Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




É uma chatice para a Rádio Renascença...

por Nuno Sá Lourenço, em 30.01.07
...que Portugal seja um Estado de direito.


Lisboa, 30 Jan (Lusa) - A emissora católica Rádio Renascença lamentou hoje ser obrigada a passar o tempo de antena do “sim” no referendo sobre o aborto, por considerar que as rádios privadas deveriam ficar de fora desta imposição legal. “Gostaríamos que esta obrigação [legal] não pesasse sobre as rádios privadas, mas pesa e, numa rádio com a identidade da Renascença, pesa naturalmente muito, até porque a nossa posição sobre o aborto e sobre o direito à vida é bem conhecida”, refere a estação numa nota lida hoje, no dia em que começa a campanha para o referendo de 11 de Fevereiro, antes do noticiário das 8:00.
Após a marcação do referendo sobre a despenalização da Interrupção Voluntária da Gravidez, os responsáveis da emissora católica declararam - também numa nota lida antes de um noticiário - o apoio da Renascença ao “Não”.
No entanto, ressalvaram que esta posição da emissora não afectaria o pluralismo do serviço noticioso da RR.
Na nota lida hoje, a RR promete cumprir a lei dos tempos de antena e disponibilizar uma hora diária aos movimentos e partidos que participam oficialmente na campanha pelo referendo.
“Durante a campanha temos o dever legal de acolher a propaganda de todos. De quem defende o ´não` e dos defensores do ´sim`”, refere a nota, sublinhando que a RR sempre respeitou e respeitará o pluralismo informativo.
A Igreja Católica, maioritária em Portugal, é frontalmente contra a liberalização da interrupção voluntária da gravidez (IVG), que vai ser sujeita a referendo nacional a 11 de Fevereiro.



11 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 31.01.2007 às 18:01

O senhor Lourenço é curto de entendimento.
Sem imagem de perfil

De Pedro Correia a 31.01.2007 às 17:55

Nem sempre acontece, mas neste caso concordo inteiramente com Ni.
Sem imagem de perfil

De Margarida a 30.01.2007 às 21:21

Mas há por aqui quem não tenha ainda percebido que o Avante é o Órgão Central do PCP, como o Povo Livre é do PSD e a Acção Socialista é do PS e que PCP, PSD e PS são os três PARTIDOS POLÌTICOS? E que por acaso nestes três partidos políticos ninguém pergunta sobre as simpatias religiosas dos seus militantes/aderentes?
Sem imagem de perfil

De ni a 30.01.2007 às 17:26

rui castro e o anonymous das quatro e 26 deviam ter uma coisa em conta quando parecem defender o direito da Rádio Renascença a não passar os direitos de antena. É que, na verdade, a rádio pode ser pertença da igreja mas ocupa uma frequência pública de rádio onde por lá estar a emitir a RR não pode emitir mais nenhum outro canal. Acresce que frequência está concessionada a nível nacional. Assim, é normal que tenha de cumprir determinados serviços públicos, fixados por lei. O mesmo que aliás se passa com os canais televisivos. Ou o liberalismo já chegou tão longe que achem que o éter deve ser privatizado? Óbvio também que a situação nada tem a ver com o Avante! pois a publicação de um jornal não impede a publicação de outros. Ninguém forçará os boletins paroquiais ou a Ecclesia a publicar artigos pró despenalização do aborto. Clarinho como água.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 30.01.2007 às 16:26

Será que o Avante do PC também dá espaço aos outros partidos nas campanhas legislativas?
Sem imagem de perfil

De MissPearls a 30.01.2007 às 14:57

Concordo com a ITM.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 30.01.2007 às 13:15

Eles lá na RR não se apercebem que os tempos de antena, como já alguém disse, apenas servem para gozação no Gato Fedorento.
Sem imagem de perfil

De Rui Castro a 30.01.2007 às 12:55

Um Estado de Direito em que se impõe aos privados o cumprimento de um serviço eminentemente público. É o chamado socialismo!
Sem imagem de perfil

De LB a 30.01.2007 às 12:48

Pois, pluralismos... uma maçada!
Sem imagem de perfil

De Jam a 30.01.2007 às 12:09

Eu só não percebo uma coisa... mas há alguém que vá votar sim ou não só porque a RR declara a sua posição num determinado sentido..?

Comentar post


Pág. 1/2



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Portugal, iniciou a sua auto destruição em 1/2/190...

  • Anónimo

    Assim vai o "regime". Eis o retrato da 3ª Repúblic...

  • Anónimo

    E por ex., em relação aos Papas, em sua opinião co...

  • Anónimo

    Achei um texto tão acertivo , logo no título, que ...

  • Anónimo

    Tudo bem desde que a sucessão não caia num Harry.....


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2020
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2019
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2018
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2017
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2016
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2015
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2014
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2013
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2012
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2011
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2010
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2009
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2008
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2007
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D
    196. 2006
    197. J
    198. F
    199. M
    200. A
    201. M
    202. J
    203. J
    204. A
    205. S
    206. O
    207. N
    208. D