Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Memórias de estudante I

por Teresa Ribeiro, em 31.03.08

Selva? Será que não consigo usar outra palavra? “Selva” é um lugar comum tão insuportável! Mas frequentemente os lugares comuns são assim: incontornáveis (Oops! Não é o Pedro Correia que odeia esta palavra?).

Pois seja: a escola era uma selva, que começava por nos ameaçar, mas que aos poucos íamos sentindo como nossa. Esse sentimento de posse excluía, sempre excluiu, os professores. Por isso nós, os donos daquele território – mesmo no tempo em que os docentes não tinham sido totalmente despojados de autoridade pelo sistema – éramos implacáveis e cruéis na avaliação que fazíamos deles.

O exame era sumário e realizado, invariavelmente, na aula de apresentação. Passados poucos minutos já todos tínhamos uma opinião, não raro unânime. Sempre me fascinou essa sintonia. Aos 13, 14, 15 anos dava comigo a interrogar-me sobre como é que fazíamos aquilo. Numa turma de 25, 30 almas tão desiguais, como é que quase todos, sem sabermos uns dos outros, cheirávamos nos primeiros minutos se o professor que estava naquele momento na arena iria ser, ao longo do ano, respeitado ou torturado por nós? Era incrível como ficava quase tudo decidido nesse primeiro encontro e como as nossas expectativas relativamente ao estilo de relação que iríamos estabelecer com ele se confirmavam com o passar do tempo. Questão de instinto? I guess... Na selva os bichos também fazem assim.



6 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 31.03.2008 às 15:46

Só que nessa altura a tortura não incluia o uso do telemóvel.
Sem imagem de perfil

De Pedro Barbosa Pinto a 31.03.2008 às 16:00

Exactamente!
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 31.03.2008 às 16:18

Incontornável é incontornável é incontornável é incontornável é incontornável é incontornável é...
Sem imagem de perfil

De AV a 31.03.2008 às 22:44

Questão de instinto, Teresa, isso mesmo.
Instinto de psicólogo ou de sobrevivente, o que nessas idades vem a dar no mesmo. E normalmente acerta no perfil.
Beijinho
Imagem de perfil

De Cristina Ferreira de Almeida a 31.03.2008 às 23:08

Tens toda a razão, Teresa. E se por acaso alguém tivesse filmado algumas dessas lições acho que estaríamos todos bem envergonhados.
Sem imagem de perfil

De J.C. a 31.03.2008 às 23:36

- Tu dá-me o telemóvel!
- Vamos ter fight!
- Olha, a velha vai cair!
- Sai da frente, ó gorda!
- Ó professora, largue a minha colega!
- Vai haver merda!

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2020
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2019
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2018
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2017
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2016
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2015
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2014
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2013
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2012
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2011
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2010
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2009
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2008
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2007
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D
    196. 2006
    197. J
    198. F
    199. M
    200. A
    201. M
    202. J
    203. J
    204. A
    205. S
    206. O
    207. N
    208. D