Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Tratados como gado

por Pedro Quartin Graça, em 01.06.10

Aproxima-se a data de mais um grave atentado aos direitos, liberdades e garantias dos cidadãos. Falo da entrada em vigor a 1 de Julho dos dispositivos electrónicos de matrículas – conhecidos por chips - que o Governo já anunciou ser o sistema de pagamento das SCUTS.

Mas ainda há esperança. A revogação dos dispositivos electrónicos de matrículas vai voltar a pairar na Assembleia da República. O PCP vai propor amanhã o agendamento de um projecto de lei que revoga os chips, esperando-se que o mesmo possa ser agendado, sendo que tal facto arrastará outros dois – do PSD e do BE - que também vão no sentido de revogar o decreto-lei que torna obrigatória a instalação dos chips em todos os veículos.
Trata-se de uma medida verdadeiramente intrusiva e desproporcionada face a um direito que qualquer cidadão deve ter de poder optar entre ter ou não um dispositivo electrónico no seu veículo. Quer o PCP, quer o BE e o PSD apresentaram logo no início da legislatura projectos de lei para revogar os chips. A iniciativa da bancada laranja é da autoria do deputado Miguel Macedo, actual líder parlamentar. Durante a campanha para as legislativas, o PSD chegou a chamar aos chips um “big brother” rodoviário... Urge apelar à reacção dos Portugueses para impedir a entrada em vigor desta lei. Já chega!



151 comentários

Imagem de perfil

De Réspublica a 01.06.2010 às 14:06

O mais caricato da questão é que a medida Estalinista tem a oposição dos partidos Estalinistas do espectro político português e do centro-direita.
Seja como for, faz lembrar a nota introdutória do tradutor português do 1984, quanto à actualidade da critica orwelliana ao Estalinismo ou socialismo de Estado, quanto a sociedade ocidental democrática actual se aproxima de tais modelos em virtude da evolução tecnológica.
Só falta o sr. de barba com cerca de 45... gloria ao Miniamor...
Sem imagem de perfil

De JoseF Mengele a 05.06.2010 às 07:47

Você tem algum problema?! Fala de um monte de coisa sem sentido nem nexo para dar a pinta do cultural e sapiente Sr. quando comentar alguma coisa diga algo de construtivo ao invés de escrever para encher o olho!
Sem imagem de perfil

De Jonas Smith a 05.06.2010 às 15:44

Senhor Républica porque não lhe chama "medida democrática" em vez de "medida estalinista"? Pois ela está para acontecer é num pais democrático, que faz parte de uma união democrática e tem aliados democráticos!
O que temos é uma excelente oprtunidade para deduzir correctamente de quem a propoe e contesta os seus interesses e principios.
Mas essas concluções devem ir contra os preconceitos que lhe ensinaram. Diga-me, ainda acredita que os comunistas comem criancinhas e matam os idosos? E no Papão?
Desculpem o meu português pouco académico, mas a sociedade para a qual trabalho não me permitiu estudar mais!
Imagem de perfil

De Réspublica a 05.06.2010 às 16:31

A medida de controlo é estalinista, o 1984 era uma crítica ao estalinismo, o facto de se poder hoje ver nas democracias ocidentais práticas estalinistas, não significa que as medidas sejam democráticas, mas que as democracias também têm uma capacidade para aprender com o totalitarismo.
Sem imagem de perfil

De Carlos Leao a 05.06.2010 às 23:13

democratico deve ser algo da sua santa FA...MILIA, pois neste momento com o sr. Socrates, vivemos num país fascista, nazi ou estalinista, como quediram porque é tudo a mesma coisa!
Sem imagem de perfil

De Nuno a 05.06.2010 às 23:56

Bem temos aqui uma mente um bocado confusa, chamar estalinista ao PCP e ao Bloco por amor da santa, posso não usar palavras tão caras, mas não disparo tanta barbaridade em tão pouco tempo, analisado os programas politicos quer de um quer de outro, é possivel constatar que tanto o PCP quer o Bloco estão muito mais proximos de uma raiz ideológica social-democrata, caso não saiba o que é talvez uma enciclopédia resolva as suas duvidas
Sem imagem de perfil

De Tiago Mouta a 01.06.2010 às 14:24


Caro Pedro:

Este é somente mais um pequeno passo no sentido da "Escravatura Global"!!!
Sempre com  a bela da desculpa da segurança...
Sem imagem de perfil

De Mário Pereira a 04.06.2010 às 16:07

caro Tiago estou plenamente de acordo (mais um paço para a escravatura)no entanto faço lembrar que tudo o que de mau se tem criado no nosso País
e que tanto tem prejudicado o nosso povo tem sido sempre criado em governos Socialistas,desde os celebres contractos de trabalho a prazo criados precisamente no primeiro Governo Socialista do sr .dr. Mário Soares daí para cá tem sido um nunca mais parar de situações, NO ENTANTO O POVO GOSTA, e como gosta continua e nada  faz para acabar de vês com tal sofrimento, quando há dinheiro é para os ricos subsidios,compensações,prémios chorudos no vencimento,empresas para entregar aos amigos para gerir, quando á crise e é necessario aumentar impostos,criar novas formas de arrecadar dinheiro,tudo serve para lixar o pobre/ou remediado, portanto o povo gosta de levar porrada,em minha opinião acho que o sr. Socrates deveria criar um imposto onde os portugueses não tivessem sequer dinheiro para comer talvês assim acordem para uma vida que está moribunda perto do fim e sem medicação á vista.
bem haja dr. Medina Carreira que sempre disse que Portugal estava falido mas infelismente ninguem o ouviu
desculpem mas é a minha opinião
Mário
Sem imagem de perfil

De Tiago Mouta a 04.06.2010 às 17:42

Caro Mário

As medidas Socialistas, não serão muito diferentes da dos sociais democratas.
Desde 85 tivemos 12 anos de PSD e 13 de PS (sensivelmente...) à frente do governo, significa que o problema é mais profundo do que se pensa... A crise que tanto se fala, apenas veio expor as nossas muitas fragilidades para enfrentar a globalização...
Agora o que há a fazer é, ou mantemos a nossa integridade como País evoluindo, isto implicará uma revolta e a mudança do sistema político, da justiça, da saúde, do tecido empresarial e sobretudo do aparelho produtivo... Provavelmente com um cenário de deflacção prolongado e quiçá a saída do euro... Mas aí teremos todos que arregaçar as mangas!!!
Ou por outro lado deixamos tudo como está e dentro em pouco este país deixará de ser um estado soberano para ser uma província de outro império e os seus cidadãos escravos de bancos mundiais...
Cabe a todos escolherem... a verdade é que isto está planeado desde o final da 2ª guerra mundial...
O cenário de guerra mundial também é plausível, mas temo que a capacidade destructiva da humanidade não deixe muito de pé para prosseguir a sua história...
Os chips na viatura, é apenas o primeiro passo para marcar toda a Humanidade com RFID, depois a bem da sua segurança vão lhe implantar o chip a si... e por aí fora...nessa altura seremos apenas gado...
Sem imagem de perfil

De Nel a 05.06.2010 às 08:57

São os ILUMINATI q dominam neste momento o mundo,ou seja p "destruição" do mundo. Digam o q disserem eles existem. E Portugal é só uma Marioneta,porque infelizmente o Povo só quer bombos e festa,ou seja futebol e as palhaçadas q tds os principais intervenientes fazem e a gabarem-s q gastaram milhões d euros. S os portugueses quiserem sair da crise é produzirem e utilizarem td o q portugal tem d melhor em Portugal continental e ilhas,pq Portugal é super rico em minério,como por exemplo ouro,pesca e agricultura... P isso é sairem da moeda euro e não fazerem cortes como parlamento europeu tem-nos dado,será q o povo portugués não tem orgulho ou... Sempre estive disposto a lutar por um melhor Portugal. Não sou politico, nem intelectual, só quero bem p o meu lindo país.
Sem imagem de perfil

De monica a 05.06.2010 às 22:57


Portugal nao e pouco rico em quase nada mas mesmo muito pouco e em minerio. Ja os outros q cita e q nao sao minerio. (poucos minifundios e latifundios muito pouco ferteis; pesca nacional sujeita a cotas) tambem nao vao levar o pais a riqueza. A verdadeira riqueza esta no povo q sabe acolher como ninguem, esta nas paisagens que de norte a sul sao de incomparavel beleza. A grande pobreza esta no ego do Portugues. Somos um povo q se habituou a 50 anos de salazarismo e delegamos a politica para os politicos habituados desde sempre a essa apatia e a corrupcao. Solucoes? E mais facil fazer passar um camelo por uma agulha do q mudar as mentalidades de toda uma sociedade
Sem imagem de perfil

De HB a 05.06.2010 às 12:47

Caro Tiago Mouta,
Caso o Sr. não se lembre esta crise começou com o Sr. . Eng.º António Guterres que andou a desbaratar dinheiro do estado e a iludir os portugueses. Caso não se lembra também foi nessa altura que o Sr. . Eng.º passou a ideia de que tudo se podia comprar com recurso ao crédito e foi desde essa altura que Portugal e os Portugueses aumentaram em muito a divida de cada Português. Lembra-se?
O Sr. Eng.º António Guterres depois de uma Governação absolutamente ruinosa deixou o País num pântano segundo palavras do mesmo e desde ai nunca mais Portugal se conseguiu endireitar.
Isto são factos. Com o governo do PSD (Durão Barroso) tentou-se resolver o problema mas não conseguiram é um facto. Do governo Dr. Santana Lopes não vale a pena falar pois em 6 meses não se faz coisa nenhuma.
Depois do golpe de estado feito pelo Sr. . presidente da república de então, o Dr. . Jorge Sampaio foi lá colocado o pior e mais arrogante primeiro ministro de sempre o Sr. . Eng.º Sócrates cuja governação à semelhança do seu colega de partido Sr. . Eng.º António Guterres tem feito uma governação absolutamente ruinosa para o pais.
Não queiram misturar governos dos PS com os do PSD pois não são a mesma coisa.
Os governos do PS têm sido todos eles ruinosos.
Relembro que no 1º mandato do Dr. . cavaco silva Portugal crescia o dobro da média europeia lembram-se? Foi com o Sr. . Cavaco silva que se construíram estradas, escolas, hospitais, etc... É certo que o Dr. . Cavaco Silva se centrou muito nas questões estruturais do país e não noutras questões mas sem boas estruturas um país não avança.
Sem imagem de perfil

De Tiago Mouta a 06.06.2010 às 16:09


Caro HB

Podemos por as culpas em quem quisermos, mas Mr Cavaco e Silva também terá a sua quota parte neste capítulo...
Nos seus anos de 1º ministro, foram feitas muitas infraestruturas, lembro-me de um IP5 que mais tarde se gastou o dobro para transformar em autoestrada...
Lembro me do dinheiro a rodos para os agricultores deixarem de produzir, aí o cenário de crise já era patente, mas nós viviamos à custa das esmolas de Bruxelas... Havia subsidios para tudo e todos, anos esses onde o estado engordou desmesuradamente, aliás como até aqui...Cavaco Silva foi também ele um lacaio de Bruxelas, o primeiro por sinal!
Se é certo que Guterres incentivou uma política de empréstimo, o resto do mundo seguia a mesma tendência...
Jorge Sampaio deu o golpe de estado e ficou provado que esta gente mais do que governar um País pretende claramente governar-se a si própria, ou vai me dizer que o Presidente não anda há já muito tempo a planear a sua reeleição... Talvez por isso o golpe de estado necessário ainda não tenha surgido...e não me fale de responsabilidade para com o País...
Um País que nos tapa os olhos com o Benfica, o Papa em Fátima, vuvuzelas e a selecção, rock in rio e outras coisas mais que apenas servem para nos desviar os olhos do que realmente está a acontecer, a perda total de soberania de Portugal...
O PSD fala em reforma constitucional, mas não augura nada de bom...até porque a CRP deve ser o pedaço de legislação mais violado que existe... Falando em legislação questiono me acerca dos tribunais e para quê termos sistema judicial já que todos os arguidos são inocentes ao fim de anos de processos... No fundo temos um sistema para absolver e criar inocentes ao invés de apurar verdades e responsabilidades!!!
Mas a selecção tem "os incríveis" no mundial (por 800 euros/dia)...
Incríveis somos todos nós, os anónimos que damos saltos mortais para sobreviver num local onde nos inibem a criatividade, a produtividade e a capacidade de prosperar em nome de um interesse público fictício que reside nos corredores de S Bento!!!
Sem imagem de perfil

De Joao a 05.06.2010 às 00:12

Assino por baixo.
É uma vergonha este povo.
Medina Carreira para Presidente!!!!!
Sem imagem de perfil

De Nuno Almeida a 05.06.2010 às 00:44

Caro Joao, realmente e pensando melhor, so de acordo com o seu ponto de vista. Porque eu paguei 70E e nao se passou nada. Vou continuar a infringir o limite de velocidade. Se calhar se fosse condenado a, como se diz na giria popular, "puxar pelo lombo", talvez pensaria duas vezes antes de pisar no acelerador! Isto e um tema muito complexo pois com reducao de multas, os poderosos safar-se-iam sempre... Acerca da Via Verde, acho que nao percebeu bem o que quis dizer... Na portagem que falei, o sistema de deteccao do sinal da Via Verde e feito por paineis que existem em cima da auto-estrada sem que obrigue a reducao de velocidade pois as faixas de rodagem nao sao suprimidas... Acerca da variacao do limite de velocidade, tambem e relativo pois no espaco de um minuto pode variar de pouco trafego a imenso trafego... A qualquer momento podia ir com um limite de 160km/h e ter que reduzir drasticamente para 120km/h no segundo a seguir... Agora eu pergunto, se o excesso de velocidade fosse assim tao perigoso como argumentam, porque na Alemanha existem auto-estradas sem limite de velocidade? Acho que deviam era dificultar o acesso a carta pois na altura que tirei carta, ofereceram-me uma "alternativa" caso nao passasse nos exames. Felizmente nao precisei de recorrer a esses "servicos" mas posso dizer que nunca fiz exames psicologicos... Tenho quase 8 anos de carta e ate hoje so tive um acidente em como fui culpado e que nem foi para o seguro pois foi uma coisa minima... Apenas um "toque pequeno" que com 100E ficou resolvido! E aqueles que possuem carta sabe-se la como? E depois de meio ano de carta tem um acidente com mortes inocentes? Possuirao eles a tal "habilitacao legal" para conduzir? tenho um amigo meu que nao possui essa "habilitaco legal" mas se calhar ate conduz melhor que eu... Um cumprimento cordial!!!
Sem imagem de perfil

De manilha a 05.06.2010 às 01:13

Devemos estar atentos aos português. Deveria querer dizer passo "acto de mover um pé, andar" e não paço "palácio real, paços do concelho"
Sem imagem de perfil

De mario pereira a 12.06.2010 às 18:29

m
engraçada a forma como está com atenção aos erros ortográficos , errar é humano, feliz daquele que não erra, o que devia era estar preocupado com a situação do país, com a miséria que se vive actualmente, mas pelas forma com se expressou não merece mais comentários.
Sem imagem de perfil

De Maria Silva a 05.06.2010 às 10:28

Concordo plenamente consigo! O Dr. Medina Carreira disse e é a pura verdade.
Sem imagem de perfil

De Francisco José a 05.06.2010 às 11:05


è a sua opinião e a da maioria dos Portugueses.
Parabéns. Você conseguiu sintetizar em poucas palavras o que nos vai na alma.
Só os senhores do DESGOVERNO é que não querem ver.
Sem imagem de perfil

De Custódio Carvalho a 05.06.2010 às 11:59


Nestas coisas, eu não tenho a pretensão de ser mais experto que os demais. Apenas digo que porcaria todos têm feito quando estão no governo. Uns fazem umas coisas, outros fazem outras, e o que é facto, é que nada de concrecto fazem em benefício daqueles que lhes deram a mão (votos) para eles lá chegarem. Quem se lixa, é sempre o Zé povinho.A democracia é muito bonita, mas é quando serve para o bem dos cidadãos. Não é quando serve para meia dúzia de iluminados nos tramarem, seja de que maneira for.
Sem imagem de perfil

De Luís Bessa a 05.06.2010 às 21:33


O Sr. Custódio Carvalho tem razão em alguns aspectos do seu comentário. Ainda bem que não quer ser mais esperto do que os outros... farto de xico-espertos estamos nós (ou, pelo menos, alguns de nós). A democracia tem um problema: é a ditadura do partido maioritário. No entanto, na minha opinião, é o melhor sistema político existente. A tragédia do nosso país é que a maioria dos políticos é uma cambada de oportunistas. Temos assistido a autênticos "rega-bofes" e, de facto, não se passam só com os socialistas - infelizmente passam-se com todos os partidos. Infelizmente, também, os nossos políticos estão muito longe de serem iluminados. Os verdadeiros iluminados, existem por aí, mas não querem os seus nomes envolvidos na lixeira dominante.  
Sem imagem de perfil

De Paulo Prata a 05.06.2010 às 12:01

Bom Dia

Mil aplausos para o seu comentário, tal como refere nunca ninguém deu ouvidos ao Dr. Medina Carreira mas com o tempo talvez isso venha a acontecer
Sem imagem de perfil

De JP a 04.06.2010 às 17:49

Mas qual segurança? isto é para sacar o dinheiro como querem quando querem sem ter sequer que fazer portagens!
Sem imagem de perfil

De Tiago Mouta a 01.06.2010 às 15:22

O que é engraçado é que a crítica orwelliana do 1984 referente ao Comunismo assenta que nem uma luva ao Capitalismo Global Tecnológico... O que prova a minha teoria de que as ideologias são óptimas em papel, mas aplicadas ao extremo pervertem-se...
E os extremos quer à direita, quer à esquerda tocam-se sendo uma e a mesma coisa!!!
Sem imagem de perfil

De Tá na cara a 01.06.2010 às 15:23


Tá-se mesmo a ver que isso vai entrar em vigor a 1 de Julho...
Imagem de perfil

De Daniel João Santos a 01.06.2010 às 16:41

uma lei absurda.
Sem imagem de perfil

De Ega a 01.06.2010 às 19:34


MAIS uma lei absurda.
Seguir-se-ão outras.
Já nos habituamos ao absurdo.
Preferimos um domingo de praia a ir à mesa de votos dizer não ao absurdo.
Imagem de perfil

De Ana Gabriela A. S. Fernandes a 01.06.2010 às 21:49

Pedro
A necessidade de controle dos cidadãos pelos socialistas chega a ser patológica...
Mas há aqui uma agendinha... quanto mais não seja a da venda dos chips. Quem é a empresa?
Ana
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 05.06.2010 às 17:31

D. ANA

Também penso o mesmo. Temos que ver qual a empresa que está por trás da venda dos chips. Quem são os seus administradores, se calhar nomeados pelo governo, que nos desgoverna, para no final do ano, ou do próximo receberem um prémio chorudo, pelos aumento de vendas IMPOSTO AOS PORTUGUESES.

Cumprimentos
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 01.06.2010 às 23:08

Pois é...não há imunidade contra o absurdo.

O controle socialista continua impávido, sereno, muito paciente, com a paciência da oposição....
Até porque o exercício socialista é uma lição para a oposição, que a seguirá assim que chegar a vez de tomar o poleiro. Vou à praia nesse dia, nem que esteja a chover e desta vez vou ser abstencionista da praia...

Image
Sem imagem de perfil

De zé a 04.06.2010 às 10:26

quem tem medo de que lhe controlem o carro os ladrões os vigaristas e os malandros gente seria não tem problemas sejam sérios e deixem-se de rodeios
Sem imagem de perfil

De NUK a 04.06.2010 às 12:45

1º Já existem auto-estaradas há muitos anos e nunca foi preciso chip de matrícula para pagar as portagens, porque haveria de ser preciso para as SCUTs?! Aliás quer tenhas chip ou não, se não pagares a portagem a polícia apanha-te sempre.
2º O chip de matrícula faz com que fique registado por onde passaste. Eu não sei quem é que fica com esses registos e recuso-me a confiar a minha privacidade a uma empresa quer seja do Estado (pública) ou privada, porque pelo que já se percebeu tanto a nível regional como a nível global as empresas têm sempre alguns dos seus empregados/amigos no governo. Como o governo é corrupto eu não vou confiar a minha privacidade nessas pessoas.
3º O chip poderia servir para as portagens e também para detectarem aonde é que está o teu carro. Alguém viu aquela reportagem em que uma empresa de seguros (ou algo assim) disponibilizava um serviço em que o carro das pessoas era pintado de novo e essa tinta tinha milhões de micro-chips que eram detectados por um satélite e que assim poderiam saber onde é que estava o carro em caso de roubo?

Isto da segurança é muito giro, mas recuso-me a perder a privacidade e a minha liberdade para aumentar a segurança, sendo que esta pode ser usada para me controlarem a vida.
Sem imagem de perfil

De João Fernandes a 04.06.2010 às 16:10


Caro Nuk,

Não existe a possibilidade de detectar carros por satelite recorrendo ao RFID que está no chip de matrícula.

E essa possibilidade não existe por razões meramente físicas, relacionadas com a propagação de sinais de rádio.

Sem imagem de perfil

De NUK a 04.06.2010 às 18:57

A reportagem já foi há algum tempo e peço desculpa pelo erro, mas se não for por satélite será por antenas (como os telemóveis), mas o sistema existe meu caro.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 04.06.2010 às 19:35

Caro NUK,

Eu queria dizer que o chip (RFID) que vai ser colocado na nova matrícula não o permite.

Existem vários sistemas que recorrem a GPS e a rede móvel, para realizar o posicionamento de automoveis. Mas nenhum deles é contemplado pelo chip(RFID) que está no interior da mátricula.

Por antenas sim, o RFID(chip de matricula) será detectado quando atravessa os postos de controlo mas dessa forma não consegue um posicionamento, só consegue a informação de que atravessou aquele local.

 
Sem imagem de perfil

De Snarf a 04.06.2010 às 22:25

O Chip no limite máximo dos máximos pode ser identificado a 15 metros de distância. Sendo o contratado com a empresa é que exista uma excelente recepção até aos 3 metros, o resto é a propagação do sinal.
De facto será possível identificar que o seu carro passou na portagem de Alverca e que seguiu até ao porto por auto-estrada... mas já agora é possível de fazer isso, pois cada vez que passa na portagem a sua matrícula é registada para fins estatísticos.
Sem imagem de perfil

De monica a 05.06.2010 às 23:15


caro snarf ou eu muito me engano ou trabalha para a empresa q ja esta a fazer negocio com o governo para fabricar em grande escala dito RFID. Na realidade uma camara de filmar na rua constitui tanto um atentado a intimidade pessoal como qq microchip nas matriculas. As ruas estao cheias delas, assim como as autoestradas e hoje em dia ja ninguem se queixa da sua existencia e proliferacao.
Sem imagem de perfil

De AG a 05.06.2010 às 09:52

Caro NUK


Será melhor destruir o telemóvel que, mesmo desligado, é dito fornecer a sua localização.
O multibanco e o cartão de crédito devem seguir o mesmo rumo, pois dizem muito acerca dos seus movimentos e consumos.
Atenção ao andar pelas ruas e entrar em lojas, pois cada vez é mais fotografado/filmado.
Acho bem não querer abdicar da sua privacidade, mas resta saber de qual ainda fala.


Ah!, por acaso tem via verde no carro? Se sim, é melhor deitar fora também...
Sem imagem de perfil

De Marta a 04.06.2010 às 13:55

Caro zé,

Não sei se o senhor se recorda do que se lutou no 25 de Abril de 1974, uma coisinha chamada Liberdade. Está recordado?

Quero saber onde fica a sua liberdade com o controlo efectuado sobre si através do seu veículo...

A questão não tem a ver com o medo, mas sim com o DIREITO À PRIVACIDADE. Talvez você goste de ver a sua vida exposta às mãos de outrem que não faz ideia, mas penso que a maioria das pessoas, tal como eu, não gosta.
Sem imagem de perfil

De Rui a 05.06.2010 às 00:11


Isto na pratica no resulta nada. Vai haver os mesmos carros a passar nas mesmas estradas ao mesmo tempo e depois vai ser dificil ao proprietario provar onde esteve. Ha sempre quem saiba manipolar os chips. Eles manipulam os dos cartões de crédito entre outros que devem de ter mais segurança. Qual sera a dificuldade nesses chips?
Isto é mais uma naneira de roubar o povo e meter algo aos bolsos.
Sem imagem de perfil

De Filipe Pereira a 04.06.2010 às 10:39

Alguém tem uma bomba para fazer explodir naquele parlamento? 
Sem imagem de perfil

De jotira a 04.06.2010 às 23:00

Boas enquanto nao houver uma ETA no nosso pais o gnosso governo nao aprende
Sem imagem de perfil

De mhz a 05.06.2010 às 00:21


Pede a ETA. Parece que agora vem para cá.
Sem imagem de perfil

De Snarf a 04.06.2010 às 10:42

Estas coisas são cada vez mais estranhas...
As pessoas tem telemóveis que os localizam a menos de 3 metros tanto para as operadoras como para milhares de empresas pelo mundo todo. E isto tudo feito com autorização da pessoa pois aceita que isso seja feito quando compra o telemóvel ou instala uma aplicação.
E agora queixam-se de um chip na matrícula do carro que até pode ser a forma mais rápida de recuperarem o vosso carro quando é roubado?
Se criticassem os telemóveis por existirem 3 telemóveis activos por cada português registado no último census... ainda aceitava que criticassem os chips nas matrículas. Agora aceitarem de livre bom grado os telemóveis e criticarem o chip?
Se aceitam os telemóveis que levam no carro qual é o problema do chip? Com a grandiosa vantagem de que o chip só pode ser detectado até 15 metros de distância enquanto que o telemóvel pode ser detectado em todo o lado onde duas antenas o consigam receber...
Sem imagem de perfil

De Zé a 04.06.2010 às 11:21


O cavalheiro desconhecerá a possibilidade de o telefone poder ser por si desligado?
E que, pasme-se, pode voltar a ligá-lo só e apenas quando o preder fazê-lo?
E o tal do chipzito?
Sem imagem de perfil

De chip a 04.06.2010 às 11:24

Existe uma diferença, nos telemóveis só é localizado com uma autorização do tribunal, no caso do chip esta a disposição da concessionaria .
Sem imagem de perfil

De Snarf a 04.06.2010 às 22:27


Errado. O seu telemóvel está sempre localizado pela sua operadora.
Para que alguem de fora tenha acesso à localização do seu telemóvel é que é necessário a autorização do tribunal.
Mas que diferença existe entre a operadora de telemóveis e a concessionária da autoestrada (que tambem, curiosamente, possuem bases de dados diferentes de acordo com cada concessionária)?
Sem imagem de perfil

De Flávio a 04.06.2010 às 11:38

Mas tlml só tem quem quer e pode ter, ninguém é obrigado a...
Sem imagem de perfil

De Diogo a 04.06.2010 às 21:10

Caro Flávio... com o carro é exactamente igual, só tem quem quer e pode ter, ninguém é obrigado a... os bilhetes de autocarro ainda não são detectáveis
Sem imagem de perfil

De tipo a 04.06.2010 às 11:42


Para o tal snarf
Acho piada a tanta teoria dos telemóveis mas se gosta então sugiro que quando os cromos da assembleia deixarem passar mais 1 lei da treta e ridícula que seja este tal snarf que pague o meu tal chip de matricula.
Sem imagem de perfil

De Snarf a 04.06.2010 às 22:21

Para o tipo a 4 de Junho de 2010 às 11:42:
Sabe que se instalar o chip até Dezembro de 2010 não irá pagar 1 cêntimo?
É o que dá andarem a gastar 500 euros de chamadas no telemóvel todos os anos mas não saberem ler.
Sem imagem de perfil

De Veiga a 04.06.2010 às 12:59


A questão é mesmo essa Snarf , ter a liberdade de aceitar ou não a instalação da aplicação.

O estado não tem o direito de impor-me o uso de um chip no carro por questões economicistas, pois na verdade só querem por os chips porquê sairia muito caro por pessoas a cobrar as portagens.

Repetindo, eu como cidadão tenho o direito de aceitar ou não que meu veiculo ou eu proprio possamos ser localizados a qualquer momento mas isso não dá o direito ao estado de impor-me essa localização a não ser que eu esteja sob prisão preventiva.
Sem imagem de perfil

De João Fernandes a 04.06.2010 às 16:03


Caro Veiga,

Lamento desapontá-lo mas o chip de mátricula, não permite detectar o seu veiculo em qualquer momento.

Só permite detectar que o seu veículo, passou por postos de controlo. Num raio de sensivelmente 30 metros.

O chip de matricula não é um sistema de posicionamento global.

Alías, pode até evitar passar por postos de controlo, se sente a sua privacidade ameaçada.
Sem imagem de perfil

De Veiga a 04.06.2010 às 17:39


Caro João Fernandes

Obrigado por esclarecer-me, mas penso que a questão de fundo permanece a mesma.

O estado não tem o direito de invadir a minha privacidade e livre circulação, medidas semelhantes a essa já foram impedidas de prosseguir quando por exemplo desejou-se verificar a velocidade média que um veículo circulava em auto-estrada, a ideia era simples, verificava-se a entrada e saída de um veículo na auto-estrada, descobria-se a velocidade média e se fosse passível de uma contra ordenação essa seria enviada para a casa do condutor, não foi em frente devido exactamente ao facto de o estado não ter o direito de o fazer.
É claro que se eu permitir a colocação do chip não há incoveniente mas sem duvida é uma medida economicista para o governo e que coloca problemas a todos os cidadãos que circulem em viaturas automóveis em Portugal, pois mesmo que eu não pertença a uma Zona abrangida por uma dessas SCUTS nunca sei se um dia poderei por algum motivo precisar por lá passar.
Sem imagem de perfil

De João Fernandes a 04.06.2010 às 19:30

Caro Veiga,

Vamos ser claros, o primeiro objectivo desta medida do RFID na matricula, é despedir milhares de portageiros.

A questão que deixo no ar, é que como compreende a medida que a sociedade, evolui algumas tarefas deixam de ser efectuadas por pessoas, e passam a ser efectuadas por máquinas.
 
De certo concorda comigo quando lhe digo que a implementação dos sistemas de semáforos autonomos, são superiores a um policia sinaleiro, o estado economizou e o serviço melhorou.
 
Esta situação é em tudo semelhante, neste caso não trás economias para o estado, mas sim para as concessionárias.
 
No entanto, podem os utilizadores utilizar em seu argumento a redução do pessoal contractado na Brisa, para pedir uma redução no custo das portagens!
 
Não se iluda, mal o seu carro entra dentro de uma autoestrada , durante um percurso deve atravessar dezenas se não centenas de camaras vigilancia, portanto a "sua" privacidade já não é garantida a muito tempo.
 
Em relação ao termo de privacidade, regra geral é associada a pessoa, e a sua capacidade de manter informações do forro pessoal fora do ambito publico.
 
Um exemplo, suponha que eu ia ter com uma amante a Lisboa, suponha também que todo o sistema de postos de controlo já estava implementado.A nova matricula  criava os registos de entrada e saída que indicavam que o carro com a mátricula XX-00-00 entrou no Porto e saiu em Alverca.
 
Não lhe dizem muito mais, não lhe dizem por exemplo quem ia conduzir o carro, se eu ia acompanhado no carro, e para onde é que fui depois de ter passado num posto de controlo.
 
Para além disso a minha mulher ainda teria que descobrir, alguém que tivesse acesso a base de dados. Image
 
Resumindo, é a mesma coisa que a via verde.
 
Para finalizar, se já lhe tivesse ocorrido um acidente de viação devido a algumas pessoas que tem um sentido de responsabilidade no mínimo desajustado a realidade e viajam no seu autómovel a velocidades da ordem dos 180 km/h, em autoestradas com muito trafégo, muito provavelmente seria um defensor da medida de calculos da velocidade média.
 
Se fosse eu que mandasse, iria mais longe não iria multar esses condutores, simplesmente retirava-lhes a carta, de forma a que tivessem que a tirar novamente em centros de condução especificos.
 
Não tenho nenhuma amante, isto foi só um pequeno exemplo!
Sem imagem de perfil

De Veiga a 04.06.2010 às 21:21

Caro João Fernandes

É agradável não ouvir apenas baboseiras como muitas vezes acabamos por ouvir e opta-se por ficar calado pois aborrece falar com quem tem a cabeça vazia.

O detalhe é que não discordo de sí, mas mesmo concordandando tenho duvidas relativas a constitucionalidade da implementação desse sistema.

Há que haver uma opção de pagamento que seja diferente desse, ele deve ser opcional, há meios com a tecnologia actual de fazer o pagamento sem portageiros na mesma.

Cordialmente 
Sem imagem de perfil

De João Fernandes a 04.06.2010 às 22:37


Caro Veiga,

Quanto a constitucionalidade do sistema não me vou pronunciar, dado que não sou advogado/constitucionalista.

A opção de pagamento alternativa vai existir concerteza dado que os veículos estrangeiros não podem ser impedidos de usar as vias.

Do ponto de vista técnico, e após o período de transição suponho que uma máquina semelhante ás que recebem os pagamentos do estacionamentos fazem a tarefa na perfeição, aceitam (dinheiro, MB), sem a necessidade do portageiro.

Eu sinceramente defendo este sistema, porque sinto que ele não ameaça a minha privacidade, é mais seguro que uma matricula comum (não é trivial clonar um chip de matricula) e que a longo prazo o estado (todos nós) podemos poupar dinheiro recorrendo ao chip da mátricula para fazer outras coisas para além das auto-estradas. (Controlo de estacionamento, Gestão de Trafégo, etc...).

Atenciosamente










Sem imagem de perfil

De Nuno Almeida a 04.06.2010 às 23:31

Boa noite! Antes de mais quero dar-vos os Parabens por nao andarem a insultar-vos mutuamente!
Em relacao aos chips nas matriculas, nao vejo desvantagens nem vantagens. Vantagens em pagamento? Ja tenho a Via Verde... Desvantagens de privacidade? Como uso a Via Verde, os meus dados de viagens ja ficam registadas num extracto digital ou em papel que pode ser visivel se eu nao os eliminar...
A minha duvida e: se realmente o chip nao localiza o carro, se realmente o chip e para ajudar ao pagamento, porque nao criam mais postos Via Verde como na nova A17 no sentido Marinha Grande-Mira? Ao passarmos o ultimo posto de portagem, quem tem Via Verde como no meu caso, pode passar pela faixa de rodagem normal pois existem sensores como os sensores do chip que implementaram nas SCUT's no aspecto que estao colocados por cima da faixa de rodagem sem estreitar a faixa de rodagem como nos postos normais de Via Verde...
Acerca da multa por excesso de velocidade nas auto-estradas, em base no calculo da velocidade media, eu tenho uma opiniao distinta de todos. Acho que o excesso de velocidade deve ser punido consoante o volume de trafego, como se faz nas auto-estradas em Espanha, onde resido e onde ja fui multado por excesso de velocidade.
Aqui a 145km/h que me foi detectado no radar do carro-patrulha (normalmente apelidado de carro a civil) que circulava na auto-estrada com pouco trafego, foi-me aplicada uma multa de 70E. A minha mulher passou num radar instalado numa recta em pleno centro da cidade a 76km/h foi-lhe aplicado uma multa de 120E. Ou seja, eu como nao usei de uma conducao muito perigosa, visto que a auto-estrada tinha pouco transito, levei uma multa mais leve. Ai sou completamente de acordo...
Tambem acho que se querem investir em novas formas de penalizar os condutores que circulem em excesso de velocidade, que o facam de modo ponderado.
Eu circulo quase sempre de noite nas auto-estradas. Como tem pouco transito, acelero um pouco mais ate mesmo para eu proprio nao adormecer ao volante... De dia, obvio que sou mais consciente e circulo mais devagar...
Agora imaginem que eu tenho uma urgencia de saude com a minha mulher em plena auto-estrada, como ja me aconteceu... Tive que ir ao hospital pois estava a sentir-se muito mal disposta e precisava de assistencia medica, eu preferi ir com o meu proprio carro do que esperar pela ambulancia... Tenho que ser multado por querer que a minha mulher seja atendida o mais rapido possivel pelo medico? Isso tem que se lhe diga, nao concordam? Acho que as multas tem que ser aplicadas ou absolvidas consoante a situacao...
Bem, obrigado pela atencao e desculpem o longo testamento implementado... Um grande cumprimento a todos. Bem hajam...
Sem imagem de perfil

De João Fernandes a 05.06.2010 às 00:26


Caro Nuno,

Nos portagens de saída das auto-estradas todos as vias possuem o emissor de RF da via verde , pelo que pode sair por uma qualquer. Na entrada é que tem que entrar pela faixa verde.

Não deixei claro no meu post anterior, mas é claro que deve-se alterar o limite de velocidade de acordo com o volume de trafégo.

Por exemplo eu acho muito inseguro seguir na A1 entre Alverca-Vila Franca durante horas de ponta a 120 km/h.

No entanto acho perfeitamente seguro, seguir a 160 km/h na A10 , que tem pouco trafego.

Seria uma boa proposta que no futuro por exemplo os sinais indicadores do limite velocidade digitais, alterassem o limite conforme as condições de trafégo.

Aliás o sistema tem tudo para o implementar, basta integrar o sistema de video com os paineis digitais.

Resta-me só dizer que eu não concordo que o estado aplique multas aos seus cidadãos.

Defendo que caso fosse cometida uma infração leve de velocidade a pessoa deveria ser convidada a realizar trabalho num social/comunitário.

Numa infração mais grave defendo que a pessoa fique sem carta, e que mais tarde em centros de condução apropriados a tenha de volta.

Para uma infração repetida grave, simplesmente retirava-lhe o direito de conduzir.

Cumprimentos,
Sem imagem de perfil

De Jose a 05.06.2010 às 00:33

Eu penso que as multas deveriam penalizar quem tem acidentes.Eu ando por vezes a 100km/h onde se pode andar a 50,e a 200 onde se pode andar a 120,e quantos acidentes tive com quase 1 milhão(se calhar mais) de kilometros feitos?Nenhum(toques nas filas de transito ja...)!
As multas servem sobretudo para encher os cofres do estado e pouco mais.Eu por exemplo,se tiver que andar a 30km/h numa autoestrada por motivos de segurança ninguem me faz andar a 40!!
Cumprimentos
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 04.06.2010 às 16:08

Meu Amigo, o telemovel pode ser desligado / anulado, no m/veículo já não é  assim tão facil,

 
Sem imagem de perfil

De Snarf a 04.06.2010 às 22:32

Desde que você ande com ele ligado a sua operadora tem a sua localização, na pior das hipoteses, num raio de 10 metros (se está na cidade o raio é sempre inferior a 2 metros).

Com o chip só sabem onde está o seu carro se você passar num sítio com o sistema. Se você só andar por estradas nacionais, na pior das hipoteses passa por uma patrulha que irá verificar se a sua matrícula não está na base de dados dos carros roubados.
Sem imagem de perfil

De panhonha a 04.06.2010 às 23:42

Ainda falam da PIDE?
Estes políticos da m.er.da só estão preocupados com os seus interesses e privacidade, de resto estão-se ca.g.ando para o Zé. Depois de instalados os chips, seria interessante saber por onde andam os carros oficiais "dos" políticos.
Sem imagem de perfil

De Mario a 05.06.2010 às 07:59

Mas os ladrões são assim tão burros que roubam um carro e não trocam a matricula?
A quantas pessoas não aparece a multa em casa que passaram a via verde sem nunca lá terem passado?
A instalação dos chips é devido à dificuldade de colocarem portagens em algumas scuts, sai muito mais caro terem de refazer as scuts do que meterem chips nas matriculas.
Já agora uma pergunta, como em muitas zonas vai ser impossivel a colocação de portagens, será que os estrangeiros não vão pagar portagem?

Reforçar a nossa segurança, por amor de deus, quem é que acredita nisso?  
Sem imagem de perfil

De zé a 05.06.2010 às 22:25

 cara Marta lutei no 25 de abril mas estou farto que os ladrõs vigaristas e bandidos se escondão a sombra de pessouas boas como vossê que com medo de perder a liberdade dão cobertura a todos estes malandros que não querem saber da sua liberdade para nada

Comentar post


Pág. 1/9



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Mentiroso. Não foi Vitor Gaspar a assinar o memora...

  • Luís Lavoura

    Peço desculpa pelo meu erro, não é "Monte das Flor...

  • Anónimo

    Embora não conhecendo nada de política entendo que...

  • Anónimo

    Muito bom. Gostei bastante de ouvir. Parabéns por ...

  • Antonio Maria Lamas

    No dia que um PS for apanhado a 200 na autoestrada...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2008
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2007
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2006
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D