Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Estado de sítio

por João Távora, em 29.11.12

 

Depois do indignado coro por causa da violência do aumento de impostos, os mesmos comentadores oficiosos revoltam-se contra qualquer pretensão governamental de redução da despesa pública, afinal um intocável paradigma da república falida. Ou encontramos petróleo no Beato ou isto vai tudo pelo cano abaixo. 
Corajosa posição teve ontem o insuspeito José Gomes ferreira na Sic Notícias alertando que não há mais tempo para debater um Estado Social insustentável. Uma blasfémia contra a "política". Deve ter levado poucas no toutiço á saída dos estúdios, deve.

Autoria e outros dados (tags, etc)



6 comentários

Sem imagem de perfil

De jorge silva a 29.11.2012 às 11:34

"insuspeito josé gomes ferreira"... brinacamos ou quê? esse fulano é o autêntico papagaio laranja
Sem imagem de perfil

De Miguel Loureiro a 29.11.2012 às 14:06

Com todo o respeito pelo insuspeito José Gomes Ferreira, ontem (e não é a primeira vez) deixou de ser insuspeito e de não conviver bem com as regras democráticas, como bom analista económico que é...
São os chamados "atos falhados" freudianos,
Sem imagem de perfil

De O Falso Rei das Pampas a 29.11.2012 às 11:47

Insuspeito?
Sempre foi um apoiante do austeritarismo...
Sem imagem de perfil

De Terei ouvido mal?! a 29.11.2012 às 12:07

Mas o JGF também disse que tal coisa não devia ser feita à fossanga e sobre o joelho (como agora tem de ser) mas sim desde há pelo menos ano e meio....
Sem imagem de perfil

De Manfred Ulsman a 29.11.2012 às 17:28

Como não se vê nada de substancial o défice é o mesmo ou maior;

assim, vamos lá discutir o Estado Social:
--eliminar cerca de 280 câmaras municipais: hoje em vez das mulas e pombos correio, temos net e telemóvel, não precisamos de aturar o todo-poderoso-atrás-de-balcão, nem a laracha de treta do soba local;...se os privados têm o despedimento coletivo por que razão o Estado que gere o dinheiro de todos não deverá ter?

--concessionar de borla a RTP a um consórcio SIC/TVI;

--horário de funcionamento dos tribunais, repartições fiscais, segurança social: das 9.00h. às 18.00h. e sábados das 9.00 h. às 13.00h.;

--propinas de 8 e 15 euros para o secundário (dependendo do rendimento dos papás): acabou-se a mesada.

--Escolaridade obrigatória até saber ler, escrever, álgebra básica, resumir, falar mandarim e inglês,  isto é, até ao 6º ano: mercado de trabalho a partir dos 14 anos.

--extinguir as despesas de representação;


...a ver se daqui a 4 anos ainda se endividam...
Imagem de perfil

De monge silésio a 29.11.2012 às 18:31

JGF diz o óbvio, só que anda gente a pensar que há uma reserva de guito na Lua para os da Lusitânia.

A discussão já devia ter sido. Logo há 2 anos. Só que apesar de PSD e CDS estarem na oposição, andavam a dormir, não estudando. Não se discutiu, agora é como se tivesse havido discussão. Andamento.

Bastava dar uma espreitadela no FB e na TV para perceber que dezenas de "diplomados" deste País há 2 anos atrás nem sequer imaginavam, andava tudo na invejazinha da lambreta e do guito do gestor...e a turba popularucha ia atrás não vendo um palmo de testa em seu redor.

...quando é a casa do dói-dói em Aguiar de Morcões, é a escolinha de Mojões da Abelha, RSI, e os sobas locais...a chuparem com as contribuições de alguns portugueses, muitos holandeses ou alemães.

Em concreto: PAGAR 78 mil milhões por acalmar o sufoco de 2011, e os juros, e também os juros mais capital que vai vencendo dos governos da Lusitânia-Mais-Rica-Do-Mundo-Com-Direitos de 1989/2010... É esta a discussão.

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2008
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2007
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2006
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D