.

Em Portugal a riqueza nacional, basicamente a relação entre as exportações/importações, é consistentemente negativa.

Pelo que os governos -e consequentemente o País- têm vivido endividados com os empréstimos (e alguns subsíduos a fundo perdido com o fim manter empregos e riqueza fora de portas) que vêm da União Europeia (e do FMI).

Essa "riqueza nacional" chega poryanto lá de fora. É gerida e fica sobretudo em Lisboa, indiscutívelmente: Alimenta toda a esquerda eleitoral, vencedora, socialista. Sendo que é de essa recebida do exterior "riqueza nacional" que tem sobrevivido o endividado Estado, os partidos no poder, o País. 

Nos EUA não é nada assim. Como esta eleições demonstram também as populações das cidades recentemente inebriadas pelas vatagens do socialismo (as prometidas, as conhecidas promessas eleitorias) votam Partido Democrata/Biden. 

Nos EUA fora das cidades é que se cria a "riqueza nacional" em inúmeras indústrias, agro-pecuárias, extração de hidro-carbonetos .. tudo que se vende por bom valor, criando riqueza nacional. Ora os agentes de essa riqueza nacional são privados. E esses privados, bem assim como quem vive de esse sistema, uma cultura não socialista, não vai entregar facilmente este seu modo de vida ao partido democrata recém-transformado em socialismo.
Biden, e sobretudo Kamala, se vencerem arriscam-se a ficar a falar para as paredes. Como já foi reconhecido por uma senadora democrata "em 2022 desaparecemos do mapa".
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 07.11.2020 às 16:59

Ou se é honesto, ou não se é. Não há meio termo, não há meio-honestos.
O jornalismo militante deu provas de desonestidade intelectual.
As sondagens idem.
Tudo parecia montado para a vitória de Biden.
Será descabido que se possa questionar e duvidar também da honestidade dos resultados de Biden? 
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 07.11.2020 às 17:50

Pois, mas não se compreende a comparação dos eleitorados de Trump e Le Pen. O programa da Le Pen é tão estatista que agrada a qualquer PC; o do Trump não tem nada a ver.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 08.11.2020 às 07:56

O Donald Trump vai ser substituído por quem ? A CS portuguesa tem de malhar em alguem. Será no Bolsonaro? No André Ventura?
Já sei! Vamos gramar agora com o presidente das Philipinas Rodrigo Duterte.

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Vasco Silveira

    ..." temos 3 instituições: as forças armadas, os b...

  • Anónimo

    Pois! Isso foi notícia. Mas é claro, indignnações ...

  • Jose Miguel Roque Martins

     O problema é parecer ou  querer serem p...

  • Anónimo

    Os militares não actuam de livre vontade. Tem que ...

  • Anónimo

    Brilhante artigo. Mais um crme da responsabilidade...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2008
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2007
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2006
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D