Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Confiança e desconfiança

por Tiago Moreira Ramalho, em 26.02.09

Estou a ver o Aqui e Agora, um programa de debate da SIC onde estão a participar alguns conhecidos da nossa praça. Ainda agora, o especialista em novas tecnologias da SIC, cujo nome não fixei, deu conselhos aos pais preocupados:

 

1. Que os computadores dos filhos estejam em lugares comuns, na sala, por exemplo;

2. Que os pais tenham hi5's e contas de e-mail;

3. Que tenham acesso às páginas que os filhos consultam;

4. Que tenham acesso às conversas dos filhos pelo messenger.

 

Pois este senhor, cuja intenção certamente é boa, acabou de depositar uma bomba em vários lares. Certamente que se adivinha os pais de cabelos em pé a pedir aos Joãozinhos que lhes expliquem como funciona a máquina e a perguntar-lhes onde raio andam metidos. Estes especialistas não conseguem compreender que relações como as de pais-filhos, irmãos e todo o tipo de relação próxima, familiar ou não, tem de ter uma sólida base de confiança. Os limites são estabelecidos e a confiança é a "primeira arma": eu confio em ti, por isso não queiras trair a confiança. Se a confiança é substituída pela supervisão constante, pelas câmaras de vigilância, por um serviço de informação à escala familiar, então, os laços que se pretende que se criem são certamente postos em causa e cria-se o clima de desconfiança. O acesso às conversas dos filhos pelo messenger, por exemplo, não é em nada diferente a colocar microfones na roupa para ouvir as conversas dos meninos com os amigos. A vigilância constante que a família faz a um computador num lugar comum cria o desejo de quebrar as regras e assim que ninguém estiver a olhar o risco vai ser pisado e as consequências são inimagináveis.

Não sou pedo-psiquiatra, ou coisa que o valha, mas sei uma coisa: a proibição de algo é apenas uma formalização que vem depois do consenso em relação aos prejuízos dessa atitude. Se não for explicado ao jovem que os chats são perigosos, por exemplo, bem que se pode proibir, que haverá sempre o computador da escola, a biblioteca municipal, a casa do amigo. Quanto à pornografia, tenham juízo!, ou os carecas puritanos não se lembram de se masturbarem com as páginas da Gina?



6 comentários

Sem imagem de perfil

De john a 26.02.2009 às 22:24

Subscrevo.

Mas nunca na vida tive a oportunidade de ter um exemplar da Gina nas mãos. A Hemeroteca de Lisboa também não tem a revista em arquivo. Uma falha muito grande, na Hemeroteca e na minha educação.
Sem imagem de perfil

De Eric Blair a 26.02.2009 às 23:16

Não podia estar mais de acordo com o post.
Controleiros doentios; só vão ficar descansados quando tiverem um chip implantado nos putos.
Leiam o meu 1984.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.02.2009 às 23:37

Excelente, Tiago. Inteiramente de acordo.
Sem imagem de perfil

De João André a 27.02.2009 às 09:06

Também aplaudo. Mas confessoq ue preferia a Tânia. Não era pelos conteúdos, que possuíam um conceito gráfico e temático bastante semelhante, mas antes pelo título simples das revistas :).

A pornografia, para dizer a verdade, é bastante saudável para os nossos jovens...
Sem imagem de perfil

De clara a 27.02.2009 às 09:50

Ui. eu sou mãe e fui eu que expliquei à minha filha como funcionam todas essas coisas (hi5, msn, facebook). n a deixo ter páginas em redes sociais, deixo ter msn e net sem limites mas controlo se conhece pessoalmente todas os contactos e já descobri miudos de 17 anos q a adicionaram (tem 9). claro que é preciso ter algum controlo, isso n é o mesmo do que "vigilância constante". é que muitas vezes eles n têm maturidade para distinguir uma coisa da outra.
tenho a irmã de uma amiga de 15 anos no hi5 e aquilo é...pesado.
Imagem de perfil

De José Manuel Faria a 27.02.2009 às 12:35

Excelente post. No final de 70 e início de 80 passavam filmes pornográficos à tarde em dois cinemas de Guimarães.Os Jovens com 15/16 anos viam-nos e não creio que esses quarentões de hoje( carecas) sejam mais ou menos promíscuos que os jovens de hoje.

Quem nunca viu pornografia que atire a 1ª pedra.

A educação sexual tem de ter imensas componentes.

O Padre do Debate não é deste Mundo.

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2020
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2019
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2018
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2017
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2016
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2015
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2014
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2013
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2012
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2011
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2010
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2009
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2008
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2007
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D
    196. 2006
    197. J
    198. F
    199. M
    200. A
    201. M
    202. J
    203. J
    204. A
    205. S
    206. O
    207. N
    208. D