Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O Pinho é fixe

por Nuno Sá Lourenço, em 01.02.07
Ele é desastrado, ele contradiz-se, ele engana-se. Mas isso só acontece porque ele não tenta enganar ninguém. Percebe-se a cada gaffe dele, que não há ali uma estratégia de poder. Não lhe está no sangue fingir ser algo que não é só para ganhar uma eleição. Porque se tentasse não conseguia. Ele mostra o que aconteceria se qualquer um de nós chegasse a ministro da Economia. Meteríamos os pés pelas mãos, tropeçaríamos no degrau, seríamos motivo de risota.
Mas seríamos claros como a água, em vez daqueles falsos sorrisos de plástico de que o mundo político está cheio.
É por isso que eu gosto do Pinho... porque ele me diverte.

Autoria e outros dados (tags, etc)



8 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 01.02.2007 às 11:26

Até o Sócrates já pede PIEDADE quando lhe falam no Pinho!!!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 01.02.2007 às 10:59

Não percebo de todo porque é que o Gato Fedorento não contrata o Pinto.

Gato Fedorento plus Pinto Fétido, que acham?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 01.02.2007 às 10:37

Há quem se bata a um lugarzinho no ministério do Pinho (ou noutro qualquer, tanto faz) mais discretamente...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 01.02.2007 às 10:31

Eu gostava de ser para ter uma quantidade de secretárias e de assessores e batedores a fazer tinoni tinoni tononi cada vez que eu fosse dar uma passeata.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 01.02.2007 às 10:02

Eu gostava de ser ministro era para poder acelerar nas auto-estradas.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 01.02.2007 às 09:12

É giro ser divertido, entre amigos, mas não é isso que se espera de um ministro de Estado. Ainda por cima que nos faz rir (ou chorar?) enquanto nos representa no estrangeiro. Ou somos todos palhaços?
Filipa
Sem imagem de perfil

De reuters a 01.02.2007 às 08:49

Esta linguagem trauliteira,contribui em muito para o meu esclarecimento.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 01.02.2007 às 02:56

Caro Nuno
Concordo que o Pinho nos diverte. Pela sua incompetência e ignorância? Ou porque é um pau mandado do Sócrates? Não penso que ele seja tão ingénuo ao ponto de dizer aquela calinada, em Pequim, de que como temos salários de miséria os chineses que venham abrir fábricas no nosso país. Pelo menos, ele e o patrão foram 12 horas no avião, onde tiveram mais que tempo suficiente para combinar estratégias sobre o que iriam botar da boca para fora. E o que sai ao Pinho? Que temos salários de miséria. Claro, que os temos. Mas quando reivindicamos aumentos diz-nos o Pinho e seus capangas de Governo que não há dinheiro e que os salários já são altos e bons. Não há direito que sejamos governados por escumalha desta. Desta estirpe que apenas passa por Macau para receberem os colares de pérolas que o Stanley Ho tem reservado para as mulheres deles e os cheques para trocarem o Peugeot, o Fiat ou o Opel por um Porsche ou Maserati. Assim não, não acho graça nenhuma.
Abraço

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    O que é que a Holanda, o RU e os EUA têm a ver com...

  • Anónimo

    Com mais de metade dos eleitores de costas para a ...

  • Anónimo

    O mundo esta louco, quando a unica voz lucida é o ...

  • Anónimo

    criar um bem colectivo, a segurança de todos face ...

  • Anónimo

    no I 'contas no VERMELHO: turismo não é suficiente...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2008
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2007
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2006
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D