Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Uma fava

por Vasco M. Rosa, em 12.05.15

sofia-fava.jpg

No dia em que o MS proclamou que JS deve ser «libertado e receber desculpas», a sra. Fava mimou a PRG com atributos que ela mesmo visivelmente não tem. 

Estão cada vez mais nervosos, estão sim senhor!
Bom sinal, não acham?...



15 comentários

Imagem de perfil

De João Sousa a 13.05.2015 às 07:29

Sofia Fava foi ex-mulher de José Sócrates? É pena terem-se separado - são visivelmente feitos um para o outro.
Sem imagem de perfil

De Adelaide a 13.05.2015 às 19:09

Na mouche. Almas gémeas.
Sem imagem de perfil

De António a 13.05.2015 às 10:34

Essa de magistrados (magistrados...)  fazerem publicamente troça de alguém que está preso, seja ele quem for, através de redes sociais, é que é muito modernaço. Novos tempos. O Vasco Rosa, pessoa moderna, acha normal. A Drª Joana Marques Vidal, parece também não ver problema. Deve estar tudo certo.
Imagem de perfil

De Vasco M. Rosa a 13.05.2015 às 17:57

Eu não disse que achava normal. Será até lamentável e censurável. Mas não nos termos em que SF se refere à PGR. Termos que foram retirados porque era fácil de ver que a coisa podia parar mal para ela. Só por isso terão sido retirados, claramente. 
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.05.2015 às 20:44

Pois bem, eu sou conservador e acho estranho que o Vasco Rosa não tenha colocado a enfâse na lamentável atitude dos magistrados, verdadeiramente repugnante, essa sim. Se bem percebo, a senhora terá sido mulher do ex-primeiro-ministro e, sendo assim, a sua linguagem desbragada, ainda que indesculpável, dever-se-á ao afecto que ainda sentirá pelo ex-marido. O processo criminal seguirá o seu curso e, se se fizer prova suficiente, o eng. José Sócrates, será condenado; de contrário, será absolvido. Que magistrados se atrevam a comentar isto em redes sociais, da forma que o fizeram, e que haja ainda quem não condene veementemente esta atitude, diz muito da nossa decadência de costumes. Mais ainda, segundo parece, não é sequer objecto de sanção disciplinar. Incrível. E por aqui me fico.


Barata de Tovar (peço desculpa por não me ter identificado antes)
Sem imagem de perfil

De Lufra a 13.05.2015 às 11:11

É típico. Na falta de argumentos partem para o insulto!
Sem imagem de perfil

De Carlos Faria a 13.05.2015 às 11:55

Liberdade de expressão sim... quando convém, caso contrário, isso de liberdade de expressão é uma fava.Image
Sem imagem de perfil

De PSC a 13.05.2015 às 11:59

A D. Sofia devia estar a ver-se ao espelho! Que mal fizemos nós para que esta "gentinha" se tenha apoderado de Portugal e se permita fazer comentários deste jaez a altas figuras do Estado?
Sem imagem de perfil

De Maria a 13.05.2015 às 12:51

Para divorciada até que está uma querida ...
Imagem de perfil

De Vasco M. Rosa a 13.05.2015 às 13:54

Uma vez que SF veio «penitenciar-se», que tal Mário Soares lhe recomendar agora que se desculpe à PGR para que, por ter ofendido um cargo de soberania, não se arrisque a «penitenciar-se» mas de outro maneira e por oito meses. Seria de amigo...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.05.2015 às 16:10

O texto de desculpas está muito bem escrito. De que escritório terá vindo?
Imagem de perfil

De slade a 13.05.2015 às 16:25

Duas coisas impressionam:

a rudeza das palavras da senhora e o facto de todos (excepto um) considerarem normal que a PGR considere relativamente normal que membros do MP teçam considerações pouco abonatórias num espaço público sobre a detenção de alguém...

Dai-me um mundo à minha medida, e finalmente considerarei a hipótese da perfeição. Tenho um conhecido, comunista dos sete costados, que pensa da mesma forma. Está bem para si, Vasco M.; tenho de os apresentar...depois acertam detalhes.

E em resposta: não, não acho bom sinal! Aliás, um péssimo sinal dos tempos. Pura e simplesmente mais favoráveis a V. Exa.

Quero o 44 preso e condenado, mas, enfim, caso seja culpado, e dessa culpa não restem dúvidas nem sobrem juizos de valor. Chama-se justiça Vasco M.

Já agora, o M é de quê?
Imagem de perfil

De Vasco M. Rosa a 13.05.2015 às 18:08

Desculpe, mas é um bom sinal que os próximos de JS estejam aflitos com o desenvolvimento das investigações criminais. Sabe-se lá onde vão conseguir chegar e quem mais será arrastado...
Querem que a acusação seja formulada, para que isso represente um concluir das investigações? Querem impor um prazo ao trabalho de destrinçar uma meada criminal de enredo internacional, para travar descobertas? Deixem a polícia e os juízes fazerem o seu trabalho.
Imagem de perfil

De slade a 14.05.2015 às 11:37

Que os criminosos estejam aflitos é sempre bom sinal; que os amigos deste ou daquele estejam aflitos, bem, se forem criminosos, cabe no primeiro 'que'; se não forem, não tem cabimento nenhum...

A questão que coloca impõe desde logo um excesso de pressuposição. O que implica, também desde logo, permita-me, um excesso de pressuposição meu: os amigos de Passos Coelho podem estar descansados? E os amigos de Dias Loureiro?

O que diria - certamente dirá, por ser intelectualmente honesto - o meu caro dos meus excessos transformados em questões?
Sem imagem de perfil

De campus a 14.05.2015 às 12:17

A Fava do Sócrates indignou-se por magistrados terem brincado no face? Quando chamaram palhaço ao Presidente da República, quem se indignou ? 

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • henrique pereira dos santos

    Está a fazer comentários sobre alguma coisa que eu...

  • s o s

    num texto (post) demasiado longo para ser lido a e...

  • Susana

    Mais grave ainda do que ter o senhor especialista ...

  • voza0db

    No último parágrafo entraste em estado de delírio....

  • balio

    Tegnell não decidiu da vida de ninguém. As pessoas...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2008
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2007
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2006
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D