Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O mais extraordinário...

por João Távora, em 06.05.11

 

...nas sondagens divulgadas hoje é a indicação de que o partido socialista, avassalado a um duro programa de liberalização da economia para a próxima legislatura, está a captar votos à sua esquerda. E a falta que nos faz um PSD consequente, meu Deus!

 

Vou mas é de fim-de-semana retemperar o ânimo.



15 comentários

Imagem de perfil

De Réspublica a 06.05.2011 às 15:33

A questão passa por as pessoas que tradicionalmente votam CDS votarem PSD, para o PSD ter mais votos que o PS!!!
Sem imagem de perfil

De Herr Frederick a 06.05.2011 às 16:50


A resposta é simples.

O PS de Sócrates é um partido neo-liberal e que arrecada os votos da direita profunda.

Não da direita do comentário a recibo-verde da televisão e dalguns professores «liberais» mas que vivem à custa da generosidade do Estado Social.

Imagem de perfil

De Maria Teixeira Alves a 06.05.2011 às 17:41

João viu ontem a Quadratura do Circulo? Viu o António Lobo Xavier a dizer: se eu fosse ao Passos Coelho quando me viessem com fait divers, Nobre, trapalhadazinhas, programas de humor, etc, etc eu respondia: Pois, mas não levei o país à bancarrota!
Sem imagem de perfil

De Ora a 06.05.2011 às 17:52

Mas temos um CDS consequente, cujo lider anda a preparar-se em acelerado para ser PM.
Imagem de perfil

De Rui Crull Tabosa a 07.05.2011 às 10:48

Só falta mesmo ver o Louçã pretender ser também PM. Ridículo e, pior, é mais um exemplozinho de tentativa de desviar votos do PSD para o CDS, a favor do CDS. Ou não repara nos bastos elogios envenenados que Soares  e outras figuras socialistas fazem a Paulo Portas?
Sem imagem de perfil

De APC a 09.05.2011 às 00:13


Podem explicar-me o que é que PPC tem a mais que PP que o recomende para PM ? Tem um partido com mais militantes ? Ora, pelo que temos visto PPC tem demonstrado menos competencias politicas, apesar dos submarinos do outro e das opinioes vinculativas deste colaborador.
Imagem de perfil

De Rui Crull Tabosa a 09.05.2011 às 01:19

Curioso referir-se aos submarinos, que provavelmente é uma suspeita injusta, como a das 'contrapartidas', mas tornam-se intrigantes quando nos embramos das 60 mil fotocópias que PP tirou quando saiu de ministro da Defesa. Seja como for, o mesmo não se pode dizer de PPC, o que não é pouco.
Agora que PP fala bem ninguém duvida, como Sócrates também falava e estamos na bancarrota.
De resto, não deiam de ser sintomáticos os elogios que os dirigentes do PS fazem a PP. Afinal, para o PS, cada voto no CDS é menos um no PSD e mais uma possibilidade de Sócrates continuar no poder.
Não se trata, apenas, de qualidades pessoais. O que está em causa daqui a um mês é saber se conseguimos ou não correr com o pior primeiro ministro da história de Portugal.
Cumps. 
Imagem de perfil

De João Távora a 06.05.2011 às 18:39

Maria: compreendo o A.L.X. De resto o PSD para mim sempre foi um partido socialista com pessoas educadas com quem se pode conversar. No resto a sua utilidade é captar votos ao centro e ao centro esquerda, neste país em que ser conservador e liberal é pouso menos que ilegal.
Beijinhos
Sem imagem de perfil

De daniel tecelao a 06.05.2011 às 23:07

Ainda ontem vi com estes dois, que a terra há-de comer,numa esquina da av.de roma,um grupo de
conservadores e liberais,serem violentamente espancados.
A um deles saltou-lhe o crâneo,sorte que estava vazio!!!
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 06.05.2011 às 20:12

Em quem é que votam os Comunistas que vivem ás custas das Empresas Privadas Herr Frederick? 
.
Já agora que anda por aqui a fazer a usar tecnologia capitalista?
Sem imagem de perfil

De Herr Frederick a 07.05.2011 às 03:09


Tecnologia capitalista?

Eu até uso um computador da era soviética.

Até fui funcionário da RosKosmus.

Só não fui para o espaço, por que sofro de claustrofobia.

Sem imagem de perfil

De Velho da floresta a 06.05.2011 às 21:41

Caro João Távora, o mais extraordinário se a memória não me falha, é que a seguir ao 25 de Abril assistiu-se ao seguinte espectáculo;
O PS vindo de um recente nascimento de transfugas do PCP, transformou-se naquilo a que podemos classificar como ragtag político, onde coube todo um conjunto de pessoas adversárias (em vários graus) do anterior regime, politicamente  heterogéneas mas com um fundo (maior ou menor) marxista, tendo todos em comum (apenas) a vontade de serem poder, apetite esse que se mantém e que faz deste partido e seus "aparatchiks" visíveis (os famosos boys) e invisíveis (a maçonaria), o grande obstáculo a qualquer modificação estrutural no nosso país. O PPD (actual PSD), nasce na maior parte do pais (continente e ilhas), tendo como base os núcleos locais da antiga Acção Nacional Popular e alguns elementos tidos pelo antigo regime "como enfants terribles", que faziam parte da ala liberal do velho parlamento, mantém em si todos os problemas que tinha na sua génese, ou seja continua a ser politicamente uma terra de ninguém, onde o cinzentismo impera e toda a gente espera por um líder incontestado, sempre que isso não sucede, até nos antípodas se ouvem as facas a serem afiadas. O CDS que surge como uma coligação política moderna, da ala conservadora moderada, tradicionalmente aliada à Igreja e que vinha a conquistar adeptos em Portugal, desde o advento do concilio Vaticano II, cresce como partido entre outras situações, com o progressivo ataque à Igreja e com a ilegalização de alguns outros partidos e a interdição eleitoral de outros, sem nunca ter conseguido após a morte de Adelino Amaro da Costa, ter uma unívoca e consequente doutrina e disciplina política convincente, situação que se mantém, independentemente da vigorosa e inspirada liderança de Paulo Portas. Pelo que extraordinário mesmo é verificar como é que com um início tão pífio, se conseguiu chegar hoje a uma tão bem dimensionada Plutocracia.
Sem imagem de perfil

De Valhe-me Nossa Senhora a 07.05.2011 às 10:16

Mais uma. Agora o PPC diz que não governará com o PS de maneira nenhuma. Mas digam-me lá s.f.f. o PSD foi desencantar este idiota para ter mesmo a certeza que perde as eleições?
Imagem de perfil

De Rui Crull Tabosa a 07.05.2011 às 10:50

Com Sócrates ninguém consegue convernar pela simples razão de não ter palavra, atacar traiçoeiramente quem com ele faz abordos, viola todos os compromissos,  levou o país
à bancarrota e acha que fez muito bem e por ter uma infernal central de intoxicação que tudo conspurca na vida portuguesa.
Alianças com Sócrates? Antes com o diabo..
Imagem de perfil

De Rui Crull Tabosa a 07.05.2011 às 10:54

Onde é que o PSD não é 'consequente', caro João?
É uma pena ver que a guerra psicológica de intoxicação lançada por Sócrates está a produzir, objectivamente, os seus frutos.
É assim tão difícil compreender que, nestas eleições, o mais importante, o princípio de tudo, é mesmo correr com os gangsters que levaram o País à bancarrota e à ruina?

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Na bicha, minha senhora, na bicha.Recusar colonial...

  • Luís Lavoura

    uma acção coerciva de uma violência brutal, sem cu...

  • Luís Lavoura

    Sim, Marina, as pessoas em Lisboa estão todas borr...

  • Anónimo

    https://observador.pt/opiniao/retorno-ao-normal-de...

  • Anónimo

    Deu-se ao trabalho de verificar as credenciais de ...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2008
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2007
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2006
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D