Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




No reino da redundância

por Pedro Correia, em 22.02.06
"Vamos fazer uma curta pausa." (SIC Notícias, 21 de Fevereiro)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Talvez sim, talvez não

por Pedro Correia, em 22.02.06
O João Pedro, na Glória Fácil, concede: não dirá que não à Ordem dos Jornalistas desde que ele próprio não seja forçado a aderir. Até pode ser, mas tenho pena: já o imaginava como candidato a bastonário.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ainda a Ordem

por Pedro Correia, em 22.02.06
Paulo Baldaia, que tem desenvolvido no Insubmisso bons argumentos a favor da Ordem dos Jornalistas, antecipa já nomes de prestigiados profissionais da informação que poderiam liderar este projecto. Vicente Jorge Silva, por exemplo. Ou Judite Sousa. Acho muito bem. E adianto outros: Baptista-Bastos, Manuel António Pina, Adelino Gomes, José Pedro Castanheira, Joaquim Furtado, José Manuel Barata-Feyo, Joaquim Vieira, Francisco Sarsfield Cabral, Jorge Wemans, Graça Franco, Cândida Pinto, João Paulo Guerra, Ferreira Fernandes, Miguel Sousa Tavares, Mário Bettencourt Resendes, Carlos Andrade, Fernando Alves, Nicolau Santos. Qualquer deles - estou certo disso - seria um bom presidente da Ordem dos Jornalistas. Um organismo destinado a regular o acesso à profissão, zelar pelo rigoroso cumprimento das normas deontológicas, promover acções de formação e reforçar o peso institucional dos jornalistas no diálogo com os poderes legislativo, executivo e judicial. Percebo mal que alguns jornalistas, como o meu amigo João Fernandes, persistam em ver equívocos numa proposta como esta, que dificilmente poderia ser mais clara.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Acredite se quiser

por Duarte Calvão, em 22.02.06
Eu vi, ninguém me contou. No verso de uma daquelas medalhas douradas, ou contas, que integram o colar de uma das muitas comendas que têm sido distribuídas pela presidência da república portuguesa, vem gravado em letras de ouro : "Dinisa, Lda Condecorações, Tel. 219 339 353, Fax. 219 344 122".

Autoria e outros dados (tags, etc)

Guerra de civilizações 7

por Pedro Correia, em 21.02.06
- Que canseira! Já corri Seca e Meca...
- Andaste de Herodes para Pilatos, queres tu dizer.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sexo a metro

por Pedro Correia, em 21.02.06
Andar de metropolitano, por estes dias, pode ser muito instrutivo. Estava eu há dias na estação do Campo Grande quando escuto uma voz num altifalante, anunciando (deduzi pelo contexto) uma capa de uma revista feminina: "Fernanda Serrano confessa não ter tempo para pensar em sexo." Não sei porquê, veio-me logo à memória aquela frase de Nelson Rodrigues: "Se cada um conhecesse a intimidade sexual dos outros, ninguém cumprimentaria ninguém." Admito: entrei no metro preocupado.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Dizer mal só por dizer

por Pedro Correia, em 21.02.06
- Já foste ver o western gay?
- Já.
- E então?
- Tinha demasiadas ovelhas para o meu gosto. Se há coisa que eu detesto é ensopado de borrego.

Autoria e outros dados (tags, etc)

A blasfémia do dia (IX)

por Pedro Correia, em 21.02.06
A mim nunca verão de joelhos num tapete.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Notícias inúteis 8

por Pedro Correia, em 21.02.06
Santana ainda anda por aí.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Notícias inúteis 7

por Pedro Correia, em 21.02.06
Sócrates ganhou eleição há um ano.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Emoções fortes

por Pedro Correia, em 21.02.06
"A gripe das aves está cada vez mais perto", revela a SIC, invulgarmente ansiosa. Aguardam-se os primeiros espirros em Portugal.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Jornalismo engajado

por Pedro Correia, em 21.02.06
"Tenham na alma a chama imensa" (Manchete garrafal do jornal A Águia, perdão, do jornal A Bola)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Nada mais certo

por Pedro Correia, em 21.02.06
Sobre a polémica em torno de uma Ordem dos Jornalistas, revejo-me num texto do João Paulo Meneses, impresso no imprescindível Blogouve-se. Chama-se a isto acertar na mouche.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ataque aos jornalistas

por Pedro Correia, em 21.02.06
Aplauso incondicional ao artigo de António Barreto no Público de domingo. A operação policial contra o 24 Horas, diz o comentador, "é talvez, em 20 ou 30 anos, o mais violento ataque contra a liberdade de expressão e o direito à informação, sem falar nos direitos profissionais dos jornalistas". Considerando "confrangedor" o silêncio do ainda Presidente da República, Barreto acentua: "Seria bom que [os dirigentes políticos] percebessem que os direitos dos jornalistas são instrumentais, isto é, garantem os direitos dos cidadãos e a liberdade de expressão e informação".
Só Souto Moura parece não dar por isso...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Obrigado republicanos

por Duarte Calvão, em 21.02.06
Sou leitor da revista Atlântico desde o primeiro número e continuarei a ser com a nova direcção. Comecei agora a ler a óptima edição de Fevereiro, mais atenta à nossa actualidade do que as anteriores, e gostei muito do artigo de Rui Ramos, intitulado "Cavaco visto pela direita", que, como é habitual do autor, nos faz pensar. Apesar de não concordar com tudo o que vem lá, cito uma parte que me interessou bastante. Diz Rui Ramos. "O caminho de Cavaco Silva deveria ser o de restaurar a presidência da república como 'poder neutro' (para citar Benjamin Constant), que é a natureza que convém à instituição, e que os últimos mandatos de Eanes, Soares e Sampaio comprometeram".
É claro que eu como monárquico acho que o que "convém" à instituição é extinguir-se e que é impossível, com ou sem Cavaco (em quem votei), ser um "poder neutro". Além de nunca ter lido Benjamin Constant e de só conseguir fazer análises políticas em registo de conversa de café, o único ao meu alcance e aquele que mais se adequa à blogosfera, acho que Rui Ramos tocou no ponto essencial do que eu escrevi no post "República triste".
Na mesma edição, João Pereira Coutinho começa o seu artigo com a seguinte frase. "As recentes presidenciais transformaram-me num monárquico". Julgo que ele não está a brincar e compreendo-o bem. A mim, quem me transformou num monárquico foi Mário Soares no seu segundo mandato.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tédio

por Duarte Calvão, em 21.02.06
Não percebo bem estes protestos todos em relação à Irmã Lúcia. O que é que espera quem fica um domingo inteiro metido em casa a ver televisão?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Em defesa da Ordem (4)

por Pedro Correia, em 20.02.06
E não se diga que os jornalistas não podem constituir-se em Ordem por não trabalharem como profissionais liberais. Que eu saiba, a grande maioria dos médicos e dos advogados (para não falar dos psicólogos ou dos enfermeiros, que também têm uma ordem profissional) trabalha em regime de assalariamento, o que não invalida a sua inscrição na respectiva Ordem. Ser ou não ser profissional liberal é uma falsa questão. De resto, Ordem e SJ têm campos de acção complementares: há espaço para ambos nas respectivas esferas de intervenção. E por hoje tenho dito.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Em defesa da Ordem (3)

por Pedro Correia, em 20.02.06
Finalmente, há a considerar que só uma ordem profissional, devidamente credenciada para esse efeito pela Assembleia da República, permite a efectiva representação dos jornalistas, nomeadamente junto do poder político. Um sindicato deve concentrar-se em exclusivo na defesa dos interesses socio-profissionais dos seus associados. É uma tarefa importante e na qual desempenha um papel insubstituível. Mas que não pode nem deve confundir-se com outras missões.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Em defesa da Ordem (2)

por Pedro Correia, em 20.02.06
A Ordem dos Jornalistas (OJ) terá por missão específica, ela sim, analisar o desempenho deontológico dos jornalistas atribuindo sanções efectivas aos prevaricadores (e não as platónicas "sanções morais" hoje existentes), chegando ao limite de lhes revogar as carteiras profissionais. Outra missão específica da OJ: a regulação do acesso à profissão segundo critérios de grande rigor. Há hoje cerca de 11 mil titulares da carteira profissional de jornalista. Alguém acredita que este número corresponda ao número exacto de jornalistas em actividade? A bagunça actual tem de acabar também neste domínio. E só a Ordem pode pôr termo a ela.

Autoria e outros dados (tags, etc)

a excepção e a regra

por Albano Matos, em 20.02.06
Apeteceu-me reagir, logo no domingo, à gigantesca operação de propaganda da Igreja Católica montada nas estações privadas SIC e TVI e na pública RTP, a tal do serviço público. Pensei melhor e aguardei 24 horas, esperando que os vários batalhões do Sétimo de Cavalaria da blogosfera, tão prontos a esmagar os sarracenos com duas tecladelas apenas, viessem reivindicar a herança das Luzes ocidentais. Nada. Ninguém se sentiu chocado pelas horas e horas de transmissão directa de uma cerimónia de uma religião organizada. Não ouvi um pio blogosférico nem sequer uma nota - irónica ou indignada - sobre a atitude genuflectória, os olhos em alvo e a pose seráfica de tantos jornalistas encarregados da 'cobertura' nas rádios, televisões ou jornais. Escusam, pois, de vir incomodar a audiência com uma pretensa irreverência de salão. Pobre blogalização!

P.S. : Por ser verdade e digno de realce, destaquem-se as honrosas excepções do costume: José Pacheco Pereira e Vasco Pulido Valente. Saravah!

Autoria e outros dados (tags, etc)




Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • JOTAPA

    Considerando que, na altura, a corrida ao espaço e...

  • Anónimo

    Há 50 anos o homem foi à lua a actualmente a human...

  • Anónimo

    Eu comparo a ida do homem à lua com os factos rela...

  • MAR!

    há cinquenta anos eu nem sequer planeada era! ma...

  • Anónimo

    Sr. Marquês, obrigada pelas fotos aqui tão "à mão"...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D

    subscrever feeds