Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




"A 'Three Gorgeous' vai assinar amanhã o contrato de compra da participação do Estado na EDP" (Mário Crespo).

 

"O ministro das Finanças não tem qualquer visão sobre como é que o país se há-de desenvolver, e tal" (António Costa, Quadratura do Círculo).

 

"A Europa não está a ser séria. Andam todos a fazer cada qual o seu joguinho. Os holandeses são capazes de vender a mãe se lhes pagarem bem. Os suecos julgam-se superiores. Os noruegueses (...), um rapaz que fazia Pilates comigo, foi à Noruega, deixou lá o curriculum e já o chamaram (...) O Sarkozy-Cosifantuti... é mau para os países terem líderes ridículos" (Raul Rosado Fernandes).

[Silêncio] "Deixe-me fazer-lhe uma ultima pergunta" (Ana Lourenço).

(...) "Eu conheci a Thatcher" (RRF).

"Um bom Natal" (AL).

 

"Aos 40 percebi que era imortal" (Diogo Infante).

 

Dou 13 à cimeira” (Marcelo Rebelo de Sousa, sobre a cimeira europeia).

 

[Um homem que se] "passeia pelos salões dos poderosos, come pastéis de bacalhau na leitaria da esquina, frequenta seminários académicos, bebe um refresco em locais imagináveis e trata por tu grandes e pequenos" (António Barreto, sobre Gonçalo Ribeiro Telles).

 

"Já é uma tradição nas cimeiras dos países mais ricos do mundo" (Luís Delgado, sobre a presença de estrangeiros na manifestação da Assembleia da República).

 

"Christine Lagarde é uma encantadora, uma sedutora" (Braga de Macedo).

 

"Portugal não é monótono" (António Barreto).

 

"Será que há pudor internacional?" (entrevista de Mário Crespo ao presidente do banco BIG).

 

"Cavaco Silva devia condecorar Teixeira dos Santos" (Miguel Sousa Tavares).

 

Se não houver nem um protesto parecemos parvos" (Francisco van Zeller).

 

"Os dois australianos tinham oito chifres de rinoceronte, para fins medicinais. Foram apanhados no aeroporto de Lisboa e pertencem a uma rede internacional de grande dimensão" (jornal não identificado).

 

"Devíamos ir buscar dinheiro às empresas de utilidades" (Luís Delgado).

 

"Uma das coisas que aprendi [riso abafado] em Washington foi que na vida pública ou se está sentado à mesa ou se faz parte do menu. Eu próprio tive essa experiência recentemente em que fui incluído num cardápio qualquer. Quem é que é aqui o menu?" (Mário Crespo, sobre o caso Secretas / Bernardo Bairrão).
"Mário, a sua linguagem é muito críptica" (Ângelo Correia).

 

"Quadros, jóias e até cavalos, para não falar em activos financeiros, deslocam-se livremente no mundo" (jornal i, artigo "Imposto sobre fortunas - Relatório de fiscalistas alerta para risco da fuga de capitais").

 

"Manifestamente eventualmente esse é um problema que vamos ter que resolver" (Mário Crespo).

 

A Santa Casa da Misericórdia precisa de um gestor. Mandem o Dr. Santana Lopes para a OCDE” (Henrique Neto).

 

"Depois de um confronto destes [pausa], como é que os senhores pessoalmente ficam um com o outro, ficam zangados?" (Mário Crespo no final de um frente-a-frente entre Alfredo Barroso e Teresa Caeiro)

 

"Algo me diz que isto não vai ser tão mau como parece" (Medina Carreira).

 

"Governo quer generalizar o contrato a prazo por tempo indeterminado" (representante da CGTP-IN convidado pela TVI).

 

"Não posso fazer comentários, não tenho elementos" (inédito de Marcelo Rebelo de Sousa, sobre o caso Secretas / Bernardo Bairrão).

 

"Vou contar um episódio do dia de hoje. Fui à mercearia, gastei vinte e tal euros, ao meu lado estava uma senhora muito bem parecida que me atraiu. Era brasileira e comprou três pães. Porque é que esta senhora há-de acreditar em Deus?" (Mário Crespo).

 

"Vou-lhe fazer uma pergunta daqui a cinco minutos - Deus existe?" (Mário Crespo, antes de prosseguir a emissão com uma peça sobre o rating da Grécia).

 

"O meu minuto vai ser um minuto rápido" (João Semedo).

 

"Sondagens - Mantém-se o empate técnico, mas PS aproximou-se do PSD nas ultimas horas" (Mário Crespo).

 

"Há uma grande imprecisão, visto que tanto um está à frente como depois está o outro, mas isto vai andando" (Mário Soares, sobre os resultados das sondagens).

 

"Eu não disse que não seria primeiro-ministro com o FMI, disse que não estava disponível para governar com o FMI, é completamente diferente" (José Sócrates).

 

"Para que tudo corresse bem foram precisos muitos, muitos preservativos" (João Adelino Faria, referindo-se aos preparativos do casamento real britânico).

 

"Projectar categorias morais no fenómeno político dá mau resultado" (Francisco Assis).

 

"Crescimento económico e poupança. São as duas coisas que é necessário para o crescimento económico" (Daniel Oliveira).

 

"Diz que é uma espécie de bancarrota" (Martim Avilez Figueiredo).

 

"Estamos todos histéricos" (Luís Delgado).

 

O VW Golf é um bem essencial?” (Peça da RTP, questionando a razoabilidade do desagravamento do IVA do golf anunciado pelo governo).

 

"Não quero que me confundam com aquilo que eu não quero ser confundido”. “Não, não. Não estou interessado em lugares”. “Estou num processo de pensamento" (Santana Lopes).

 

"Como comenta o facto de José Sócrates ter saído sem o cumprimentar?" (SIC)

"Isso é de muito mau gosto" (Manuel Alegre).

 

"Cavaco Silva não quis falar sobre o FMI, alegando que era domingo e estava a caminho das queijadas de Sintra" (Abertura do noticiário da SIC).

 

[É justo o aumento do salário mínimo] “porque a Malta já nos passou à frente” (Representante da CGTP-IN à TVI).

 

"É bom que os portugueses saibam que na Lua têm um espaço familiar, que é a cratera Vasco da Gama" (Pacheco Pereira, Ponto Contraponto).

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



2 comentários

Sem imagem de perfil

De 12.º A a 03.01.2012 às 13:39

Posso copiar?
Imagem de perfil

De Zélia Pinheiro a 03.01.2012 às 16:17

Claro (citando a fonte, naturalmente).
Também pode partilhar o link, para maior simplicidade (clickando em partilhar).

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Tiago

    Se uma vaca pesa pelo menos 500kg, e as cantinas c...

  • Anónimo

    Esta história do filho pródigo é música para os ou...

  • Anónimo

    Afirmo que o próprio Estado manobra máquina agríco...

  • pitosga

    Mendonça da Cruz,eu tenho um 'mau' hábito que é re...

  • Anónimo

    Era o que faltava que , quem tem o seu blogue não ...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D