Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Sem pressa de limpar

por Vasco M. Rosa, em 05.10.17

bloco esquerda almada.jpg

Quase uma semana depois das eleições, ainda as cidades estão saturadas da propaganda eleitoral para as autárquicas. Em cidades verdadeiramente geridas com competência, na segunda-feira de manhã brigadas de higiene pública estariam na rua a limpá-las de objectos cuja utilidade morreu de véspera, mais ainda com a colaboração, que me parece devida, daqueles partidos que insistem em gastar muitos milhares com cartazes, outdoors e a parafernália de coisa nenhuma.

Mas essa imediata intervenção de irradicação de inutilidades não pode acontecer, enquanto a vida democrática for dominada pela ditadura dos partidos, entendendo por ditadura dos partidos a convenção da sua inevitabilidade no governo dos municípios.

É preciso manter essa presença na paisagem urbana para que a política seja partidarizada, quando políticos independentes estão a mostrar novos caminhos!

 

(A foto ilustrativa é aleatória. Foi o que apanhei no google. Mas é incrível como se gaste tanto dinheiro — público!! — nestas coisas...)

Autoria e outros dados (tags, etc)



3 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 06.10.2017 às 09:46

se gaste tanto dinheiro — público!!

Não é dinheiro público. É dinheiro dos partidos.

(É verdade que o erário público subvenciona os partidos - tal como subvenciona montes de outras associações nominalmente privadas. Mas, a partir do momento em que a subvenção é recebida pelos partidos, esse dinheiro passa a ser deles. Já não é público.)
Imagem de perfil

De Vasco M. Rosa a 06.10.2017 às 13:27

Pois: é dinheiro dos partidos que deviam ser dinheiro público.
E é sobretudo esse o dinheiro com que os partidos contam para grandes operações de propaganda. Esse e as dívidas astronómicas à banca, que não são para pagar com meios próprios.
Quanto à higiene pública, o Anónimo nada diz. Concordará com essa forma de poluição, certamente
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 06.10.2017 às 13:18

Acabou o período eleitoral. Assim, seria boa prática retirar os atavios que proliferam por aí e que nos causam tamanha canseira. A este parzinho impõe-se um pouco de contenção e decoro pelos demais. 

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    lord Byron: This age of cant («estos tiempos de h...

  • Luís Lavoura

    A esmagadora maioria destas queimadas são totalmen...

  • Anónimo

    Pastorícia, segundo parece, não entendi ainda muit...

  • Anónimo

    É tudo muito bonito, mas apresentem soluções alter...

  • aespumadosdias

    Tantos criticam o Homem mas nenhum se chega à fren...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2008
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2007
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2006
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D