Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




10 elevado a 23

por Corta-fitas, em 26.09.07
Foi mais ou menos quanto subiu a minha consideração por Pedro Santana Lopes neste preciso momento. Como resposta à decisão da SIC de interromper a entrevista para umas imagens fugazes do carro de Mourinho e umas inanidades do jornalista para encher o vácuo, PSL teve uma postura de rara elevação e dignidade e deixou a estação televisiva a falar sózinha. Bravo!
Actualização: Alguém habituado a «raciocínicos» diz-me que foi «apenas uma brilhante jogada decidida just in time e destinada a provocar comentários como o meu». Duvido que o tenha sido. Mas não deixaria, mesmo assim, de ser uma «jogada» capaz de aliar o sexto-sentido inato de um político a uma postura de Estado. A SIC, essa, é que fica sempre a perder em qualquer das leituras. Francamente...
Outra actualização: A SIC apresenta aqui o sucedido como se tudo não tivesse passado de uma simples birra de PSL. Não vale a pena, rapaziada. Nem excluir o vídeo do site tão pouco (aliás, não é lógico para as audiências).
E mais: Como sempre, o Rodrigo tem piada. Mas quem sintonizou a SIC Notícias não o fez para ouvir a persona de PSL como comentador de futebol. O que a SIC Notícias deverá entender para não repetir a proeza (e já agora os outros também) é que há alturas em que faz sentido o pot-pourri de uma «lógica noticiosa de 24 Horas». E outras como esta, em que claramente não. O que precisa de avaliar é a capacidade de decidir com base na efectiva informação prestada com os directos, para além do mero facto vazio de conteúdo. O que o canal fez foi menosprezar os seus espectadores, não apenas PSL. Se entenderem isto, só terão a ganhar.

Autoria e outros dados (tags, etc)



25 comentários

Sem imagem de perfil

De Isabel Magalhães a 29.09.2007 às 03:50

Aplaudi a atitude de Pedro Santana Lopes e aplaudo o seu comentário.


Gostei de ter passado por cá.




post scriptum - Posso levar 'emprestado'? :)
Sem imagem de perfil

De Zé Luís a 27.09.2007 às 18:59

Uma bofetada de luvra branca no jornalismo televisivo que na SIC-N em concreto se resume ao Portugal sentado ou alguém no aeroporto.
A Ana, que muitos podem desculpar, não teve tomates da americana Brzezinski que se negou a ler uma notícia de Paris Hilton e rasgou os papéis ali na hora.
Jornalismo de sarjeta, mal cheiroso e, pior, com desculpas de mau pagador.
Mas o Ricardo Costa quem julga que engana?
Tenham vergonha! Eu tenho!
Sem imagem de perfil

De Jose Bernardino a 27.09.2007 às 17:47

Email enviado por mim à SIC imediatamente após o programa:

À direcção de programas da SICNotícias.
Pois é, adorei a atitude do Dr. Santana Lopes, convidado para falar sobre as eleições do PSD, e que, para dar um apontamento de reportagem que não valia um caracol, foi interrompido.
Finalmente, alguém que "os tem no sítio", e vos manda para lá de Braga!!!
Ainda se a interrupção fosse para entrevistar o sr. Mourinho... mas não: foi para um repórter de 13ª categoria bolsar e repetir umas balelas que nada interessaram.
O Dr. Santana Lopes não é santo da minha devoção, mas o que ele fez, muita gente o deveria fazer!
Lamento imenso como telespectador de SIC, mas desta vez... tiveram o que mereceram!!!
Os melhores cumprimentos e... juízo.
José Bernardino
Cascais
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.09.2007 às 14:04

O comunicado do Ricardo Costa é um desastre ainda maior.
Sem imagem de perfil

De Pedro Correia a 27.09.2007 às 12:37

Concordo em absoluto contigo. Sobretudo quando sublinhas: "O que o canal fez foi menosprezar os seus espectadores, não apenas PSL. Se entenderem isto, só terão a ganhar."
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.09.2007 às 11:47

Parece-me certo que foi mais uma tabloidização da SIC que por estes dias tem atacado e que maneira aquela estação televisiva.PSL,homem de muito show-off como se sabe,não podia perder esta ocasião,e cerebral como é, candidato à bancada do PSD no parlamento com a vitória ansiada do seu delfim Menezes teve que fazer o seu numero,para depois como é muito seu agrado vitimizar-se em todo o que é orgão de C.S.
Trata-se sem dúvida neste particular, de uma reacção a quente,(eu acho)mas até que ponto será não será o lançamento de mais altos voos? É que de inocente,PSL não tem nada.

FRODO
Sem imagem de perfil

De Guilhotina a 27.09.2007 às 10:31

Quem diria que um dia seria Pedro Santana Lopes a dar dicas de elevação? A SIC errou, e pior, não reconhece o erro, escudando-se nos defeitos/virtudes de sempre de Santana. Parece-me mal.
Sem imagem de perfil

De TPestana a 27.09.2007 às 10:10

Gostei principalmente da explicação do, cada vez mais cinzento, Ricardo Costa.

Não soube estar nem comportar-se à altura daquilo que faz. Em vez de pedir desculpa, assumir a borrada que fez (a SIC), e de educadamente emendar a mão, chutou para a frente e tentar humilhar ainda mais o PSL.

Teve azar, a questão tinha dado a volta.... Aliás acho que quem está a ver o Telejornal da Noite da Sic Notícias, está bastante mais interessado em ouvir a opinião de PSL sobre o actual momento do PSD, do que em ver o Mourinho a dar as boas noites aos jornalistas.

Acho eu e acha toda a gente, só o director de informação da Sic Notícias é que parece discordar desta ideia...
Sem imagem de perfil

De undertheground a 27.09.2007 às 10:10

PSL pode não ter competência para primeiro ministro mas sem dúvida o gesto de ontem merece o meu reconhecimento.
Sem imagem de perfil

De Pedro Barbosa Pinto a 27.09.2007 às 10:03

E Pinto Balsemão não é dono da SIC?
Que espera para despedir esse energumeno do Ricardo Costa?
Ou aquilo até lhe subiu as audiências portanto vai é receber um prémio de produção?

VÓMITO DE PAÍS!!!!!!!!!!!!!!

Comentar post


Pág. 1/3



Corta-fitas

Inaugurações, implosões, panegíricos e vitupérios.

Contacte-nos: bloguecortafitas(arroba)gmail.com




Notícias

A Batalha
D. Notícias
D. Económico
Expresso
iOnline
J. Negócios
TVI24
JornalEconómico
Global
Público
SIC-Notícias
TSF
Observador

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Épá, que profundo...

  • Anónimo

    lord Byron: This age of cant («estos tiempos de h...

  • Luís Lavoura

    A esmagadora maioria destas queimadas são totalmen...

  • Anónimo

    Pastorícia, segundo parece, não entendi ainda muit...

  • Anónimo

    É tudo muito bonito, mas apresentem soluções alter...


Links

Muito nossos

  •  
  •  
  • Outros blogs

  •  
  • Links úteis


    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2008
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2007
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2006
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D