Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




De Marcelo a Cabrita, passando pela Esquerda toda

por João-Afonso Machado, em 21.11.20

Logo em Março deste ano, o BE pulverizou o País com tarjas e cartazes apelando à salvação do SNS. Estava assim, mesmo à nascença, politizada a pandemia Covid19.

Na exacta medida que servia já como pretexto na velha querela, sustentada pela Esquerda, em que a Direita é acusada de favorecer os interesses privados, os hospitais dos "ricos".

Evidentemente, ninguém, no seu perfeito juízo, não deseja um sistema público de saúde. Assim ele exista: assim o Estado o saiba gerir e nele investir em recursos, eficácia, segurança. Por forma a que a confiança dos utentes seja uma realidade, o que de todo não acontece com o nosso SNS.

Só para exemplificar, aponto o caso actual de Paços de Ferreira: o hospital de recurso está pronto; mas o Ministério não tem médicos e enfermeiros para enviar para lá...

Imediatas congeminações, estas, quando ouvimos o Presidente Marcelo arengar à República, perante uma Nação estupefacta. (Marcelo não dispõe, realmente, o dom de lograr a unidade nacional...) Tudo espremido, tratou-se de avisar a malta de que o Natal este ano não seria para famílias numerosas e para agitar o fantasma de uma "terceira vaga" em 2021.

Entrementes, segundo o mais recente na ciência, os locais preferidos de transmissão do vírus são os grandes aglomerados de estranhos - mesmo os dos estranhos camaradas congressistas. E é por isso que ontem, na votação parlamentar sobre o estado de emergência, o BE lavou as mãos como Pilatos e o PCP pronunciou-se contra. Enquanto o inconcebível Cabrita recolhia os votos PSD, CDS e Chega, e se indignava por «a direita e a extrema direita», ao se manifestarem contra a realização do Congresso PCP, quererem «impedir a democracia»!

Somos isto. Impossivelmente, com esta gentinha política, deixaremos de ser isto.



8 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 21.11.2020 às 11:21

O Que Faz Falta

ImageZeca Afonso (https://www.letras.mus.br/zeca-afonso/)


Compartilhar no Facebook (http://www.facebook.com/sharer.php?u=https%3A%2F%2Fwww.letras.mus.br%2Fzeca-afonso%2F749116%2F&t=O+Que+Faz+Falta)Compartilhar no Twitter (http://twitter.com/share?url=https%3A%2F%2Fwww.letras.mus.br%2Fzeca-afonso%2F749116%2F&related=letras&text=%E2%99%AB%20O+Que+Faz+Falta%20no%20@letras)
exibições46.889

Quando a corja topa da janela
O que faz falta
Quando o pão que comes sabe a merda
O que faz falta
O que faz falta é avisar a malta

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 21.11.2020 às 14:41

João-Afonso Machado, estes góticos do BE estão (já) a ser corridos. 
Viu as sondagens? Parece que inicialmente passaram como um meteorito, uma vez que as colocaram e retiraram de imediato. (A verdade custa tanto a engolir!)
Imagem de perfil

De João-Afonso Machado a 21.11.2020 às 15:38

Esses góticos. meu caro Anónimo - eu diria essa guarda vermelha - já cá andam a muito tempo e estão para ficar.
Ao princípio todos pensámos era uma brincadeira. Houve quem votasse neles para chatear os imbecis da Direita-
Agora... Agoro, meu caro, é tema para um post. Mas não pense que se vê livre deles. Era bom, era!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 21.11.2020 às 15:55

Mas não façamos como a nêspera. Que se dê luta!


Uma nêspera
estava na cama
deitada
muito calada
a ver
o que acontecia

chegou a Velha
e disse
olha uma nêspera
e zás comeu-a

é o que acontece
às nêsperas
que ficam deitadas
caladas
a esperar
o que acontece

Mário Henrique Leiria, Novos Contos do Gin
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 21.11.2020 às 16:04


Para sairmos das querelas esquerda-direita, obrigatório LER.
(e par ficarmos todos cheios de inveja). 

https://observador.pt/opiniao/casos-internacionais-de-sucesso-a-estonia/
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 21.11.2020 às 16:15


E esta escandaleira do desbaratar do nosso dinheiro na web-summit, sem qualquer retorno par o país?



https://sol.sapo.pt/artigo/715812/web-summit-digital-vale-11-milhoes-
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 21.11.2020 às 17:02


"esta gentinha política" devia ser muito, muito comedida no modo e da forma como proclama "confinamentos".

Para a gentinha política nas suas torres de marfim a conta bancária, ao fim do mês, continua a ser religiosamente atestada, quer haja confinamento, quer não. Como "esta gentinha política" é quem tem a possibilidade de tomar decisões políticas a cumprir, mesmo por quem não é gentinha política e similares ... essa outra gentinha que "coma brioches", não é?.
Não admira que andem de TV em TV a exibir o seu pânico.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 22.11.2020 às 06:39

(Terminando o seu título... ) venha o diabo e escolha   :-)

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Vasco Silveira

    ..." temos 3 instituições: as forças armadas, os b...

  • Anónimo

    Pois! Isso foi notícia. Mas é claro, indignnações ...

  • Jose Miguel Roque Martins

     O problema é parecer ou  querer serem p...

  • Anónimo

    Os militares não actuam de livre vontade. Tem que ...

  • Anónimo

    Brilhante artigo. Mais um crme da responsabilidade...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2008
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2007
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2006
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D