Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O coice do dia

por João Villalobos, em 27.04.09

«Se os processos contra jornalistas avançarem mais depressa do que as investigações do Freeport, a mensagem será muito clara».

Mário Crespo, no Jornal de Notícias

Autoria e outros dados (tags, etc)



11 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.04.2009 às 13:53

Bem, atendendo a que o caso Freeport vem de 2005, é óbvio que os processos aos jornalistas andarão mais depressa.

Se vão conduzir a condenações ou não, é que já é mais difícil de prever. Apesar de tudo, tenho a convicção de que não, tão ridículas são as acusações.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.04.2009 às 14:57

A criada do sr. Villalobos tem andado inconsolável com a ausência do menino...
Sem imagem de perfil

De Amêijoa Fresca a 27.04.2009 às 15:17

I Parte

A intolerância ao contraditório
de cariz ditatorial,
torna público e notório
este socialismo imaterial.

A enxurrada de processos
contra alguns jornalistas,
reflecte os insucessos
de políticos miserabilistas!

A liberdade de opinião
é um bem democrático,
o mexilhão defende a união
contra um regime autocrático.

II Parte

Esta democracia untuosa
de moralismos degradantes,
é, na sua essência, desvirtuosa
e de eixos trucidantes!

O mexilhão atento
ao discurso presidencial,
enfático foi o lamento
de carácter providencial.
Sem imagem de perfil

De Adília a 27.04.2009 às 16:15

Quem vê a Sic Notícias em breve se apercebe que o Sr. Mário Crespo parece devotar um ódio de estimação ao Sr. José Sócrates, repare que eu digo parece. Lá terá os seus motivos e lá saberá das suas razões. Mas eu muito humildemente acho que um jornalista que se preze não deveria permitir-se ser tão óbvio. E neste coice essa obviedade continua pois qualquer pessoa com um mínimo de bom senso percebe que não há qualquer paralelismo em termos de complexidade de processo entre o Caso FreePort e um processo por difamação daí que querer tirar ilacções deste tipo me surja mais uma vez como uma atitude altamente suspeita. Mas se calhar isto resulta porque as pessoas de bom senso não serão assim tantas já que afinal o bom senso não é a coisa que mais bem se encontra distribuída no mundo, como pretendia o Descartes.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.04.2009 às 16:34

É mesmo, agora além da TVI já não podemos ver a SIC Notícias.

Eu já nem ligo o aparelho, só fazem mesmo é campanhas negras, os mafiosos.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.04.2009 às 16:53

Isto sem falar que já nem o Jornal de Notícias é de leitura recomendável.
Sem imagem de perfil

De m.coelho@netcabo.pt a 27.04.2009 às 16:43

Os jornalistas, outrora classe em que ninguém tocava, porque eles também a isso azo não davam, estão, agora, em pé de guerra, uma vez que foram postos em causa.
E, em vez de darem o exemplo de isenção e profissionalismo, atiram-se, forte e feio, contra quem os contesta, no caso de merecerem ser contestados.
É mais uma reacção corporativa de quem sempre teve o "seu" poder na mão, incontestado e incontestável.
Só que, como tudo, pode e deve ser contestado, como no caso específico do Mário Crespo, que deitou por terra toda uma carreira de jornalismo sem grandes sobressaltos.
E é uma pena ver chegar ao Outono de uma vida profissional um jornalista e verificar se o seu trajecto anterior foi uma mentira.
Sem imagem de perfil

De 4Tifeio a 27.04.2009 às 17:00

Cá pra mim, nem devia haver processos aos jornalistas. Mandavam-se para Caxias e ficavam lá a apodrecer, que era para aprenderem.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 28.04.2009 às 04:40

"o bom senso não é a coisa que mais bem se encontra distribuída no mundo, como pretendia o Descartes"

É, o Sócrates tem-no todo.
Sem imagem de perfil

De clara a 28.04.2009 às 10:02

O CRESPO É UM HABILIDOSO!
O CRESPO VESTE-SE MAL!
O CRESPO É CRESPO!
O CRESPO É MÁRIO!
MORRA O CRESPO, MORRA! PIM!
O CRESPO É UM CIGANÃO!
NÃO É PRECISO DISFARÇAR-SE P'RA SE SER SALTEADOR, BASTA ESCREVER COMO O CRESPO!
BASTA NÃO TER ESCRÚPULOS NEM MORAIS, NEM ARTÍSTICOS, NEM HUMANOS! BASTA ANDAR COM AS MODAS, COM AS POLÍTICAS E COM AS OPINIÕES!
BASTA USAR O TAL SORRISINHO, BASTA SER MUITO DELICADO E OLHOS MEIGOS! BASTA SER JUDAS! BASTA SER CRESPO!
MORRA O CRESPO, MORRA! PIM!
O CRESPO NASCEU PARA PROVAR QUE NEM TODOS OS QUE ESCREVEM SABEM ESCREVER!
O CRESPO É UM SONETO DELE PRÓPRIO!
O CRESPO EM GÉNIO NUNCA CHEGA A PÓLVORA SECA E EM TALENTO É PIM-PAM-PUM!
O CRESPO NÚ É HORROROSO!
O CRESPO CHEIRA MAL DA BOCA!
MORRA O CRESPO, MORRA! PIM!
O CRESPO É O ESCÁRNIO DA CONSCIÊNCIA!
SE O CRESPO É PORTUGUÊS EU QUERO SER ESPANHOLA!
O CRESPO É A META DA DECADÊNCIA MENTAL!
AINDA HÁ QUEM NÃO CÓRE QUANDO DIZ ADMIRAR O CRESPO!
AINDA HÁ QUEM LHE ESTENDA A MÃO!
AINDA HÁ QUEM DUVIDE DE QUE O CRESPO NÃO VALE NADA, E QUE NEM É INTELIGENTE NEM DECENTE, NEM ZERO!
Sem imagem de perfil

De Bruno - Planetas a 29.04.2009 às 17:38

Mário Crespo não resistiu e o seu alter ego Super Mário, veio novamente ao ataque contra o vilão Zé Sócas entre acusações de censura, perseguições judiciais, intimidações, açoites e todo o tipo de práticas malévolas, ainda teve tempo para fazer 5 referências ao caso Freeport. Super Mário, tão atarefado que estava a tratar de salvar os oprimidos e perseguidos jornalistas não se lembrou foi de se pronunciar sobre às recentes declarações ao DVD, que passou de notícia escaldante, há apenas uns dias, a ser tratado como noticia de obituário.

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Salva qualquer um com magros resultados no balanço...

  • Anónimo

    o pescador é um predadoranualmente são lançadas no...

  • Anónimo

    os seres humanos anteriores à agricultura morriam ...

  • António

    A I.L. pode não ter amarras, mas tem tiques. Não f...

  • Anónimo

    Não havendo escrúpulos,sem atenção à diversidade d...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D