Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




José António Cerejo continua a ser em Portugal, enquanto jornalista do jornal "Público", um dos poucos autores de "peças" de investigação. A última é sobre o actual Primeiro - Ministro José Sócrates, o qual terá, alegadamente, assinado um total de 21 projectos de edifícios particulares como projectista da Câmara Municipal da Guarda, enquanto trabalhava, em regime de dedicação exclusiva, na Assembleia da República (AR).

O caso, já arquivado, surge de repente "à luz do dia", depois de ter sido já foi alvo de um inquérito interno na autarquia e de uma denúncia dos vereadores do PSD da Guarda ao Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) de Coimbra. O inquérito da autarquia concluiu que todos os procedimentos legais foram respeitados e o DIAP ordenou o arquivamento do inquérito por considerar que eventuais crimes já prescreveram.

Ainda de acordo com a edição desta segunda-feira do Público, o actual primeiro-ministro foi afastado da Câmara da Guarda, onde trabalhava como projectista de edifícios, em 1990 e 1991, devido, alega o referido jornal" à falta de qualidade dos seus projectos e da falta de acompanhamento das obras, chegando mesmo a ser ameaçado com sanções disciplinares e sendo criticado severamente".

Entrementes, o novo Presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, avança com uma interessante proposta como esta. Era difícil maior coincidência de timings...



9 comentários

Sem imagem de perfil

De Luís a 05.04.2010 às 11:38

Já foi desmentido! O Público tenta desviar a atenção dos submarinos, mas não é que com notícias falsas e ridículas que o consegue. O povo não é parvo.
Sem imagem de perfil

De Zé Luis a 06.04.2010 às 02:05

Já foi desmentido onde,seu socretino? Desmentido por quem? Pelo seu patrão?
Imagem de perfil

De Réspublica a 05.04.2010 às 13:46

Com diz o povo: "não há escándalo nem corrupção onde não ande o sócrates...!"
Imagem de perfil

De Daniel João Santos a 05.04.2010 às 17:44

Depois da acusação de ter violado o regime de exclusividade a que estava sujeito, José Sócrates mandou dizer que não foi remunerado em nenhum projecto que assinou.

Parece-me correcta e de aplaudir a atitude do actual PM. Não só trabalhou gratuitamente na Guarda, ajudando um distrito do interior, algo desfavorecido, como ainda deixou por lá os traços inconfundíveis de um génio na sua visão vanguardista da arquitectura.



Sem imagem de perfil

De João Penalva a 06.04.2010 às 02:19

Ha um gajo no Mar Salgado,um tal FNV ou coisa assim, que veio logo,pressuroso(ha quem ache que foi encomenda)a desvalorizar a informação do Público. O Sócrates tem a rede do "desmentidero" bem montada,mas neste caso parece que o camarada tem pouca credibilidade. Avia "apoios" destes ao quilómetro e para os mais diversos clientes. Para cúmulo cultiva um provincianismo estulto,"à moda do Choupal",como diz com graça alguem que o topa à légua.
Sem imagem de perfil

De Maria da Fonte a 06.04.2010 às 23:25

E qual era o proprietário, que pagava aquelas aberrações?

Mas têm a certeza que foi o 1º Socrático, quem pariu aqueles Abortos?

Não terá a Pardacenta Eminência, feito "o favor" de dar o seu Nome, para que a tragédias não ficassem registadas como Filhas de Pai Incógnito?

Maria da Fonte 
  

Maria da Fonte
Sem imagem de perfil

De António P. Castro a 05.04.2010 às 19:32

A táctica socretina de hoje consiste em dizer que o artigo do Público não traz nada de novo...
O que uma simples leitura desmente em absoluto, claro.
Sem imagem de perfil

De Pedro Coimbra a 06.04.2010 às 09:50

Assinado ou assassinado?

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • JPT

    O corrector do Word insiste em alertar para esse s...

  • henrique pereira dos santos

    As épocas de gripe são monitorizadas pela mortalid...

  • Anónimo

    Demolir, diz bem."Delenda Carthago est"!

  • Anónimo

    HPS, eventualmente já terá lido sobre este assunto...

  • Anónimo

    Não é uma criatura nada desprezível, não senhor......


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2008
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2007
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2006
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D