Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




É só um começo

por João Távora, em 24.01.13

 

(...) Mas, por outro lado, pensar que a confiança que, entretanto, foi possível readquirir nos mercados e na Europa significa que a austeridade e a reforma da despesa pública podem, de alguma maneira, abrandar, é não estar a ver o filme. Queira ou não o Governo, queira ou não o PS e as suas diferentes facções, nós vamos ter mesmo austeridade durante anos. Precisamos dela. Ninguém nos livra da necessidade de uma nova disciplina financeira que nos traga equilíbrio e fiabilidade. As coisas são o que são. Porque Portugal é o que é e tem as debilidades que tem. Não é a Irlanda, a Islândia ou a Espanha. E a solidariedade dos outros não é uma caixa ilimitada. Por isso, não se compreende que António José Seguro tenha vindo dizer que o Governo fez precisamente aquilo que o PS andou a propor desde o ano passado. O facto é que o Governo não pediu mais tempo à Europa para "ajustar" a austeridade que o PS tanto tem criticado. O Governo só pediu mais tempo para pagar os empréstimos da troika. É certo que a austeridade não é tudo, mas não se enganem: ela não acabou, nem irá acabar.

Épreciso, portanto, perceber o que é, o que não é e o que não deve ser este regresso aos mercados. Para o país e para o Governo, é um sinal de que a credibilidade e a soberania financeira estão a ser recuperadas e de que o acesso ao financiamento passará a estar mais facilitado na economia. O que não é: um milagre, uma mudança na nossa situação financeira, que continua calamitosa, a certeza de uma saída feliz e a prova de que não seremos forçados a reestruturar a dívida. Por fim, que não se veja aqui um pretexto cómodo e ilusório para o Governo deixar de fazer as reformas do Estado que precisa. Este regresso não é, por muito que nos custe, o fim da austeridade. Nem pode ser o fim das reformas. Não é uma viragem. É só um começo.

 

Pedro Lomba hoje no Público

Autoria e outros dados (tags, etc)




Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • João Sousa

    Ditador cubano, não: líder carismático.

  • monge silésio

    Imaginem Singapura, EUA, Holanda, China, Áustria, ...

  • monge silésio

    Ora meninos e meninas do MP é tempo de serem úteis...

  • João José Horta Nobre

    O Cristianismo foi a vingança das elites judaicas ...

  • FF

    Uma reflexão extremamente oportuna. O Papa Ratzing...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2008
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2007
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2006
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D