Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




DN_Duarte.jpeg

 Esta é uma entrevista do jornalista Nuno Saraiva​ do Diário de Noticias a S. A. R. Dom Duarte Duque de Bragança, em modo de conversa informal, numa rubrica intitulada Entrevistas de Agosto. Das suas memórias do regresso do exílio, aos desentendimentos com regime de Marcelo Caetano, passando pela crise do Euro à sua recente viagem à Guiné-Bissau no âmbito das actividades da Fundação D. Manuel II onde vem promovendo um projecto de desenvolvimento rural, o Chefe da Casa Real Portuguesa fala de tudo sem reservas. 

Por oposição a qualquer dos chefes de facção que por estes dias andam engalfinhados para um lugar em Belém, é incontestável o amor e dedicação que o Duque de Bragança põe em prática por Portugal, que conhece como poucos, que percorre incansavelmente fora dos períodos eleitorais, ao encontro dos portugueses que solicitam a sua presença, todas as semanas, todos os meses, sem reclamar do cansaço ou necessitar dos holofotes do reconhecimento. Para aqueles que alimentam o preconceito e o ressabiamento anti-monárquico esta como outra entrevista de resultaria sempre má.



15 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 05.08.2015 às 12:33

Apresente-se a eleições. Compete aos portugueses decidirem se ele tem essas qualidades.
Sem imagem de perfil

De Não é bem assim a 05.08.2015 às 12:55

 Porque o Duque de Bragança não é candidato a coisa nenhuma nem está à espera que avaliem as suas qualidades. Os portugueses se quiserem que arranjem uma maneira de se fazerem representar por Ele. 
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 05.08.2015 às 17:03

Por mim, tudo bem.


Você tem noção de que escreveu "Ele"?.... LOL





Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Marega !!!??? a denegrir os portugueses...os afric...

  • Ana Pereira

    Já agora e porque estamos a viver tempos muito per...

  • Anónimo

    Ao perder o poder de emitir moeda própria -o escud...

  • jo

    Nos atuais projetos sobre a eutanásia ninguém quer...

  • jo

    Quais são os poderes do Banco de Portugal?Quando u...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2008
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2007
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2006
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D