Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Post pantagruélico

por Corta-fitas, em 11.07.07
O meu amigo Réprobo desafia-me a revelar quais foram as minhas últimas cinco refeições. Nem pensar em responder-lhe. Após negociação, consegui adulterar o conceito e falar sobre cinco pratos que hoje (cada dia tem o seu paladar) deglutiria com prazer. Assim está bem. Aqui vão:
1. Uma catchupa no Melody, mais conhecido como «Bar dos Pretos» ou «o Zé Pedro», em Cascais. Só por encomenda e um segredo cascalense até agora bem guardado. Peçam o picante da casa se forem capazes.
2. O cação no Manuel Azinheirinha, no Escoural (há deputados que vão lá para almoçar, imaginem).
3. O bacalhau podre apodrecido na adega e um arroz de carqueija no Cortiço, em Viseu.
4. Os ossos do Zé Manel em Coimbra (cheguem cedo).
5. Um cantaril fresquinho no Mar do Peixe, na Aldeia do Meco.
E como isto é uma daquelas irritantes «cadeias», vou martirizar:
O Luís Rodrigues, o Rodrigo Moita de Deus, a Rita Barata Silvério, o Nuno Miguel Guedes e o Hélder Robalo, para retribuir e compensar a minha ignomiosa falta. Na minha versão de resposta ou no formato original proposto. À escolha do freguês.

Autoria e outros dados (tags, etc)



26 comentários

Sem imagem de perfil

De João Villalobos a 12.07.2007 às 12:55

Abraços também. Uma escolha tão de demorada digestão quanto a minh a:)
Sem imagem de perfil

De Jose Mexia a 12.07.2007 às 10:03

Boa escolha,
Se me permite dou a minha achega.
Começando pelo Norte:
Caminha-Mexilhões da "Casa Tavares"
Afife-Robalo ao sal da "Mariana"
S.Marta Portuzelo-Cabrito assado do "Camelo"
Porto-Filetes de polvo do "Aleixo"
Fátima-Tudo da "Tia Alice"
Abraços
Sem imagem de perfil

De O Réprobo a 11.07.2007 às 23:34

Bacalhau nem podre, nem... podre de bom. O Bar dos Pretos e o Zé Manel são dois ícones. Mas o que me está mesmo a fazer água na boca é o tal cação.
Fiquei fã, no Alentejo.
Abração
Sem imagem de perfil

De João Villalobos a 11.07.2007 às 18:32

Que eles lá vão foi-me dito pelo próprio patrão do restaurante. Quem ou quais não sei nem me interessa. Abraços
Sem imagem de perfil

De AMV a 11.07.2007 às 17:56

Vale a pena ir ao restaurante do Manuel Azinheirinha. Sou suspeito para falar, porque moro a caminho do Escoural. Das vezes que lá estive, por sorte, nem um deputado que encontrei, pelo menos daqueles identificáveis logo à primeira (não conto, é claro, com os deputados eleitos aqui pela zona da Serra de Monfurado).
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 11.07.2007 às 16:15

Confesso que invejo gente desocupada que se pode dar ao luxo de fazer 100 Km para almoçar!
Sem imagem de perfil

De Francis C. Afonso a 11.07.2007 às 15:37

"há deputados que vão lá para almoçar, imaginem)". João, não percebi o que querias dizer com isto. Não creio que fosse para desmerecer o estabelecimento, mas convenhamos que os deputados da nação não são exemplo de educação do gosto para ninguém. Abraço.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 11.07.2007 às 15:29

Depois de uma almoçarada destas, também eu perorava sobre a vida, o universo e tudo o mais...
Sem imagem de perfil

De H.R. a 11.07.2007 às 15:09

Bem João, por esta não esperava eu. Acho que passo esta. Não sei. Vou pensar...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 11.07.2007 às 14:23

Villalobos come tudo, tudo, tudo,

Villalobos come tudo sem colher,

Villalobos fica todo barrigudo,

E depois dá pancada na criada.

Comentar post


Pág. 1/3



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2008
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2007
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2006
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D