Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A vontade no lugar da depressão

por João Távora, em 27.08.09

 

Após um aziago início de época, o Sporting foi ontem apeado da liga dos milhões pela Fiorentina. Confesso que este ano esperava bastante mais da equipa, mesmo considerando que os confrontos já efectuados se deram com equipas competitivas e com ambições: ao contrário de muitos, e tendo em conta a realidade da industria do futebol nacional, eu tenho em boa conta o treinador e o plantel leonino.

Porque tenho boa memória, sou contra “chicotadas psicológicas” e contratações que só servem para enriquecer “empresários”, criar ilusões e vender jornais (daí se compreende a revolta de muitos escribas da nossa praça). Às euforias que resultam sempre em depressões eu prefiro o realismo: o futebol não é uma ciência exacta, é um JOGO que depende de múltiplos factores, alguns aleatórios, como dum caprichoso ressalto, duma bola na trave ou duma fonesta lesão.
É por estas e por outras que não estou disponível para as politiquices futeboleiras (escusas de me mandares SMS palermas caro João, já me bastam os meus amigos lampiões!). E também porque há pouco mais de dois meses os sócios do Sporting elegeram em larga maioria uma Direcção, uma Estratégia, e... Paulo Bento.

Pensando bem, tenho orgulho numa equipa que ontem bateu o pé a um grande clube italiano, e que terminou o desafio com oito jogadores da sua “cantera”, e igual número de jogadores portugueses, uma coisa louvável e rara nos dias que passam. De resto, como em tudo na vida, o remédio é pôr a vontade no lugar da depressão e da euforia.  

 

Imagem daqui

Autoria e outros dados (tags, etc)



3 comentários

Sem imagem de perfil

De João André a 27.08.2009 às 15:21

Gostei do seu post João. Eu não sou sportinguista (lampião, lamento), mas também acho que Paulo Bento é vilipendiado sem razão. Com as equipas que lhe têm sido dadas, tem feito muito bom trabalho ao conseguir estes segundos lugares (comparem-se, sector a sector, os jogadores do Sporting com os do Benfica ou FC Porto). Por outro lado é de louvar a sua aposta nos jogadores da formação. Há ali muita qualidade. Só lhe aponto um pecado maior: teima em não querer extremos nem jogadores mais fortes e altos (dão muito jeito, por vezes, Rui Patrício que o diga). Um pecado menor: não sabe motivar a equipa.
Imagem de perfil

De João Gomes de Almeida a 27.08.2009 às 16:21

Caro João,

A verdadeira questão que aqui se coloca é saber se o Bettencourt é ou não é um bom gestor desportivo. Na minha opinião é dos piores da história do futebol.
A gestão do Sporting é hoje feita como se fosse uma mercearia daquelas em que o dono nunca viu um computador. Temos um "gestor" que se esqueceu que sem investimento não há retorno.
Isto é muito mau.

Um abraço!
Imagem de perfil

De João Távora a 27.08.2009 às 16:53

Quando houver caroço haverá investimento, João. Só isso.

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • António

    O Sr. Sócrates não está parado. Com este governo d...

  • Anónimo

    O jornalixo cá do burgo tem um ponto, cavalheiresc...

  • sampy

    A resposta de Moro é uma pérola:"Não debato com cr...

  • Anónimo

    O que é que a Greta tem que eu não tenho?Esta cois...

  • Anónimo

    Penso que quis dizer "subisse tão baixo".


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D