Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Auto Europa - está a ir, vai, foi-se ?

por José Mendonça da Cruz, em 13.12.18

Será verdade que decorrem «negociações ao mais alto nível», ou seja, entre Costa e o director-geral da VW, para que a Auto Europa não feche?

Será verdade que o último automóvel sairia da linha de montagem às 24 horas de hoje, quinta feira, após o que a fábrica encerraria por 20 dias?

Será verdade que, pendendo as altas negociações, essa data foi adiada para as 24 horas de sexta-feira?

Será verdade que os motores já deixaram de ser enviados para Portugal, e vão antes para a nova fábrica no Norte da Alemanha, visto que a VW tem cerca de 50 milhões de euros paralisados em Setúbal, e os correspondentes clientes sem carros?

Será verdade que todos os fornecedores de peças já foram informados para não enviarem mais nada?

Será verdade que um dos equipamentos mais caros -- uma das duas prensas de peças da carroçaria -- já foi desmontada e enviada para a Alemanha?

Será verdade que não se ouve, lê, nem vê uma notícia?

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



8 comentários

Sem imagem de perfil

De Antonio Cabral a 13.12.2018 às 17:28

Só se espanta quem anda na lua, preocupado com o gato e outras prioridades. Aguardemos, que o estouro vai ser tonitruante. António Cabral
Sem imagem de perfil

De António Maria a 13.12.2018 às 17:45

Seria  o principio da queda da dupla Governo/Marcelo e se calhar da 3ª república (até seria bom).
Não vão ser os 63 hotéis previstos para 2019 que compensariam uma das maiores machadadas na economia tuga.
Nas próxima eleições vou votar na Troica. 
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.12.2018 às 18:40

Esfumados ecos da Grundig...




JSP
Sem imagem de perfil

De António a 13.12.2018 às 20:50

A ser verdade é gravíssimo - não inesperado. A Autoeuropa operou duas décadas sem problemas de maior, até a CGTP interferir. Geralmente onde a CGTP interfere alcançam-se grandes vitórias dos trabalhadores - vão para o desemprego.
Mas é mesmo verdade? Isso é que era importante saber.
Note-se que logo que começou a guerra sindical na fábrica houve quem vaticinasse que o T-Roc seria o último modelo a ser produzido em Portugal. A transição para os modelos híbridos e elétricos implicaria um investimento que a VW não desejaria arriscar no contexto político do país.
A ser verdade, pouco haverá que Costa possa fazer, uma vez que claramente a famosa paz social prometida pela Geringonça terminou de vez.
A ser verdade que seja verdade e não haja notícias, é tão ou mais grave que a Autoeuropa se vá.
Alguém lance luz sobre isto.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 14.12.2018 às 01:14

A Auto Europa, mesmo sem a atitude dos estivadores, tinha os dias contados.
No contexto da industria automóvel, os robots têm tornado progressivamente obsoleta a mão de obra, na montagem, sendo essa a especialidade da "linha de montagem" da Auto Europa em Setúbal.
Alguns construtores auto (GM por exemplo) preparam-se já para o VE, Veículo Electrico, em exclusivo, que necessita de muito menos mão de obra, nomeadamente na linha dos motores.

O Governo Português perdeu a baterias da Renault (Cacia). Esqueça a Auto Europa.
Fique-se pelas Softare Houses -que precisam de menos braços a montar e estivadores a manusear- e usam mais massa cinzenta com creatividade (individual) coisas que nunca faltou por estas bandas.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 14.12.2018 às 15:18

"Será verdade que não se ouve, lê, nem vê uma notícia?"

?
O José tem alguma inside information sobre este assunto? Se tem as suas fontes internas na empresa, acho que poderia ser mais claro, sem necessidade de fazer perguntas.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 15.12.2018 às 23:46

Só pode ser boato da reacção,agora que a cgtp vela e ordena.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 16.12.2018 às 13:01

As grandes multinacionais estão quase, quase sempre à beira de abandonar o país por causa da geringonça e da cgtp e depois não acontece. O caso da auto-europa é típico. Que raio de azar o da direita. 

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    o 3º passo, a venda em hasta pública, em leilão po...

  • Tiro ao Alvo

    Este anónimo deve ser professor e interessado. Ess...

  • Tiro ao Alvo

    O problema é esse, caro anónimo: quem tem dinheiro...

  • Anónimo

    Tem razão. distraí-me. Mas esse aspecto é o menos ...

  • Anónimo

    Políticos que nunca passaram pela actividade econo...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D