Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Os apelidos portugueses.jpg

 

Em “Os apelidos portugueses - Um panorama histórico” a ser lançado na próxima 5ª feira às 18,00hs no Palácio da Independência, o que Carlos Bobone seu autor pretendeu fazer foi uma História que revelasse a ligação dos apelidos portugueses à emaranhada teia social e ideológica que sempre os envolveu. O apelido como fonte de controvérsias jurídicas e de distinções sociais, instrumento para afirmar exclusivismos de classe numas circunstâncias, ou para integrar minorias religiosas e étnicas, noutras; detonador de fortes emoções sociais, fonte de inspiração de lendas, sátiras, anedotas e provérbios, em que se sintetizaram orgulhos e despeitos, venerações e desprezos, reflexões e indignações.

O apelido, esse poderoso aglutinador de todo o prestígio das famílias, ciosamente guardado e protegido por figuras patriarcais, objecto de recomendações à hora da morte e de maldições a quem o não respeitasse; vestígio vivo, e por vezes solitário da passagem portuguesa por longínquas terras; o apelido, enfim, uma das mais frondosas árvores que a sociedade portuguesa plantou, é matéria de estudo que transborda da mais diversa documentação histórica, pronta a ser colhida por quem lhe preste atenção. Com esparsos elementos, recolhidos em todo o tipo de fontes, procurou-se formar um ensaio que alargasse os horizontes da onomástica, transportando-a para a dimensão da história cultural e conferindo-lhe um papel social mais eminente do que até aqui se lhe reconhecia.

Carlos Lourenço do Carmo da Camara Bobone nasceu em Lisboa em 1962. Alfarrabista, dono da Livraria Bizantina, colaborou nas revistas portuguesas Armas e Troféus, Raízes & Memórias e na Enciclopédia Verbo Século XXI. Estudioso de longa data dos apelidos portugueses, é autor de vários trabalhos de investigação nas áreas da História e da Genealogia.

Tags:



Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2008
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2007
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2006
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D

    subscrever feeds