Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A Geringonça Britânica

por Vasco Mina, em 10.06.17

Theresa May marcou eleições antecipadas depois de prometer que não as marcaria. Recorde-se que chegou a PM em resultado da demissão de Cameron após o resultado do Referendo realizado no ano passado e ainda na sequência do desentendimento entre grandes destacados dirigentes conservadores: George Osborne, Boris Johnson, Michael Gove. Tenha-se também presente que a posição inicial da deputada conservadora e agora PM era favorável à manutenção do Reino Unido na EU, ou seja, contra o Brexit.

Mas Theresa May marcou mesmo eleições antecipadas para reforçar a sua capacidade negocial junto da EU. Apostou em reforçar a maioria absoluta (que já tinha). Perdeu a aposta mas ganhou as eleições (sim, ganhou apesar de muitos comentários que para aí andam que deixam a entender que foi derrotada). Os trabalhistas, liderados por Jeremy Corbyn, conseguiram crescer eleitoralmente e aumentar significativamente o nr.de deputados mas não ganharam!

Face ao cenário de maioria parlamentar não absoluta, Theresa May negociou o apoio dos irlandeses do DUP (Partido Unionista Democrático). Mas ao que tudo indica, segundo esta notícia, “anunciou hoje que chegou a um princípio de acordo com o Partido Democrático Unionista (DUP) da Irlanda do Norte para governar com o apoio pontual, mas aparentemente sem coligação.” Ou seja, terá aprendido com o PM português e as “Posições Conjuntas”.

Os unionistas do DUP são bem mais conservadores que os próprios conservadores (são contra o aborto e contra o casamento entre pessoas do mesmo sexo) e a Irlanda do Norte foi uma das regiões do Reino Unido que votou claramente a favor da manutenção do Reino Unido na União Europeia no referendo de Junho do ano passado, com uma percentagem de 56%. Um dos pontos pelo qual os unionistas se irão bater é pela manutenção de uma fronteira aberta com a República da Irlanda do Norte. Os unionistas conseguiram 10 deputados mas serão o garante da maioria parlamentar do Governo liderado por Theresa May

A PM britânica não vai ter tarefa fácil pois vais ter de negociar em  três frentes: EU, unionistas e os seus próprios parceiros do Partido Conservador. O que irá conseguir: Soft Brexit ou Hard Brexit? Sobreviver à contestação entre os seus pares conservadores? O que vai ceder aos unionistas? Uma verdadeira british geringonça!

Autoria e outros dados (tags, etc)



1 comentário

Sem imagem de perfil

De JS a 11.06.2017 às 14:56

" ...a posição inicial da deputada conservadora e agora PM era favorável à manutenção do Reino Unido na EU, ou seja, contra o Brexit...".


Faz bem em relembrar essa falta de coerência, aziaga, para um político. 
Será que essa falta se refletiu nesta votação ?. As promessas irrealistas de Corbin certamente.
Qualquer um dos outros potenciais "herdeiros" de Cameron teria sido mais coerente, e capaz, sob o ponto de vista Brexit, pelo menos. 
E ainda poderá vir a o ser.

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2008
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2007
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2006
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D