Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A realidade de costas voltadas para as notícias

por João Távora, em 14.11.12

 

Tal como o sol radioso com que amanheceu este dia, a realidade ainda é um aspecto fantástico desta vida, pela poderosa resistência aos noticiários, que a não conseguem capturar, reduzi-la a uma mensagem política, a filas de trânsito (coisa linda de se ver nestes dias), indivíduos revoltados e a um piquete de privilegiados grevistas, numa obscura e deficitária empresa Estatal. As greves gerais, tornaram-se por estes dias em sofisticadas operações de marketing político autonomizadas da própria "substância".
Pela minha parte, oiço telefonia, os miúdos estão entregues nas respectivas escolas, encontro as lojas abertas, não faltam jornais nas bancas, vejo muita gente na rua e ainda conto dar um salto ao ginásio. No jardim em frente do meu escritório os comerciantes aproveitam esta radiosa quarta-feira e montam as bancadas para o habitual mercado de velharias. Para lá do folclore mediático, ponhamos mãos à obra, pois por cada dia sua pena e o maior inimigo da liberdade é desespero. 

 

Foto Instagram efeito Lo-fi: Feira de Velharias, Jardim Visconde da Luz, Cascais. 

Autoria e outros dados (tags, etc)



4 comentários

Sem imagem de perfil

De Blondewithaphd a 14.11.2012 às 10:42

Sim, ainda vamos tendo vidas para tratar.
Sem imagem de perfil

De PALAVROSSAVRVS REX a 14.11.2012 às 11:17

A greve é minoritária. Nada mais fatal.
Sem imagem de perfil

De gastão a 14.11.2012 às 14:18

Fico feliz por si e pela sua família. Que mundo marivilhoso!
Imagem de perfil

De João Távora a 14.11.2012 às 16:04

o maior inimigo da liberdade é desespero, Gastão.

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Vasco Lobo Xavier

    Agradeço por corroborar o meu ponto. Ainda não aca...

  • Vasco Lobo Xavier

    Informe-se primeiro sobre a realidade que discute....

  • Vasco Lobo Xavier

    Este anónimo deve ser funcionário público, com ord...

  • Anónimo

    Eu acho que o país devia mobilizar-se em protesto ...

  • Anónimo

    Considere-se pessoa de sorte! Só encontra 1 mentir...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2008
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2007
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2006
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D