Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Entrevistas a António Costa são pura perda de tempo:

por Vasco Lobo Xavier, em 31.12.14

Ao que lhe é perguntado o homem responde banalidades ou hollandisses que o próprio François já viu serem impossíveis, ou então remete para o futuro o que irá decidir quanto a questões concretas que necessitam de resposta hoje. Questões que as pessoas querem saber hoje como ele as enfrentará, com as regras que existem hoje, e não com desejos irreais ou encobrimentos contabilísticos.

 

Ora se o homem não sabe o que vai fazer e remete sempre tudo para um momento apropriado ou para o momento devido ou coisa que o valha, sempre no futuro, o melhor, para evitar que incautos como eu percam tempo a ler entrevistas como a que deu ao Correio da Manhã, é que só lhe voltem a perguntar alguma coisa quando ele finalmente se tiver decidido. Antes não vale a pena!

Agora estar sempre a ouvir ou a ler uma pessoa que permanentemente diz que só no futuro irá decidir e anunciar a decisão é uma perda de tempo, um disparate pegado, nem percebo como é que a comunicação social aceita isto, é burrice de quem diz, de quem pergunta e de quem ouve ou lê e compra os jornais. Vá para casa decidir o que tiver a decidir, ó António Costa, e depois diga o que tiver a dizer, mas até lá não nos dê seca, não nos faça perder tempo, e a comunicação social não nos faça gastar dinheiro em jornais!

Não volto a perder tempo nem dinheiro para ouvir ou ler o António Costa a dizer que mais à frente dirá o que tiver a dizer. Não caio mais nessa.

Autoria e outros dados (tags, etc)



5 comentários

Sem imagem de perfil

De luis santos a 31.12.2014 às 08:47

Mais vale ler o corta fitas. O Costa do castelo é uma nulidade autêntica. 
Sem imagem de perfil

De BELIAL a 31.12.2014 às 09:59

É a continuação da intrujice, com modos plácidos de videirinho superstite.
Será mais um tirante a fingir consensos e a fazer o que lhe dá na real gana - rodeado pela tralha veterana que não desiste.
É que a justiça anda por aí a pedir contass - e no poleiro a "coisa" orienta-se melhor...como antes de 2011.
Sem imagem de perfil

De Francisco a 31.12.2014 às 10:50

Bom dia

 

Pois é, um musical nunca sai igual e, por vezes, os imprevistos em cena podem dar a ganhar ao elenco se o público aplaudir.

Sem imagem de perfil

De Zé a 31.12.2014 às 11:32

Mais um embuste. Decididamente não convence.
Sem imagem de perfil

De Anónimo Veneziano a 31.12.2014 às 13:57

Il Nobile Homo sabe-a toda...

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Gente, que barato!Afinal, o senhor João Afonso é a...

  • Luís Lavoura

    Esse slogan "um povo, uma pátria, um rei" tem uma ...

  • Flávio Gonçalves

    Preocupa-me muito mais os "liberais" loucos que po...

  • Anónimo

    O que eu mais desejo é que o André Ventura contrib...

  • jonhy

    CaDA UM DEFENDE OS SEUS INTERESSES. Já Portugal te...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D