Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Chegada à Lua - 50 Anos

por João Távora, em 19.07.19

Manonthemoon.jpeg

Quando há cinquenta anos Neil Armstrong e Buzz Aldrin pisaram a Lua eu tinha sete anos e estava em Milfontes de férias. Nessa noite morna de Verão, como grande parte dos habitantes da vila, desci com os meus pais ao Café Miramar na Barbacã, para assistir na televisão ao acontecimento em directo. Não mais me esquecerei da emoção vivida, aquelas imagens difusas e misteriosas, as palmas, as interjeições e efusivos comentários dos adultos. A partir daquela data seguíamos todas as missões Apollo até à última em directo na televisão. Naqueles anos esta temática dominava os brinquedos da moda, dos mais sofisticados aos brindes dos gelados.
Imagino que a chegada à Lua tenha sido o maior acontecimento histórico da humanidade sucedido na minha já longa existência. Sinto-me até mais moderno que os meus filhos que, não tendo testemunhado este feito, jamais aprenderam a encantarem-se à noite com a imensidão do céu, a brecha pela qual nos é permitido vislumbrar o universo infinito, que é uma metáfora de Deus. Pela minha parte eu continuo a imaginar com entusiasmo como será a grande aventura da expansão humana para o Espaço.

A aventura da Apollo 11 pode ser seguida em directo e em "tempo real" aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)



12 comentários

Imagem de perfil

De José da Xã a 19.07.2019 às 12:11

João,

acredite ou não no que vou escrever...  tenho ainda muuuuuuuuuitas dúvidas nessa viagem!

Ainda acho que aquilo foi mero marketing político.

Calculo que seja parvoíce...

Bom fds.

Imagem de perfil

De João Távora a 19.07.2019 às 18:48

Caro José: Tirando uns maluquinhos adeptos de teorias da conspiração, nunca nenhuma autoridade política ou científica o negou até hoje, passados cinquenta anos. De resto desafio-te a seguires o link indicado onde podes seguir ao minuto toda a operação, desde o seu inicio ao final. 


Abraço,  
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 19.07.2019 às 18:28

Mas até que ponto é verdadeira a ida do homem à lua?
Há muitas versões sobre tal facto e eu acredito, vindo de quem vem e que tantas mentiras fabricadas na cidade dos sonhos tem apresentado à humanidade é bem provável que a tal dita ida do homem à lua seja mais uma milonga americana, pois até à data ainda não ouvi nada dos responsáveis sobre as teorias contrárias. 
Sem imagem de perfil

De Manuel da Rocha a 19.07.2019 às 19:52

Só pessoas ESTÚPIDAS ou crianças dos tempos da internet, é que colocam em causa as 6 (sim foram 6 missões humanas à lua, com 12 homens a terem saltitado na superfície) missões Apollo. 
Também será que você é dos que acha que o seu telemóvel "é capaz de tirar fotos 400000 vezes melhores que a porcaria do Hubble"? 
É que 36% da população europeia (com menos de 40 anos) "confirmaram" que as câmaras dos seus telemóveis são melhores que as do Hubble. Assim se percebe porque existem tantos a duvidar das viagens à lua e a acreditar em tudo o que lêem na internet. 
Sem imagem de perfil

De JOTAPA a 20.07.2019 às 20:53

Considerando que, na altura, a corrida ao espaço era uma corrida a 2 (EUA  e URSS), não acha estranho o facto de a URSS nunca ter posto em causa, as idas à Lua?


Acha que cientistas soviéticos eram estúpidos? 
Imagem de perfil

De Vagueando a 19.07.2019 às 18:51

Pois eu tinha os meus 12 anos e fiquei colado ao televisor, a preto e branco, caixa de madeira, botões redondos para subir o som, para ajustar o contraste e um maior para sintonizar o 1º e único canal de tv em Portugal.
Nunca mais me esqueço daqueles bip's que intercalavam as comunicações e dos comentários (senão estou em erro de José Mensurado). Acredito que lá chegaram, sempre acreditei que lá chegaram. 
A sociedade de hoje põe tudo em causa menos as suas convicções ainda que não se suportem em qualquer base cientifica.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 20.07.2019 às 10:47


Sr. Marquês, obrigada pelas fotos aqui tão "à mão". É sempre atento à vida…
A minha avó dizia , há 50 anos atrás , que era tudo "postal"   das "Américas", tudo pintura . Nem deu atenção ao acontecimento . A ver iremos...
Mas se ela cá estivesse hoje, já veria a coisa um pouco diferente, devido até que  ponto  a tecnologia nos tem surpreendido, talvez, digo eu.
Sem imagem de perfil

De MAR! a 20.07.2019 às 14:05

há cinquenta anos eu nem sequer planeada era!   mas esta ida à lua também me "marcou" muito, pois desde que me lembro sou apaixonada pelo universo e tudo o que este implica. ainda mal sabia ler e já tinha livros sobre a lua, os buracos negros, as estrelas e os planetas. e claro, queria imenso ser astronauta...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 20.07.2019 às 14:41

Eu comparo a ida do homem à lua com os factos relatados na Biblia, à 2000 anos quem tinha olho era rei e à 50 anos passou-se a mesma coisa, tal como Fátima a nossa senhora nunca mais cá pôs os pés assim como o homem nunca mais foi á lua, não é só a ciência que evolui o ser humano também e cada vez é mais dificil enganar as pessoas com mais embustes, mas como estes houveram centenas senão milhares ao longo da história da humanidade os americanos são peritos neste tipo de encenações.
Sem imagem de perfil

De Costa a 21.07.2019 às 16:02

"Houveram"? Está tudo dito...


Costa
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 20.07.2019 às 19:12


Há 50 anos o homem foi à lua a actualmente a humanidade é tão atrasada, quem diria!


É fácil chegar a esta conclusão, basta ver o que tem valor para as pessoas actualmente, tudo o que seja fútil!


Há também uma frase que circula na Internet que diz:
Einstein previu que a tecnologia ia criar uma “geração de idiotas”.
Sem imagem de perfil

De EMS a 21.07.2019 às 15:17

"A farsa da ida à lua foi realizada por Stanley Kubrick.
Sendo Kubrick um realizador exigente, esta foi feita no local"

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Excelente comentário. Renovo-lhe os meus parabéns....

  • Anónimo

    Maria Muito obrigado pelo seu comentário.Acrescent...

  • Anónimo

    Sem dúvida. A Constituição em vigor -obra de socia...

  • Anónimo

    Concordo com os comentários «Anónimos», vale bem a...

  • Anónimo

    Com o devido respeito pelas opiniões contrárias, e...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D