Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Afinal fica tudo na mesma...

por Pedro Quartin Graça, em 30.04.10

O Governo não suspende nem o aeroporto nem alta velocidade O ministro das Obras Públicas António Mendonça reiterou todos os compromissos em relação ao novo aeroporto internacional de Lisboa e ao projecto do TGV, que conta mesmo com a terceira ponte sobre o Tejo. Apenas as auto-estradas do Centro vão ser reavaliadas. Há aqui algo que, afinal, "escapou" aos portugueses... O aperto do cinto far-se-á mas não à conta da suspensão do aeroporto e da alta velocidade. Quem o confirmou foi o Ministro das Obras Públicas António Mendonça, o tal governante que aposta em transformar Lisboa na "praia de Madrid"...

Ou seja, a especulação continua, ao mais alto nível e com um responsável bem identificado: o Ministro das Obras Públicas! Com especuladores destes em Portugal não precisamos de os procurar lá fora! Confira tudo aqui.

Autoria e outros dados (tags, etc)



6 comentários

Sem imagem de perfil

De Tiago Mouta a 30.04.2010 às 00:32

Caro Pedro

Já o disse algures e torno a afirmar que seguimos um rumo de endividamento e escravatura pré determinado... Autoestradas, aeroportos, tgv, roubo autorizado por bolsas, bancos, offshores, comissoes, especulaçao imobiliaria ou conivencias publico privadas...vale tudo menos tirar olhos... ai desculpe, parece que também vale tirar olhos!!!
Não há uma forma mais suave de descrever aquilo que me parece ser roubo autorizado aos cidadaos!!!
Sem imagem de perfil

De NunoFCouto a 30.04.2010 às 01:16

Que venham rápido as presidenciais, e que o olho da rua seja oo merecido prémio de quem eu espero nunca mais volte a pôr os pés num governo.
Sem imagem de perfil

De Maria da Fonte a 30.04.2010 às 02:18

Caro Pedro. Caro Pedro.

Será que é possível subsistirem dúvidas, sobre a sorte que nos espera?

Quem são os Credores da Dívida Externa de Portugal?

Dessa Dívida colossal, que os Traidores como Sócrates e Co, contraiem dia a dia, em nosso nome, sem que para isso estejam mandatados.

Porque serem eleitos pelos amigos, e pelos votos dos que compraram a preço de Saldo, não lhes confere Carta Branca, para contraírem dívidas, em nome de todos os Portugueses.

Mas a verdade, é que num abuso de confiança, e sempre legitimados minoritáriamente,  se endividaram, e atiram para as nossas costas, o encargo de a pagar a conta.

E eu pergunto:

Qual vai ser a Cota que lhes cabe, no pagamento de empréstimos que os contribuintes não pediram, nem avalalisaram?

Que espécie de Constituição é esta, fabricada pelo 25 de Abril, tão Justa, tão Igualitária, tão Libertadora e tão Fraterna, que em vez de proteger os Portugueses das arbiterariedades dos governantes, os coloca à mercê, das Aves de Rapina?

Que percentagem da dívida socrática, irão os Sócrates e Companhia, pagar?
Porque a dívida é deles, não é minha!

E pouco me importam as consequências políticas.
Eu falo de dinheiro!

Será que irão ter os bens penhorados e vendidos, para amortizar o montante que pediram?
Será que lhes retiraremos os carros, e  as escoltas, os assessores, as ajudas de custo, e os mil e um desmandos de que se rodearam?

Será que terão congeladas as contas no exterior, e todo esse capital reverterá em amortização do empréstimo?

Ou será que os iremos proteger, como filhos que não são, até estarmos definitivamente afogados no pântano para onde a sua atitude criminosa nos atirou?

Para quando, a Responsabilização Criminal dos Governantes, e de todos os Sucateiros, que com eles, negoceiam a nossa destruição?

Maria da Fonte 
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 30.04.2010 às 08:53

Cada vez de uma forma mais descarada e sempre às nossas custas, esta cambada se vai governando a eles, aos amigos, aos Ruis Pedros Soares da vida, aos Dias Loureiros e Co. Ilimitada.
Sem imagem de perfil

De O homem sabe a 30.04.2010 às 09:13

Ele sabe que os madrilenos estão danadinhos para vir à praia da Cruz-Quebrada!
Imagem de perfil

De Pedro Quartin Graça a 30.04.2010 às 09:55

Obrigado a todos pelos vossos oportunos comentários!
PQG

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Pedro Nunes

    Já tinha saudades de ler os textos do Henrique.

  • Anónimo

    O Henrique devia ser leitura obrigatória. ;-) Obri...

  • Anónimo

    a sociedade citadina actual é coprofágica, vai mor...

  • Luis Lavoura

    Essa de querer comer somente peixe, por razoes amb...

  • Anónimo

    Salva qualquer um com magros resultados no balanço...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D