Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Bastam poucas palavras

por João-Afonso Machado, em 13.11.21

Eis-nos, Nação Portuguesa, interrogando - o que vai na cabeça do fundiário Costa?

- Uma maioria absoluta nas próximas eleições?

- Um acordo parlamentar/governamental com o BE?

- O apoio, escuso mas não impossível, com o PCP na AR?

- Ou a deixa de apanhados para a Direita?

- A renovação do "Centrão"?

- Uma votação vulcânica no PAN que lhe sirva de muleta?

Ao ponto a que as guerras intestinas do PSD e do CDS chegaram, as apostas só podem ir por aí. Vale dizer, bruxedos aos magotes sobre o CHEGA (a próxima verticalíssima ascenção); mais o discurso distante da IL; mais a abstenção. Porque Costa não deixou o OE ser chumbado, nem o Parlamento ser dissolvido, a troco de nada. Era bom percebermos isso. Costa está para regressar. O que significa enunciar duas notas: a bancarrota à la Sócrates está iminente apenas; Costa agitará esse fantasma a que chama «austeridade» (o regresso a...); e Marcelo só intentará prosseguir a sua pacífica presidência.

Convido à leitura disto a contrario... Vale dizer, em suma, - e se a Direita tivesse maioria «reforçada» na próxima legislatura?



14 comentários

Sem imagem de perfil

De lucklucky a 14.11.2021 às 02:30

"Vale dizer, em suma, - e se a Direita tivesse maioria «reforçada» na próxima legislatura?"



Vai aumentar impostos e o poder do estado tal como a esquerda. Foi o que fez a direita sempre que esteve no poder.
Sem imagem de perfil

De Carlos Sousa a 14.11.2021 às 09:47

E roubar salários e pensões, e cortar no SNS e na Segurança Social. Ou seja lixar em dobro o desgraçado do Zé povinho. 
Imagem de perfil

De João-Afonso Machado a 14.11.2021 às 12:32

Estou a ver notícias TV: utentes protestam contra falta de médicos nos Centros de saúde. 
Médicos e enfermeiros fazem greve por falta de meios e não pagamento de horas extraordinárias.
Combustíveis voltam a subir amanhã...


Deve ser já a maioria reforçada de Direita no poder. Ninguém deu por nada a não ser o atento Carlos Sousa.
Sem imagem de perfil

De Carlos Sousa a 14.11.2021 às 12:53

Realmente depois do investimento feito na saúde, fazerem greve por falta de meios. Se tivessem levado o corte, como já estava prometido, não faziam greve por falta de meios, já tinham era emigrado todos com a ajuda da agência de emigração que o Rangel queria fazer no tempo do Passos. 
Sem imagem de perfil

De Carlos Sousa a 14.11.2021 às 12:58

Os médicos e enfermeiros fazem greve numa altura destas deve ser porque se preocupam muito com os outros.
A sede de ir ao pote é tão grande que não olham a meios para atingir fins.
Imagem de perfil

De João-Afonso Machado a 14.11.2021 às 13:08

Portanto: ou emigram com o Rangel ou ficam cá cheios de vontade de ir ao pote.
Malandros, os médicos e enfermeiros! E o zé povinho consente???
Sem imagem de perfil

De Carlos Sousa a 14.11.2021 às 13:16

O Zé povinho infelizmente é apanhado no meio destes joguinhos de poder.
Quando a extrema esquerda se alia à extrema direita de certeza que não é o interesse do Zé povinho que está a ser salvaguardado.
Imagem de perfil

De João-Afonso Machado a 14.11.2021 às 13:54

Extrema direita e Extrema esquerda aliadas. Carlos Sousa tem uma imaginação poderosa!!!
Sem imagem de perfil

De Carlos Sousa a 14.11.2021 às 14:57

Tenho? Então? Querem ver que a votação do orçamento foi só a direita e extrema direita que votou contra.
Pois, eu é que tenho uma imaginação poderosa.
Ó João Afonso por favor...
Imagem de perfil

De João-Afonso Machado a 14.11.2021 às 15:08

Carlos Sousa, se considera o PSD e o CDS da extrema direita... 
Como o vejo muito na área do PS, só acrescento que, então, este PS tem de rejeitar o Centrão com o PSD e não perecebo como já fez 2 coligações com o CDS.
A Esquerda... fartou-se de ser enganada por Costa, sempre com promessas adiadas.


E Costa, afora as cartas que sempre traz na manga, fica numa posição difícil, porque confiança político-partidária é o que não merece.


Quanto ao resto.... se a prometida massa da bazuca não chegar, acredite que vamos passar todos muito mal.
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 14.11.2021 às 20:30

"E roubar salários e pensões, e cortar no SNS e na Segurança Social. Ou seja lixar em dobro o desgraçado do Zé povinho."



Desgracadinho... É o SNS e a segurança social que roubam , para começar o futuro pela dívida. 
Você está é de acordo quando o roubo é na sua direcção.
Sem imagem de perfil

De Carlos Sousa a 14.11.2021 às 20:53

Então? Não lhe roubaram o 13° mês?
E se tivessem tirado os 600 milhões ao SNS, como é que você estava agora?
Aqui não há duas direcções, só há uma. Eu fui roubado no tempo do Passos Coelho e este governo repôs essa injustiça. Se você não foi roubado, sorte a sua.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 14.11.2021 às 09:46


Deem as voltas que derem, 



como diria "o educador da classe operária":

"Isto é tudo um putedo!"


Sem imagem de perfil

De pitosga a 15.11.2021 às 14:24


João-Afonso Machado,
não ligue nada, mas mesmo nada, ao porquinho da índia. Não vale, segundo meu Pai, um traque de coelho.
Imagem de perfil

De João-Afonso Machado a 15.11.2021 às 18:37

Caro Pitosga, claro que não "ligo".
Só contra-argumento de vez em quando, quando estou para ái virado.
Abraço.

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2020
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2019
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2018
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2017
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2016
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2015
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2014
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2013
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2012
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2011
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2010
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2009
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2008
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2007
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D
    196. 2006
    197. J
    198. F
    199. M
    200. A
    201. M
    202. J
    203. J
    204. A
    205. S
    206. O
    207. N
    208. D