Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Descubram as diferenças

por João Távora, em 04.10.12

A respeito do presidente da república e das "suas" celebrações entrincheiradas de amanhã: 

 


O Rei D. Carlos ao seu ajudante de campo, tenente-coronel José Lobo de Vasconcelos, alguns meses antes de ser assassinado:

«Tu julgas que eu ignoro o perigo em que ando? No estado de excitação em que se acham os ânimos, qualquer dia matam-me à esquina de uma rua. Mas, que queres tu que eu faça? Se 

me metesse em casa, se não saísse, provocaria um grande descalabro. Seria a bancarrota. E que ideia fariam de mim os estrangeiros, se vissem o rei impedido de sair? Seria o descrédito. Eu, fazendo o que faço, mostro que há sossego no País e que têm respeito pela minha pessoa. Cumpro o meu dever. Os outros que cumpram o seu.»

Autoria e outros dados (tags, etc)



8 comentários

Sem imagem de perfil

De Pedro a 04.10.2012 às 21:12

Sim, os portugueses tinham um respeito desmedido pelo rei... 
Imagem de perfil

De Nuno Castelo-Branco a 05.10.2012 às 09:58

Excitados como andavam pela imprensa livre que existia na altura, não era para admirar a impunidade dos regicidas. Gostava de ler hoje um centésimo daquilo que abertamente se escrevia durante a Monarquia, mas desta vez  sobre o presidente e restante camarilha que nos trouxe a "isto". 
Sem imagem de perfil

De Pedro a 05.10.2012 às 10:22

A imprensa? a imensa maioria dos portugueses nem sabia ler.  A indiferença era geral. Não provocou grande comoção o assassinato de um rei fraco, mais amante da borga e das caçadas.  
Sem imagem de perfil

De Pedro a 05.10.2012 às 18:29

pronto, está bem, era um rei muito amado pelo povo, como nas historias infantis e quando ele morreu toda a gente chorou mito, menos os homens maus.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 06.10.2012 às 20:03


Rei  amado por quêm? Só pela camarilha que o rodeava..Foi pior que o padre Costa de Trancoso, esse deixou duzentos e tal filhos. Este perdeu-lhe a conta..A queda da monarquia estava por um fio. Quando o povo não se pode revoltar,(povo contra povo) A solução foi : matar o chefe......
A 1ª républica também foi para esquecer.. e da situação atual, nem me quero lembrar!!!
Imagem de perfil

De João-Afonso Machado a 08.10.2012 às 08:45

Portanto, o Rei D. Carlos teve mais de «200 e tal filhos»!!!
E a solução é «matar os chefes»!!!

Obrigado, Sr. Anónimo. É com dizeres assim que a República é o que é e se demonstra como a demagogia pode dar cabo de um País inteiro.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 07.10.2012 às 19:22

E depois inventam estas tiradas, estas frases. É como aquela do "morro pela Pátria" do Sidónio. A monarquia estava podre, foi um ar que se lhe deu. Ficaram as viúvas a chorá-lo e a indiferença geral

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Ser de direita, tudo muito bem, para quem tem gran...

  • Anónimo

    Anónimo das 13:16 = Fernando SILVA

  • Anónimo

    Pouco apto para que fim?

  • Anónimo

    Pois ... E quem vai avaliar e decidir sobre se o "...

  • Luís Lavoura

    "irá basear-se na aptidão dos solos e no seu uso e...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D