Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Isto está a ficar perigoso

por João Távora, em 09.11.12


Será que estamos a retroceder aos perigosos tempos em que a prudência mandava disfarçar um apelido sonante e era precavida uma pose “vulgar” e um discurso revolucionário?
Esse igualitarismo ressabiado que apenas serve a oligarquia que capturou o país,  de pouco serve as pessoas. A desconcertante diversidade, a história, a complexidade que se esconde no interior de cada individuo jamais deveria constituir uma ameaça para ninguém. Isto é o que descobrimos para lá dos livros e dos gabinetes, para além das nossas convenientes muralhas e complexos sociais. Os preconceitos só nos impedem de ver mais longe, de sermos mais livres. 

Pergunto-me se, para embirrarmos uns com os outros, já não bastam as convicções políticas mais ou menos profundas com que nos acicatamos uns aos outros. Nesse contexto qual será a importância real dos tiques e vernizes com que costumamos revestir a nossa precária condição? Não somos todos portugueses vivendo uma enorme aflição?

Autoria e outros dados (tags, etc)



7 comentários

Imagem de perfil

De Maria Teixeira Alves a 09.11.2012 às 17:24

Que convicções políticas? Não existem, são tudo sentimentos de classe. As pessoas são de esquerda por classe e de direita por classe. As ideias estão em défice.
Imagem de perfil

De João Távora a 09.11.2012 às 18:40

Não entendo isso das classes. Classes de quê? Profissionais, académicas, genealógicas? 
Qual é a sua classe Maria?
 Qual é a classe da Fernanda Câncio ou do Miguel "Abrantes"? 
Imagem de perfil

De Rui Crull Tabosa a 09.11.2012 às 18:51

É simples caro João: da Maria ...muita! da Câncio ... nenhuma...
Imagem de perfil

De João Távora a 09.11.2012 às 19:26

Da grande classe da Maria não tenho dúvidas, Rui.
Sem imagem de perfil

De ervabuena a 10.11.2012 às 01:59

Já só sabem pedir ajuda!!!
Nem Deus (não invocado em vão) lhes vale!!!
Sem imagem de perfil

De Fernanda a 10.11.2012 às 12:36

E , no entanto, é com um enorme prazer com que se ouve Francisco Louçã na sua intervenção de hoje de manhã.


As ideias fluem, organizadas e tornadas claras e lógicas. Não é preciso slogans. O poder de comunicação é absoluto. Poucas interrupções, mesmo mínimas, causadas por palmas ou palavras de ordem.


É o poder da palavra e da convicção.


Concorde-se ( como é o meu caso) ou não se concorde com a análise feita, o posicionamento político e ideológico, penso que teremos de admitir que o Francisco Louçã faz falta - mesmo para os seus opositores.
Imagem de perfil

De monge silésio a 10.11.2012 às 14:30


Meu caro, anda tudo parvo.
Olham para os finlandeses e disparam video, riram-se das Moody´s e etc, agoram vestem-se de preto por a chanceleina aí vem...
... esquecendo-se que são burgueses/proprietários hoje sem esforço porque um banco alemão lhes deu guito para o serem na módica quantia mensal de uns centos de euros.
...a tuga governativa começou só agora a perceber, quando antes de acordo com a moda, era mentir na campanha eleitoral com a convicção da verdade porque Não Estudam.
...CORTAR na despesa é ISTO:
(na Grécia)
os salários no sector público e as pensões de reforma vão contar cerca de € 5,8 mil milhões dos € 9,4 mil milhões de redução de despesa orçamentados para o próximo ano, medida aprovada pelo Parlamento grego na última 4ª Feira, com o apoio explícito do Partido Socialista.
As medidas aprovadas, incluem cortes de 5 a 35% nas pensões e nos salários dos funcionários públicos, aumentos de impostos e custos mais elevados pela utilização dos serviços do SNS grego. A idade de reforma será aumentada de 65 para 67 anos, para os trabalhadores mais novos.
Seja professores universitários, ou  médicos do SNS, todos estarão sujeitos a cortes salariais entre 10 a 25%, depois de já terem sido sujeitos a cortes de 25 a 30% em anteriores rondas do processo de ajustamento orçamental...
Por sua vez, os funcionários das autarquias locais sofrerão os cortes mais acentuados, estando à cabeça os presidentes de câmara, com uma redução de 50% dos níveis actuais de retribuição...
Quanto aos empregados de entidades do sector público empresarial, cerca de 70.000, verão os seus salários reduzidos em 35%, ao mesmo tempo que serão eliminados TODOS os benefícios extra-salariais que correspondem actualmente a cerca de 3 meses de salário...
DESPESA Pública não eram os euros dos gestores nem o audi do menino lambreta. Isso eram amendoins.

E vamos tendo SORTE, porque se o diretor do Banco Central da China vende títulos soberanos...

Comentar post



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Bergolio

    Bergolio ??Nunca comi.Balha-me Nossa Senhora e os ...

  • Josephvss

    Faz me Lembrar O Papa Bergolio & a FSSPXPS: So...

  • Fernando S

    Muito bem visto, ehehehe !!...A educação, os estud...

  • A mim não me engodas...

    Finalmente, os defeitos que atribui aos monárquico...

  • Renato

    JS, mas onde é que vai buscar essas frases? Note q...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2008
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2007
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2006
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D