Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Coisas em que ninguém repara:

por Vasco Lobo Xavier, em 17.12.15

Eu sei que a vida de Sócrates é tão preenchida de situações insólitas que é difícil reparar em todas mas espanta-me que algumas, completamente evidentes e manifestas, passem por entre os pingos da chuva. Por exemplo: temos a extrema-esquerda toda, do PCP ao Bloco e ao PS, sempre a vociferar contra os ricos, contra os que vivem sem trabalhar, os que nada fazem. E ninguém se incomoda quando Sócrates admite fazer parte desse conjunto de pessoas. Ou por ele pagar ao motorista por baixo da mesa. Mas isto, enfim…, são peanuts…

 

Já mais grave é a falta de reacção a um ponto do monólogo que ele concedeu à TVI. Muito consternado, quase lacrimejante, Sócrates referiu-se gaguejando à amizade do amigo Santos Silva, que até teria insistido em pagar o enterro do seu (de Sócrates) querido irmão, em Agosto de 2011. A morte do irmão. Ficámos todos comovidos. Tanto que a maioria se esqueceu de que Sócrates, como ele próprio admitiu no mesmo monólogo, rapou sem quaisquer escrúpulos o produto da venda da casa da Mãe (75%, segundo ele, 450.000 euros em 600.000) para viver à larga pelo mundo, em executiva, sem se preocupar minimamente com os coitados dos sobrinhos, órfãos do irmão. Esses não tinham direito a nada nem consta que tenham vivido os mesmos luxos que o tio e primos.

 

É no mínimo estranho mas ninguém se incomoda, ninguém se indigna, ninguém repara.

Autoria e outros dados (tags, etc)



1 comentário

Sem imagem de perfil

De Ali Kath a 17.12.2015 às 23:55

faz-me lembrar um pobre diabo maluquinho que há 50 anos
andava no Jardim da Estrela a fazer relatos do SLB. e este ganhava sempre por 10-0

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • JOTAPA

    Considerando que, na altura, a corrida ao espaço e...

  • Anónimo

    Há 50 anos o homem foi à lua a actualmente a human...

  • Anónimo

    Eu comparo a ida do homem à lua com os factos rela...

  • MAR!

    há cinquenta anos eu nem sequer planeada era! ma...

  • Anónimo

    Sr. Marquês, obrigada pelas fotos aqui tão "à mão"...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D