Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Mediocridade

por Alexandra Carreira, em 30.07.09

Já várias pessoas falaram da mediocridade da entrevista ao presidente do Instituto Português de Sangue hoje publicada no I. Além de assinar por baixo de alguns comentários, quero dizer que fiquei particularmente chocada com algumas tiradas deste senhor ao longo de uma entrevista em que mostra um discurso vulgar, inconsequente e incongruente. Não me quero deter em todas as respostas - e quase todas têm pérolas...

Logo no arranque, Gabriel Olim diz que vai "evitar usar a palavra homossexual". "Porque parece que não é politicamente correcto. Por causa do politicamente correcto, quase nos falta palavras para usar". Caro senhor, politicamente incorrecto é colocar a questão nestes termos e não perceber que a crítica lhe chega precisamente porque nem alcança o que verdadeiramente está aqui em causa. A dada altura, mais adiante, Olim prossegue na mesma argumentação que me leva a acreditar ainda mais que o presidente do IPS ainda não captou o porquê de esta ser uma questão polémica e de muitos se levantarem contra uma discriminação que existe e que o IPS pratica (e da qual se orgulha). À interpelação da jornalista "Em 2006, o IPS mudou as regras.", Olim responde que o que o IPS fez " foi retirar a palavra homossexual e substituir por comportamento de risco. Politicamente correcto. Na prática, manteve-se o mesmo." Ora aqui é que fiquei mesmo de boca aberta. Não só não entende e pede (várias vezes durante a entrevista) que a sociedade aceite o que estipulam os especialistas, como nos toma a todos por parvos. Há várias teorias que dizem que é também pela repetição que se aprende - vou tentar, pode ser que ajude: a homossexualidade não é um comportamento de risco. É que ele há coisas que enervam, e ainda bem que somos muitos a ficar de cabelos em pé com demonstrações abjectas. Infelizmente, só consigo concordar com uma colega que dizia há tempos que esta é uma luta para cem anos.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Vai acabar como sempre tem acabado desde o sec.XVI...

  • Anonimus

    Se o Trump não quer pagar autoestradas no Iraque, ...

  • Francisco Albino

    E ainda um efeito pouco referido e particularmnete...

  • Anónimo

    a mini-remodelação ficou sem suspensórios por dete...

  • marina

     don mariano deu conta do recado, quero ver q...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D

    subscrever feeds