Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Eles querem tratar-nos da saúde!

por Teresa Ribeiro, em 14.03.08

 

Fiquei muito satisfeita com esta nova proposta de lei do PS que proibe os piercings na língua. De facto, se as pessoas são inconscientes e decidem fazer mal a elas próprias, a atitude responsável de qualquer governo que esteja verdadeiramente empenhado em contribuir para o bem estar da população é proibir esses comportamentos desviantes.

Na minha opinião esta proposta só peca por defeito. Para arrumar de vez com os maus hábitos dos portugueses eu propunha que se fosse até ao fim e interditasse também:

1 – O acesso às praias entre as 11h e as 16h

2 – A venda de chupa-chupas, gomas e rebuçados às crianças

3 – O consumo de álcool

4 – O consumo de fast-food

5 – O consumo de tabaco

Também veria com bons olhos a proibição de noitadas e da venda de sapatos com o salto demasiado alto a senhoras com excesso de peso.

Autoria e outros dados (tags, etc)



14 comentários

Imagem de perfil

De Cristina Ferreira de Almeida a 14.03.2008 às 23:07

Pensava que já era proibido fazer noitadas!
Sem imagem de perfil

De Leonor a 14.03.2008 às 23:13

Nem queria acreditar que fosse verdade...
Sem imagem de perfil

De luis eme a 15.03.2008 às 09:44

A pouco e pouco eles vão acabando com as "amplas liberdades"...

claro que isto vai acabar mal, apesar do PSD continuar a "pagar" para ver...
Sem imagem de perfil

De Maria Soares a 15.03.2008 às 10:42

Não acha um pouco exagerado?Qualquer dia estamos piores que antes do 25 de Abril. A dita liberdade acaba quando o governo interfere nas liberdades individuais. Não gosto dos piercings,mas acho que se deve educar e n proibir. O Português precisa de ser educado mas em quase tudo.Já agora o governo tb podia proibir cuspir para a rua .
Imagem de perfil

De Pjsoueu a 15.03.2008 às 12:09

Isso é verdade, Teresa?

Estou estupefacto perante tal barbárie intelectual e vergonhosamente antidemocrática.

Já agora proíbam o respirar, deitar e levantar tarde (assim já não perdemos o deitar cedo e cedo erguer dá saúde e faz crescer ""

Mas isto não está a ir longe demais????

se pretender visitar-me, moro no blogue http :/ olhaparatisoueu.blogs.sapo.pt /
Sem imagem de perfil

De Luis Serpa a 15.03.2008 às 17:21

Cara Teresa Ribeiro,

às suas sugestões - que são todas, repare, proibicionistas - devíamos acrescentar algumas "obrigações positivas" (será isto o contrário de "liberdades negativas"? A ver...).

Devia, por exemplo, obrigar-se a população entre os 18 e os 50 anos a praticar um desporto - com uma incidência especial na vela, claro (o meu altruísmo não tem limites); devia ser obrigatório, para além do desporto, dar esmola na rua aos pobrezinhos todos; oferecer flores às nossas consortes pelo menos uma vez por semana (ou uma garr... diabo, ia dizer "garrafa de vinho aos consortes", mas não me parece bem. Teria que ser outra coisa: relógios, por exemplo, para aprenderem a andar a horas, ou uma garrafa de água de litro e meio por dia); devia ser obrigatório ir a um museu uma vez por mês, e ao teatro - sobretudo subvencionado - uma por trimestre; ir à biblioteca, comprar sapatos ortopédicos;enfim, a lista é dolorosamente imensa, interminável; espero ansiosamente que o nosso preclaro e preocupado Governo se debruce atentamente sobre coisas fundamentais para o nosso bem-estar e felicidade como estas.

Claro que depois, uma vez isto resolvido, teria que tratar das outras, as menos importantes, secundárias, menores: a Justiça, por exemplo; as Leis do Trabalho (ou o corpus legislativo no seu conjunto); a Educação (é uma maçada, estes professores a distrairem agora a atenção do nosso Governo). Felizmente, forçoso é reconhecer que o nosso Governo, para além de uma aguda noção da liberdade tem o sentido das prioridades. Estamos bem entregues. Esperemos que "eles" nos oiçam e façam deste nosso cantinho um paraíso, um oásis, um éden, um Holmes Place (sem o cheiro a suor, se possível).
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 15.03.2008 às 21:33

Devagar, muito devagarinho, qualquer dia o licenciado Sócrates até ressuscita o velho diploma do tempo de Salazar, que dizia (mais coisa menos coisa) que era multado quem estivesse com a mão na coisa e também era punido quem tivesse a coisa na mão. Se a memória não me atraiçoa, a multa era dolorosa: qualquer coisa como vinte cinco tostões...

Sem imagem de perfil

De Isabela a 16.03.2008 às 00:12

Não sei se já alguém disse aqui, mas as práticas relacionadas com o sado-masoquismo também podem ser muito más para a saúde os portugueses, e portanto devem proibir-se: provocam eventuais escoriações e nódoas negras, entre outros problemas psicossociais. É mau. O vulgar chupão no pescoço também é perigoso, por causa dos hematomas, que são cancerígenos. É proibir os chupões já.
Sem imagem de perfil

De Carlos Alberto Videira a 16.03.2008 às 18:24

falta aos obesos a obrigação de caminharem 30 minutos por dia e a proibição de irem a cadeias de fast food tipo Pizza Hut.

Um governo tão preocupado com as questões de saúde dos portugueses! Será para compensar os fechos de maternidades e de urgências, a promoção do aborto, etc, etc?
Sem imagem de perfil

De anajorge a 17.03.2008 às 14:41

Será isto uma pequena mostra de quem não tem nada de mais importanto com que se preocupar?

É que se assim é, é mesmo muito "preocupante"

Comentar post


Pág. 1/2



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • António

    Chama-se a isso observar de olhos bem fechados.

  • António

    E que é a democracia senão o primado da maioria?

  • Branca de neve

    Numa sociedade democrática e aberta, criminalizar-...

  • António

    Não sei quem é essa senhora nem estou interessado....

  • Anónimo

    Alguém que combate a Ditadura não é automaticament...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D