Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Fotografias de Lisboa (teste)

por Luísa Correia, em 02.07.10

(Na Rua da Emenda...)

Autoria e outros dados (tags, etc)



18 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo Veneziano a 02.07.2010 às 14:21

"Aprovada" no teste. Ouve-se o "silêncio"... Não vou alongar-me pois este blogue não é sobre técnica fotográfica, mas noto que apesar do enquadramento perfeito teve de enfrentar um problema de luz (a cor do céu).
Imagem de perfil

De Luísa Correia a 02.07.2010 às 21:23

Caro Anónimo Veneziano, é um problema, mas um problema que eu própria provoco às vezes. Gosto imenso desse efeito de «recorte» provocado pelo céu branco, quando o fundo a que se aplica a fotografia também é branco. Coisas de amadora.  :-)
Sem imagem de perfil

De Anónimo Veneziano a 03.07.2010 às 00:48

Continue que vai bem.

 
Sem imagem de perfil

De Rua sem Emenda a 02.07.2010 às 14:22

http://estacionamentoselvagem.wordpress.com/2009/10/23/rua-da-emenda/ (http://estacionamentoselvagem.wordpress.com/2009/10/23/rua-da-emenda/)
Imagem de perfil

De Luísa Correia a 02.07.2010 às 21:32

Caro Rua-sem-Emenda, essa é, infelizmente, uma praga em toda aquela zona. Devia ser severamente combatida, mas não é. O artigo que linka fala nos parques, e há por ali bastantes, mas também é verdade que estão muitas vezes cheios. Costumo usar o do Carmo e não é raro que tenha de esperar dez, vinte minutos numa bicha. :-)
Sem imagem de perfil

De Juliana Paes a 02.07.2010 às 14:32

Uma das cidades mais bonitas do mundo!!!
Sem imagem de perfil

De Bondade Sua a 02.07.2010 às 15:17

Bondade de uma das mulheres mais lindas do mundo...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 02.07.2010 às 22:52

Também não exageremos!
Sem imagem de perfil

De Saudade a 02.07.2010 às 18:03

Bons tempos, em que à sexta-feira a garota do Corta era a Juliana Paes.

Image

 
Imagem de perfil

De Luísa Correia a 02.07.2010 às 21:34

Juliana, é a minha cidade, pelo que me sensibilizam muitíssimo as suas palavras. :-)))
Sem imagem de perfil

De António Pires a 02.07.2010 às 14:50

Esta rua é anacrónica. O Regime já não tem emenda.
Imagem de perfil

De Luísa Correia a 02.07.2010 às 21:35

Absolutamente, António!  :-D
Sem imagem de perfil

De Teste? a 02.07.2010 às 15:37

Máquina nova, não?
Imagem de perfil

De Luísa Correia a 02.07.2010 às 21:39

Não, caro Teste; tamanho novo. Resolvi experimentar como me saía com a utilização de toda a largura da coluna branca. :-)
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 02.07.2010 às 22:58

É  a Lisboa da saudade, da lembrança, da tristeza, da vida que ficou registada, e sobretudo aquela memória de que não me lembro. Mas ao mesmo tempo tão bonita, com tanta «energia» se acotovelando, não querendo partir por estar presa. As «coisas» falam, sobretudo as janelas...lê-se muito nas janelas...
Image
Imagem de perfil

De Luísa Correia a 04.07.2010 às 13:03

É verdade, caro(a) Anónimo(a) – Educadinha? :-)

Lisboa fala muito do que são os seus habitantes. E só não fala mais do seu longo passado porque o foi escondendo (ou perdendo) sob as novas camadas de casario. Mas deve ter um riquíssimo passado. :-)
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 04.07.2010 às 13:57

Sim, Luísa, sou eu. É isso que diz. É isso tudo.
Para mim basta olhar..às vezes...e o «filme» desenrola-se-me à frente. Por isso, Faço estas apreciações que lhe podem parecer «esquisitas», mas ... é isso. Tudo «fala», por vezes mais que os humanos.

Coisas....Image

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Parabéns pelo texto. Excelente.Esta mulher, Clara,...

  • Branca de neve

    Pensa mal. A geringonça já providenciou a ditadura...

  • Anónimo

    1974, Setembro, LM:Antes de seguir para a cidade, ...

  • Anónimo

    Muito bem escrito.Devemos ter sido amigos e vizinh...

  • Sarin

    Porque nem sempre discordamos, permita-me partilha...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D