Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Centeno_futebol.jpg

Se é uma evidência que uma pessoa comum deve ser muito prudente quando pede (e mais ainda quando aceita) um presente a alguém, de modo a não comprometer a liberdade de que essa relação carece, acho estranho que um Ministro das Finanças não perceba ao que se expõe quando pedincha lugares para ir à bola a um clube de futebol. Não há “código de conduta” que substitua o bom senso e a boa educação, e era bom que os nossos representantes percebessem de uma vez para sempre a exigência ética que implica o serviço público.

 

Foto: Jornal Recrord

Autoria e outros dados (tags, etc)



11 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 09.01.2018 às 10:35

A mim parece-me que há boas razões para a pedinchice, nomeadamente a segurança.
Nem outra coisa seria de esperar. Em Portugal nenhuma figura pública, nenhuma pessoa importante, vai à bola para o meio da gandulagem. Se um qualquer gestor de uma qualquer empresa que queira ir ao futebol pede um lugar na tribuna presidencial, com muito maior razão um ministro o faz.
Tudo o mais é conversa de Correio da Manhã.
Imagem de perfil

De João Távora a 09.01.2018 às 10:44

E mais caro, mas é possível nos nossos estádios a compra de  bilhetes em camarotes ou similares (afastado da "gandulagem"). 
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 09.01.2018 às 10:38

O João Távora está a confundir um ministro com um frade franciscano. É uma confusão comum em Portugal. Em Portugal, a populaçã acha que os minsitros, e os políticos em geral, se devem comportar como frades franciscanos. Andar de corda à cintura, penitenciarem-se, serem castos e pobres, muito, muito pobres. Porque a culpa é toda deles, não tinham nada de terem cometido o pecado original de serem ministros.
Imagem de perfil

De João Távora a 09.01.2018 às 10:46

Acho muito bem que o ministro ocupe um lugar de acordo com o seu estatuto. Mas que o pague do seu bolso, para bem da sua independência e transparência das suas relações institucionais. 
Sem imagem de perfil

De Zé a 09.01.2018 às 15:05

Se paga ou não é assunto entre o "GLORIOSO" e o ministro!


Este, é um não assunto da direita ressabiada e o pasquim correio e outros similares...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 09.01.2018 às 17:55

Gente eminentemente reles, eis tudo.
Sem imagem de perfil

De The Mole a 09.01.2018 às 18:02

Confirma-se: é isto a "ética" republicana.
Perfil Facebook

De Carlos Conde a 09.01.2018 às 20:57

Não existem sujeitos tão parvos como este anónimo.
Um avençado em serviço.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 11.01.2018 às 23:08

Um ministro, uma figura pública, seja rica ou pobre, seja plebeia ou nobre, não tem que andar de corda à cintura a fazer de franciscano, mas tem de ser íntegro, dar o exemplo e pensar duas vezes se estará a proceder com imparcialidade, dentro de normas que não levem sequer ao risco de más interpretações por quem o elegeu... 
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.01.2018 às 19:21

Está tudo dito


https://2.bp.blogspot.com/-LesK3Zm8-iQ/WlNR4kQ_34I/AAAAAAAAB_Y/OKsDYoZotm4YqBG6QOYe15Zbk9K7vUDXACLcBGAs/s1600/Capture.JPG
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.01.2018 às 19:23

Image

Aqui pagou o bilhete!

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2008
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2007
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2006
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D