Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Um disparate nunca vem só...

por Pedro Quartin Graça, em 31.05.10

Algo de estranho se passa na Câmara Municipal de Cascais. O facto de o seu Presidente estar no ultimo mandato não pode significar que todos os disparates lhe são agora permitidos e, muito menos, que siga os maus exemplos do seu antecessor, de má memória, José Luís Judas. Mas a verdade é que, quiçá pela influência do calor, em Cascais, depois do monstruoso novo hotel que substituiu o Estoril - Sol, agora é a calçada portuguesa que está condenada. Na verdade, a CM de Cascais prepara-se para substituir a calçada portuguesa da zona histórica, por uma calçada branca, quadrada, de grande dimensão, tipo hospitalar, cuja manutenção é cara e complicada, cuja substituição é morosa e muito lesiva para o já depauperado comércio local, e cujas vantagens são bastante discutíveis. A calçada tradicional portuguesa, é um dos icones da nossa cultura, e um grande atractivo turístico, bem como uma das poucas coisas que ainda nos vai diferenciando neste mundo global e tristemente homogéneo. É assim nosso dever defender o nosso património e travar esta iniciativa obscura e altamente lesiva dos interesses de todos os que prezam Cascais e a sua cultura. Para tentar por cobro a mais uma asneira autárquica foi criada uma petição disponível aqui. Esperemos que o bom senso prevaleça e António Capucho seja capaz de "emendar a mão".

Autoria e outros dados (tags, etc)



8 comentários

Imagem de perfil

De Réspublica a 31.05.2010 às 19:21

De facto deveriam retirar a calçada e substitui-la por um produto que permitisse a circulação de cadeiras de rodas e afins, a calçada só é útil para quem não tem problemas de mobilidade, seja como for a estética deve ceder sempre à utilidade e às necessidades de mobilidade de todos os cidadãos.
Sem imagem de perfil

De Marquesa de Carabás a 31.05.2010 às 22:57

E o Senhor Républica o que é que sugere? Linóleo? 
 
 
Cumprimentos,
 
 
Marquesa de Carabás
Sem imagem de perfil

De JP Jacinto a 31.05.2010 às 23:31

Os deficientezinhos não querem mais nada?

A calçada portuguesa incomóda... retire-se.
 já agora de todo o país e mude-se o nome para calçada brasileira, pois por lá ainda é apreciada.

Se fossem pentear macacos faziam melhor. Qualquer dia as pessoas normais já não podem andar neste país, pois está a ser feito para os deficientes e por deficientes mentais...
:(
Sem imagem de perfil

De Vai dar um resultadão a 31.05.2010 às 19:26

Deve dar o mesmo resultado que a petição contra o projecto que está no lugar do antigo Estoril-Sol. Houve petição, sim, senhor, lembro-me muito bem. Assinaram meia dúzia de gatos pingados.
Imagem de perfil

De Rui Crull Tabosa a 31.05.2010 às 20:30

Será possível, caro Pedro?
Imagem de perfil

De Pedro Quartin Graça a 31.05.2010 às 21:18

Assim parece caro Rui...Esperemos que não avance mas...Image
Sem imagem de perfil

De Pedro Barbosa Pinto a 01.06.2010 às 09:30

Vai poupar muitos posts ao Engº. Medina Ribeiro no Sorumbático :-)
Imagem de perfil

De Nuno Castelo-Branco a 01.06.2010 às 13:09

Questões de comissões, ou seja, o dinheiro de sempre. Não se pode pensar noutra hipótese, dado o evidente disparate da decisão.

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • António

    O Sr. Sócrates não está parado. Com este governo d...

  • Anónimo

    O jornalixo cá do burgo tem um ponto, cavalheiresc...

  • sampy

    A resposta de Moro é uma pérola:"Não debato com cr...

  • Anónimo

    O que é que a Greta tem que eu não tenho?Esta cois...

  • Anónimo

    Penso que quis dizer "subisse tão baixo".


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D