Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Gente chata

por Tiago Moreira Ramalho, em 30.10.09

Os meus ouvidos estão moídos de cansaço. É que ouvir os acostumados discursos sobre a falta de mulheres aqui e ali já cansa. Cansa mesmo, porque a verdade é que o discurso é oco e apenas pretende agitar e não construir.
Ora vejamos. O governo tem cinco mulheres e onze homens. Em vez de se preocuparem se as pessoas escolhidas são ou não as mais competentes para os cargos, e aí há pano para mangas, todos se preocupam em dizer que o governo devia ter mais mulheres. Como se a ocupação de cargos por elementos de um dado sexo fosse um fim em si mesmo. Isto é tão descabido como defender que o governo devia ter mais negros, mais loiros, mais morenos, mais homossexuais, enfim todos aqueles «tipos de pessoas» que uma população com pretensões higienizantes faz questão de diferenciar, agravando cada vez mais os estigmas.
Aquilo com que as pessoas têm de se preocupar é em ter, em cada ministério, a pessoa mais competente que for possível. Então, deveríamos perguntar-nos: será que o Augusto Santos Silva é o melhor Ministro da Defesa que podíamos arranjar? Ou, por outro lado, será que Marcos Perestrello é o melhor Secretário de Estado da Defesa Nacional e dos Assuntos do Mar que podíamos arranjar? Ou, ainda, será que Valter Lemos, o venerabilíssimo ex-Secretário de Estado de Maria de Lurdes Rodrigues, é o melhor Secretário de Estado do Emprego e da Formação Profissional que podíamos arranjar?
Esta é a diferença entre ser uma mosca que passa o tempo a zunir e a chatear para alguém que realmente se preocupa com a política em Portugal.
 



Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Doeu !!

  • Anónimo

    Apelar à mobilização dos abstencionistas para uma ...

  • Marta

    Não, não é o regresso da boa educação... Aquilo a ...

  • Anónimo

    Assunto super pimba como de costume neste site sup...

  • zazie

    Está a perceber mal. É variante de luta de classes...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2020
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2019
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2018
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2017
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2016
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2015
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2014
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2013
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2012
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2011
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2010
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2009
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2008
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2007
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D
    196. 2006
    197. J
    198. F
    199. M
    200. A
    201. M
    202. J
    203. J
    204. A
    205. S
    206. O
    207. N
    208. D


    subscrever feeds