Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A asfixia do socialismo

por João Távora, em 13.06.19

caic-foto.jpg

Os jesuítas comunicaram hoje o encerramento do seu prestigiado Colégio da Imaculada Conceição. Inaugurado em 1955, este estabelecimento de ensino localizado em Cernache, no Concelho de Coimbra, encerrará a sua actividade no final deste ano lectivo devido à “grave situação financeira” que a instituição atravessa. A insanável crise é justificada pelos seus responsáveis com a conjuntura “desencadeada em 2016 com final dos contratos de associação com o Estado português, em vigor há 40 anos".
Assim se desbarata a já precária liberdade no ensino, no coração da democracia. Alegremente vamos percorrendo este plano inclinado a comprometermos as gerações vindouras.
Agradeçamo-lo ao socialismo que nos asfixia.

Autoria e outros dados (tags, etc)



11 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 14.06.2019 às 00:56

Não interessa aos internacionalistas que se formem Portugueses cultos.
Estupidificados pelas futilidades mais estúpidas do presente, actuais e futuras gerações obedecerão, como carneiros, aos comandos dos espertalhões;
 estes,sorrateiramente os encaminharão para uma ilusória vida de"convencidinhos da silva" e serão descartados como lixo inútil.
Então, será tarde demais para reconstruir Portugal.  
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 14.06.2019 às 08:39

Tem toda a razão. Para mim, a quebra por parte do Estado, dos contractos de associação, prejudicou essencialmente os filhos das famílias mais pobres, que deixaram de ter possibilidades de estudar nas escolas que melhor lhes proporcionavam a hipótese de ascenderem a um patamar socialmente mais elevado. Por pura ideologia, sem vantagens para ninguém.

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 14.06.2019 às 09:12

os vários tipos de socialismo, neste caso social-fascista, são sempre totalitários, mas não o admitem.
são como Saturno a devorar o filho
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 14.06.2019 às 09:40

contractos de associação

"contratos" não tem c antes do t, nem nunca teve.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 14.06.2019 às 20:56

Tem razão. distraí-me. Mas esse aspecto é o menos interessante.
Sem imagem de perfil

De zazie a 14.06.2019 às 09:41

O jacobinismo é isto.


Já agora- os profs e sindicato não se preocupam com os colegas professores que são mandados para o desemprego?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 14.06.2019 às 09:42

É "liberdade" à custa dos contribuintes.
Eu tive o meu filho numa escola privada, e paguei. Não tive contribuintes que ma pagassem.
Os pais de Coimbra, se querem ter escolas privadas, que façam o mesmo que os pais de Lisboa e do Porto - que paguem por elas.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 14.06.2019 às 18:31

muitos pais ficaram há 2 anos sem casa e sem pinhal.
o social-fascismo deseja a desertificação
Sem imagem de perfil

De Tiro ao Alvo a 14.06.2019 às 20:59

O problema é esse, caro anónimo: quem tem dinheiro põe os filhos em colégios particulares; quem não tem só lhe resta a escola pública, que pode ser razoável ou má, raramente boa.
Imagem de perfil

De /i. a 14.06.2019 às 13:30

Neste caso não é asfixia socialista. Temos de ter bom senso, os contribuintes é que andaram asfixiados por estes contratos com escolas privadas. E claro gente ligada ao partido da rosa andaram de Ferrari à custa do ano. Estes contratos fizeram sentido no passado, presentemente com escolas públicas às moscas em Coimbra. Mais uma prova que quem financiava estas escolas eram os tolos dos contribuintes.  
Sem imagem de perfil

De Tiro ao Alvo a 14.06.2019 às 21:04

Este anónimo deve ser professor e interessado. 
Esses colégios, que serviram no passado, poderiam e deviam continuar a servir, desde que a despesa para o Estado fosse semelhante à das escolas públicas. Um colégio não é coisa de usar e deitar fora.
Tome nota, as gerações vindouras das famílias menos abonadas, vão pagar caro este erro. O resto é treta.

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Excelente comentário. Renovo-lhe os meus parabéns....

  • Anónimo

    Maria Muito obrigado pelo seu comentário.Acrescent...

  • Anónimo

    Sem dúvida. A Constituição em vigor -obra de socia...

  • Anónimo

    Concordo com os comentários «Anónimos», vale bem a...

  • Anónimo

    Com o devido respeito pelas opiniões contrárias, e...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D