Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Maria João Pires: "toccata e fuga"

por Pedro Correia, em 30.07.06
“Maria João Pires lanzarotou-se.”
António Costa Amaral, A Arte da Fuga

“Maria João Pires foi-se embora de Portugal, porque não gosta de certos malefícios lusos e do impacto de Morangos com Açúcar. Na sua nova terra, na Bahia, uma coisa é certa: ali nunca houve nem há qualquer vestígio de telenovela.”
Luís Carmelo, Miniscente

“A Bahia deve ser muito mais divertida do que Belgais.”
Eduardo Pitta, Da Literatura

“O Brasil costuma receber muito bem cidadãs portuguesas ligadas à música. Caso aceite tocar Chopin com um ananás na cabeça é provável que Maria João Pires vá parar a Hollywood.”
Leonardo Ralha, Papagaio Morto

“Há quem ostente a emigração como um acto político. Por achar que o ego é maior que a Pátria.”
Jorge Ferreira, Tomar Partido

“Eu já parti e nunca pedi ajuda. Parti, não me queixei, não tinha queixas a fazer. Voltei, continuei sem queixas. As queixinhas dão sempre para desconfiar.”
Francisco José Viegas, A Origem das Espécies

Autoria e outros dados (tags, etc)



7 comentários

Sem imagem de perfil

De inkisitor a 02.08.2006 às 12:02

Grande artigo de Fernando Mora Ramos sobre este tema no Publico de hoje (06-08-02).
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 02.08.2006 às 09:45

O teor dos comentarios referidos neste post (acrescente-se o de Eduardo Prado Coelho no Publico) vem afinal confirmar que MJP tem toda a razao nas criticas que fez.
Olha que figurinhas fantasticas --e com grande projecçao na ruazinha onde moram-- a vêm agora atacar!!
Tanta gente em bicos de pés! Porquê? Miseraveis!!!!!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 01.08.2006 às 18:00

leiam o que eu escrevi, a este respeito, no meu blogue:
http://www.ideiasfeitasemlugarescomuns.blogspot.com/
- José Abrantes -
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 31.07.2006 às 14:41

MJP não deve subestimada como fantástica pianista; e o seu projecto duma escola musical no interior, protagonizado por ela e sobretudo acreditado por ela, é algo de geométrico; o Brasil é a nossa reserva pessoal, um ugar onde nos podemos reconhecer e sentir bem— e ela tem todo o direito de o fazer, a qualquer momento, como qualquer um de nós. Às vezes as pessoas batem a porta, e outras não. Partir com ressentimentos é mau, porque nunca se parte afinal; pelo valor dum recomeçar sim, vale a pena, a pena eo silêncio... —Vasco Rosa
Sem imagem de perfil

De L. Rodrigues a 31.07.2006 às 12:19

Correndo o risco de cair no mesmo:
Há gente absolutamente convencida de que tem de dar opinião sobre tudo.
Sem imagem de perfil

De ni a 31.07.2006 às 11:10

A estas postas todas tão elucidadas até apetece responder como o Ricardo AP, dos gato Fedorento: "Felizmente, há sempre quem, dotado do bom-senso que nos falta, tenha a generosidade de nos carrilar no trilho da moralidade".
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 30.07.2006 às 22:40

"Os cães ladram e a caravana passa",
desta vez rumo ao Brasil.

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Se fala do PCP, sim.Meter o BE no mesmo saco é ceg...

  • Anónimo

    Como é óbvio, o Passos nem sequer vai tentar. Como...

  • Carlos Gonçalves

    Eis, calma aí. O trampolineiro, pelo menos, já não...

  • Anónimo

    Caiu a máscara ao Marcelo. O outro nem máscara usa...

  • Carlos Gonçalves

    Eis, calma aí. O trampolineiro, pelo menos, já não...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2008
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2007
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2006
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D