Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Portugal 2, Alemanha 3

por Pedro Correia, em 20.06.08

O mercado persa de que falei aqui há três dias produziu efeitos. Negativos para a selecção portuguesa, como era de esperar. A nossa campanha do Euro-2008 terminou 30 segundos após o jogo contra a República Checa, quando o Chelsea anunciou a contratação de Scolari. O grau de concentração exigido em competições deste nível tornou-se impossível numa equipa que parecia sonhar mais com Madrid, Londres ou Milão do que com vitórias nos estádios suíços. A humilhação frente à Suíça (0-2) - logo desculpada na "patriótica" imprensa desportiva portuguesa, responsável por fabricar demasiados ídolos de papel - já antecipava o desaire de ontem, em Basileia, contra a selecção alemã. Pior que a derrota (2-3) foi a atitude que a selecção portuguesa revelou durante quase toda a partida, do guarda-redes à linha atacante, dando a sensação de que entrou em campo já derrotada.

A análise dos portugueses, jogador a jogador:

 

Ricardo - A lesão de Quim, no último treino antes do Europeu, foi um dos maiores contratempos da selecção. Porque Ricardo é, de facto, um susto na baliza - sobretudo com as suas destrambelhadas saídas dos postes. Uma delas custou-nos o terceiro golo alemão - e a derrota irrevogável de Portugal.

Bosingwa - O melhor defesa português no jogo de ontem - e um dos nossos jogadores mais inconformados. Foi batido em velocidade no primeiro golo alemão. Mas revelou-se incansável no resto da partida. Várias acções do ataque português começaram nos pés dele.

Pepe - Muito voluntarioso, mas muitos furos abaixo do que tem mostrado. Tem responsabilidades nos golos, directas ou indirectas.

Ricardo Carvalho - Raras vezes o vimos tão apagado como ontem. A superioridade atlética dos alemães não explica tudo.

Paulo Ferreira - Adaptado à posição de defesa esquerdo por falta de alternativas ao lugar, nunca teve um jogo com prestação positiva neste Europeu. Conifrmou-se ontem: intranquilo, sem vocação atacante e com falhas de marcação. Pode queixar-se de ter sido empurrado por Ballack no lance do terceiro golo: o árbitro devia ter visto mas não viu.

Petit - Teve o jogo mais difícil neste Europeu dada a inferioridade física dos portugueses relativamente aos alemães. A partida forçada de Moutinho deixou-o ainda mais desamparado como médio defensivo.

João Moutinho - Lesionou-se muito cedo. A sua substituição por Raul Meireles acelerou o desaire português.

Deco - Voltou a ser o melhor jogador da selecção. Construiu jogadas, recuperou bolas, fez passes exímios. Dele partiu o lance que resultou no nosso primeiro golo. Está num notável momento de forma. Merecia ter chegado mais longe.

Cristiano Ronaldo - Passou ao lado do que poderia ter sido um excelente Europeu para ele. Em largos momentos do jogo de ontem, parecia apático e desmotivado. Não foi feliz em nenhum lance de bola parada, o que já diz muito sobre a sua prestação. Fez o primeiro remate no golo inicial de Portugal e só por milímetros não marcou pouco depois. Mas dele exigia-se muito mais. Afinal é ou não o melhor jogador do mundo?

Simão - Demasiado errante e trapalhão em lances decisivos. Outro jogador que passou ao lado do Europeu.

Nuno Gomes - Um golo em três jogos: balanço do ponta de lança titular da nossa selecção. Merece aplauso pelo golo de ontem. Mas ficou muito aquém do que lhe era exigido.

Raul Meireles - Substituiu Moutinho. Mas nunca esteve ao nível dele, como aliás já se esperava.

Nani - Veloz e determinado, virou o jogo português mal entrou em campo, tornando o nosso ataque muito mais acutilante e esclarecido. Serviu Helder Postiga para o segundo golo depois de driblar três defesas alemães, o que é obra. Devia ter entrado muito mais cedo para o lugar do desorientado Simão.

Helder Postiga - Jogou muito menos tempo do que Nuno Gomes e marcou tanto como ele neste Europeu. O segundo golo português foi dele - de cabeça, numa execução perfeita. Mas não bastou.



15 comentários

Imagem de perfil

De José Manuel Faria a 20.06.2008 às 12:32

Excelente análise. O Nuno Gomes marcou? Ou foi o defesa alemão.
Sem imagem de perfil

De rititi a 20.06.2008 às 13:03

Querido Pedro,
Já pareço a maluquinha de arroios com este tema. Mandei o texto para o mail geral do cortafitas.
Bs
Sem imagem de perfil

De Pedro Barbosa Pinto a 20.06.2008 às 13:44


O autocarro português estava sabotado.
Em vez de ser movido a vontade de vencer, era movido a vontade de mudar de clube.
Imagem de perfil

De Pedro Quartin Graça a 20.06.2008 às 13:49

Subscrevo na íntegra!

Pedro Q
Sem imagem de perfil

De Peter a 20.06.2008 às 14:44

O Nuno Gomes marcou 1 golo e fez 2 assistências para golo.E ontem nem devia ter sido substituído, o salvador da pátria,D.Sebastião regressado de Alcácer-Quibir Cristiano Ronaldo é que devia ter sido substituído. O Pauleta em 2004 nem 1 marcou.
Para finalizar o capítulo Nuno Gomes só ele e mais 3 jogadores na Europa marcaram em 3 Europeus consecutivos, Thierry Henry,Smicer e Klinsman.
Sem imagem de perfil

De Manuel Leão. a 22.06.2008 às 15:28

Por esse andar ainda volta em 2012.
No Benfica, sim, gosto de o ver jogar!

Quanto a Ricardo, sem o Scolari , deve deixar de vez a Selecção. Custou, mas foi!
Sem imagem de perfil

De João André a 20.06.2008 às 14:54

Falta aí a análise principal: a Scolari. E nada tem a ver com o Chelsea (que nem sabe no que se está a meter). Tem a ver com a incapacidade total de ler o jogo e de dominar os conceitos tácticos. Se alguma vez o foi capaz de fazer, em Portugal colocou-se à sombra das tácticas a que os jogadores estavam habituados e nunca lhes deu alternativas.

Raúl Meireles foi inferior aquilo a que é capaz? Pois, mas também nunca jogou com este 11, ou jogou? Quim lesionado? Que diferença faz? Alguém julgava que ele jogaria, fosse como fosse? Nani, Quaresma, blá blá blá no 11 inicial. Paleio de treta. Neste jogo eles tinham que tirar o Simão, sim, mas para colocar o Meireles de início. Isto porque não levou o Maniche, que foi o nosso melhor jogador no Euro 2004 e no Mundial 2006 e que daria um jeito inacreditável ontem. E quem o mandou fazer jogar o Ronaldo completamente desamparado? Contra defesas que jogam abertas, tudo muito bem. Contra uma defesa como a alemã, que lhe colava 4 jogadores assim que recebia a bola, ele precisava era de um lateral que subisse (o que acontece no Manchester United, com o Evra, o Ferguson não é parvo nenhum). Na esquerda, com o Paulo Ferreira, era só uma questão de lhe fechar o caminho e esperar que perdesse a bola.

Isto fora as bolas paradas, claro. Como foi dito por todo o lado, Portugal teria era que defender à zona nas bolas paradas. Se não sabem, que treinem. Mas o Scolari não sabe dessas tretas. Ontem, isso viu-se bem. Além disso, viu-se a ingenuidade dos portugueses. O Bosingwa deixou-se empurrar pelo Podolski no primeiro golo (é falta, mas ninguém marca aquilo). O Paulo Ferreira pelo Ballack no terceiro (outra falta, mas só notámos porque o anjinho do Ferreira não sabe guardar a posição). No segundo, minha mãe, um desastre.

O Pepe até foi o melhor defesa, não o Bosingwa que é comido no primeiro e no segundo golo. O Deco é realmente o melhor, a léguas dos outros. Discordo que o Simão estivesse mal. O Nani distinguiu-se, mas apenas numa fase em que os alemães ou controlavam (3-1) ou defendiam (3-2). Na primeira parte, o Simão controlou o Lahm e ainda cobriu o flanco quando o Bosingwa subia. O Nani deverá ser o titular com o novo seleccionador, mas para ontem seria má escolha.

No fundo, um mau europeu, como já há 4 anos o tinha sido (fora a sorte e um único bom jogo - contra a Holanda nas meias-finais) e há 2 anos o tinha sido no Mundial (mais uma vez a sorte do sorteio e da estupidez dos adversários - Holanda, que se não se tivesse metido nas tretas da porrada tinha ganho o jogo).

Scolari vai-se finalmente embora. Não sei quem lá vem, mas duvido que seja pior que este tipo que, dentro de uns meses, vai receber uma indemnização milionária.
Sem imagem de perfil

De Fernando Antolin a 20.06.2008 às 15:55

Pronto,acabou.Era,só,um jogo.Nem me meto em análises(boas!!) como a do João André. Talvez alguns ,agora,percebam que,não,não temos a melhor selecção da Europa,nem do Mundo. E eu, nascido em 55,que vi jogar Eusébio,Best,Gento,Cruiyft,Beckenbauer,Maradona,PELÉ,tantos que seria longo enumerar, Portugal de 66, o Brasil de 1970,a Holanda 74,Argentina 78 e 86,Itália 92 etc,etc, acho que ainda nos falta um bom bocado para esse nível, enquanto que o Cristiano Ronaldo,estando no bom caminho,ainda tem muito para,com humildade,aprender. Só isto. Acabou.Bom Verão,saúde e façam o favor de ser felizes,porque tudo isto foi só mesmo uns quantos jogos de futebol...
Sem imagem de perfil

De Sérgio a 20.06.2008 às 15:56

Ó Pedro, francamente! Então e o Ricardo não tem também culpa no 2º golo? E o Simão foi errante e trapalhão? Mas que jogo é que tu viste? O Deco e o Simão foram os únicos em campo até à entrada do Nani e do Postiga (não gosto deste caramelo, mas ontem esteve melhor; tirando, é claro, aquelas faltas estúpidas que ele se habituou a fazer na escola das Antas, quando o tempo escasseia e precisamos de ter a bola). A prestação do Simão foi elogiada pela imprensa internacional. Foi dele a jogada que lançou o Bosingwa para o cruzamento que o Moutinho falhou, foi dele o passe para o Cristiano Ronaldo que, egoísta, não passou ao Nuno Gomes estando este sozinho. Viste a estatística? Quantas recuperações de bola teve o Simão? E passes certos? E o Nuno Gomes só marcou um golo? Pois, mas quantos passes ele fez - contando com os 2 primeiros jogos do Europeu - para os médios entrarem e desperdiçarem? Quem querias tu pôr a jogar naquela posição? O Postiga ? O Almeida? Talvez o Cardozo ou o Liedson, não? Os jogadores, tirando o Ricardo (sempre medíocre, sempre ao nível a que nos habituou e que valeu ao Sporting uma taça UEFA) e o Paulo Ferreira (sofrível), eram bons. O treinador é que era mau de mais para ser verdade. Foram cinco anos e meio a enganar os tolos, mas infelizmente ninguém viu isso logo em 2004. Eu vi mas não me serviu de nada. Quem viu esta equipa no Euro 1996 e no Euro 2000, só pode ter saudades do Humberto e do Oliveira e do futebol que jogámos nesses palcos. E olha que eles ganhavam muito menos, não eram malcriados, não faziam anúncios para a Caixa Geral de Depósitos e não tinham bandeirinhas nas janelas.
Sem imagem de perfil

De Mialgia de Esforço a 20.06.2008 às 15:56

Bolas! Ia comentar, mas o João André já disse quase tudo.
Agora que, finalmente, o homão vai embora, talvez a imprensa tuga se decida a desmontar o mito Scolari. Podiam, por exemplo, começar por isto: em 5 anos e meio de consu(o)lado, ganhou 58% dos jogos. Analise-se o calibre da maioria dos adversários - colossos da bola como o Azerbeijão, Andorra, Luxemburgo, etc. e veja-se o que sobra.

Foi um "blefe".

Não resisto a isto: no 3º golo dos alemães, para além de se encolher, Ricardo parece que vai (vai é capaz de ser um exagero) à bola de olhinhos fechados. Ai que medo! É candidato à titularidade em qualquer agremiação que dispute a Liga dos Últimos.
Sem imagem de perfil

De S a 20.06.2008 às 16:27

Ainda não consegui perceber o porquê de tanta raiva contra o Nuno Gomes, um jogador que joga para a Equipa um dos melhores jogadores do mundo de futebol a jogar de costas para a baliza e a fazer tabelinhas, destaca-se jogo após jogo, com humildade e preserverança e muitas das vitórias portuguesas são devidas a ele e somente ele
Para quem percebe pouco ou nada do assunto, é o vulgar Maria Amélia, já que essas pessoas pensam que o futebol é apenas por a bola na baliza.
Alarguem-se horizontes, o Golo é o resultado de uma jogada DE EQUIPA, e o Nuno Gomes, melhor do que ninguem, sabe disso.
Já é tempo de crescer e aceitar a realidade: se querem ter este odio de estimaçao, que o tenha. Mas arranjem razoes mais validas e menos ignorantes.

Comentar post


Pág. 1/2



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Francisco Carvalho

    E NO FIM GANHA O TRUMP !!!

  • Anónimo

    como não aprecio os gringos desejo ardentemente a ...

  • balio

    O mundo tem sete mil milhões e pessoas.Daqui decor...

  • Vortex

    já nem os touros investem nas praças

  • Anónimo

    Rodeados de bufarinheiros e bonecreiros.É fartar, ...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2008
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2007
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2006
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D