Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Imãs contra o terrorismo

por Vasco Mina, em 10.07.17

Frequentemente se coloca a pergunta sobre o paradeiro dos muçulmanos que condenam os atos terroristas praticados pelo dito Estado Islâmico (EI) ou Daesh. Ouvem-se, pontualmente, algumas posições mas, sendo isoladas, fica-se com a perceção de serem intervenções pessoais não necessariamente representativas de uma comunidade (neste caso a islâmica). Por outras palavras e numa linguagem mais comum: onde andam os muçulmanos defensores da paz e que condenem o terrorismo? De acordo com esta notícia,” Imãs fazem "tour" europeia contra o terror”. Hoje em Bruxelas mas tendo passado por Paris e Berlim e seguindo depois para Nice. Claro que fica por saber qual a representatividade destes Imãs na comunidade islâmica europeia . Mas em tempos conturbados com ações terroristas, é uma manifestação a saudar.

Manif Muculmanos.png

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



3 comentários

Sem imagem de perfil

De hajapachorra a 11.07.2017 às 00:33

É. E muito esclarecedora, só ganharam coragem quando o Daesh foi derrotado.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 11.07.2017 às 09:53


Não entendi. Faz esta pergunta:


"onde andam os muçulmanos defensores da paz e que condenem o terrorismo?"



Como se não houvessem, e depois coloca uma fotografia de muçulmanos que condenam o terrorismo? Há aqui alguma coisa que não bate certo. O Vasco Mina quer só provocar a confusão'
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 11.07.2017 às 10:01

fica por saber qual a representatividade destes Imãs na comunidade islâmica europeia

Ao contrário daquilo que acontece na Igreja Católica, no islamismo (sunita, o maioritário) não há nenhuma autoridade central (um "papa" ou uma "Cúria") que forneça uma orientação "oficial" da religião. Portanto, de uma forma ou de outra, todos os diferentes imãs são livres de exprimir as suas diferentes visões da sua religião.

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • João Távora

    Não é necessário proibir, mas é importante não lib...

  • Anónimo

    O HPS também deve estar deleitado com a ideia do g...

  • Anónimo

    Que sinais pretende o Estado dar aos nossos jovens...

  • Anónimo

    Todos os que seguiam Jesus e doutrinavam, eram con...

  • Maria Teixeira Alves

    Passos é o melhor presidente do PSD das últimas dé...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2008
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2007
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2006
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D